montando o tcc
37 pág.

montando o tcc


Disciplina<strong>tcc</strong> - Serviço <strong>social</strong>5 materiais108 seguidores
Pré-visualização6 páginas
UNIVERSIDADE ESTÁCIO DE SÁ 
CURSO DE SERVIÇO SOCIAL EAD 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
REGULAMENTO PARA A DISCIPLINA DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DO CURSO DE 
SERVIÇO SOCIAL NA MODALIDADE DE ENSINO À DISTÂNCIA \u2013 100% EAD 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Rio de Janeiro, Janeiro/2019 
 
DIRETRIZES DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO 
DE SERVIÇO SOCIAL EAD 
 
CAPÍTULO I 
DA DEFINIÇÃO E FINS 
 
Art. 1º - O Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) define-se como uma monografia, de autoria 
individual, concluinte do Curso de Serviço Social EAD da Universidade Estácio de Sá, em 
cumprimento às diretrizes curriculares estabelecidas pelo CNE/MEC. 
 
Art. 2º - O TCC deverá ser constituído de reflexões acerca: 
(a) da prática profissional (entendendo-se aqui o estágio supervisionado) com base 
em referenciais teórico-metodológicos do Serviço Social; 
(b) de pesquisa teórica de sistematização do conhecimento em Serviço Social; 
(c) leitura das expressões da \u201cquestão social\u201d que se vinculem à realidade objeto de 
intervenção social; 
(d) o tema a ser pesquisado deve conter relevância teórica (técnico-científica) e social. 
A relevância teórica ocorre quando o tema pode fazer progredir áreas do 
conhecimento científico, e a relevância social do tema acontece quando o 
conhecimento científico produzido por meio de dele possa ser utilizado pela 
sociedade. 
Art. 3º - O projeto de TCC deverá se enquadrar em uma das linhas de pesquisa, a seguir: 
 
Linhas de Pesquisa Temas abrangentes 
1- Formação profissional, processo de 
trabalho e Serviço Social. 
- fundamentos históricos, teóricos e 
metodológicos em Serviço Social; 
- o projeto ético \u2013 político em Serviço Social; 
- as dimensões teórico \u2013 metodológica, ético-
política e técnico \u2013 operativa em Serviço 
Social; 
- o processo de trabalho em Serviço Social; 
- os espaços sócio-ocupacionais do assistente 
social, 
- o exercício profissional e a supervisão em 
Serviço Social. 
2- Políticas social, questão social e 
Movimentos Sociais. 
- análise e avaliação da política social no 
Brasil; 
- análise e avaliação da política setoriais no 
Brasil; 
- gestão e planejamento das políticas de 
seguridade social no Brasil; 
- gestão e planejamento das políticas de 
setoriais social no Brasil; 
- as expressões da questão social (pobreza, 
miséria, desemprego dentre outras); 
- os movimentos sociais no Brasil. 
3- Gênero, Sexualidade e Raça: - análise epistemológica, empírica, teórica e 
metodológica sobre a concepção social de 
gênero, sexualidade e raça, 
- Violência urbana e a relação com gênero, 
orientação sexual e raça; 
- processos identitários e preconceito; 
- a promoção dos Direitos Humanos. 
4- Temas específicos - drogatização; 
- população em situação de rua; 
- direitos humanos; 
- violência urbana; 
- meio ambiente e Serviço Social; 
- planejamento urbano 
- especificidades locais; 
 
 
 
 
Art. 4º - A apresentação e defesa do TCC, bem como a sua aprovação, são requisitos essenciais 
à colação do grau de Bacharel em Serviço Social concedido pela Universidade Estácio de Sá. 
 
 
CAPÍTULO II 
DA ORIENTAÇÃO 
 
Art. 5º - O TCC será elaborado pelo aluno sob a orientação de Docentes do Curso de Serviço 
Social (tutor online), atendidas as exigências regulamentares. 
 § 1º \u2013 A orientação somente poderá ser realizada por docente vinculado a instituição 
na modalidade EAD, podendo excepcionalmente ser realizada por docente da modalidade 
presencial. Em ambos os casos, deverá ter a titulação de bacharel em Serviço Social e 
preferencialmente, possuir título de Mestre, Doutor ou Livre Docente, ou ser reconhecido pela 
Comunidade Acadêmica por possuir notório saber na área da Monografia. 
§ 2º - Só poderão desenvolver a monografia os alunos regularmente matriculados na 
disciplina Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) ou Monografia, que se constitui em disciplina 
do currículo mínimo obrigatório, com 03 (três) créditos, tendo como pré-requisito a disciplina 
Pesquisa em Serviço Social III. 
§ 3º - A troca de orientador só é permitida quando outro docente vinculado a Estácio, 
observando observações da § 1º, assumir formalmente a orientação, mediante aquiescência 
expressa do professor substituído e do Coordenador de Curso. 
§ 4º - A responsabilidade pela elaboração do Trabalho de Conclusão de Curso é 
integralmente do aluno, o que não exime o professor orientador de desempenhar, 
adequadamente, dentro das normas definidas neste Regulamento, as atribuições decorrentes 
da sua atividade de orientação. 
Art. 6º Para o processo de orientação, o aluno/orientando manterá interações sistemáticas 
(mínimo 03 (três) contatos através de envio do conteúdo em construção no semestre, para 
orientação) com o professor orientador, EXCLUSIVAMENTE, por meio da [ferramenta trabalho, 
na web aula], para envio do conteúdo em construção, de forma que o professor possa analisar 
e apresentar suas considerações a respeito do conteúdo produzido. 
§ 1º Caso o sistema apresente falha no envio do arquivo, o aluno deverá realizar um 
print [PrtSc] da tela de erro, remetê-lo ao professor, para que seja autorizado o envio pela 
central de mensagens, até a solução do problema. 
§ 2º O aluno orientando também poderá interagir com o professor, pelo fórum e/ou 
pela central de mensagens para esclarecer as demais dúvidas sobre a disciplina. 
Art. 7º O TCC é um trabalho desenvolvido, em todas as suas etapas, com o acompanhamento 
do professor orientador. Assim, trabalho desenvolvido pelo aluno orientando enviado apenas 
na data limite do processo de orientação, para avaliação final, sem que o professor orientador 
tenha acompanhado seu processo de elaboração ou enviado, sem os três contatos mínimos 
informados no Art. 6º desta seção, não serão aceitos pelo professor, que não fará a correção 
lançando o conceito D, por não haver tempo hábil para as devidas correções e possíveis 
ajustes e devolutiva do trabalho corrigido. 
Art. 8º O TCC deve ser um trabalho autoral, logo produzido EXCLUSIVAMENTE pelo aluno. Nos 
casos de material escrito que apresentarem cópias, configurando plágio de forma parcial ou 
integral, caberá ao orientador comunicar ao aluno orientando para a reescrita do trabalho. Na 
não modificação do material, o aluno será reprovado. 
 
Art. 9º - Compete ao orientador: 
I. Orientar o(s) aluno(s) nas práticas de investigação, bem como nas técnicas de 
confecção de um trabalho científico através da resposta ao material escrito na 
ferramenta trabalho. 
II. Caso seja necessário, encaminhar o orientando para co-orientação e/ou 
especialistas sobre o tema desenvolvido podendo ser profissional de Serviço Social 
externo a Instituição de Ensino, porém com a titulação de Mestre; 
III. Orientar e estimular seu(s) orientando(s) a participar(em) de eventos internos 
e/ou externos; 
IV. Cumprir os prazos determinados neste regulamento; 
V. Realizar a devolutiva do conteúdo enviado pelo aluno orientando para análise em 
um prazo máximo de (15) dias úteis a contar da postagem, considerando o 
calendário civil, EXCLUSIVAMENTE na [ferramenta trabalho, na webaula]. 
VI. Informar ao aluno orientando a existência de cópias que configuram plágio 
(integral ou parcial) no material escrito. 
VII. Ao término do processo de orientação, definir se a monografia está em condições 
de apreciação pela Banca Examinadora; 
VIII. Oficializar à banca de TCC e à Coordenação do Curso, os casos passíveis de 
avaliação, bem como encaminhar as cópias da Monografia, entregue pelo 
Orientando, à banca. O orientador designará a Banca Examinadora e