A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
AV FUNDAMENTO DAS CIêNCIAS SOCIAIS

Pré-visualização | Página 1 de 2

AV FUNDAMENTO DAS CIêNCIAS SOCIAIS
		1a Questão (Ref.: 201709587338)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Aprendemos que existem formas diferentes de compreensão do mundo: a visão do senso comum ou o conhecimento científico. Nesse sentido, marque a única opção verdadeira.
		
	 
	O senso comum depende de juízos pessoais a respeito das coisas, com envolvimento das emoções e dos valores de quem observa.
	
	O senso comum depende tanto de juízos científicos como de juízos pessoais a respeito das coisas, não importando o grau de envolvimento das emoções e dos valores de quem observa.
	
	O senso comum não depende de juízos pessoais a respeito das coisas, nem do envolvimento das emoções e dos valores de quem observa.
	
	O senso comum depende de juízos científicos a respeito das coisas, e do envolvimento das emoções e dos valores de quem observa.
	
	O senso comum depende de juízos científicos a respeito das coisas, sem envolvimento das emoções e dos valores de quem observa.
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201709869903)
	Pontos: 0,0  / 1,0
	Dentre as áreas das Ciências Sociais, qual se ocupa em específico analisam-se as questões ligadas às instituições do poder, como a sua origem, manutenção, distribuição, transferência, ou perda.
		
	
	Ciências Humanas
	
	Antropologia
	
	Ciências Sociais
	 
	Sociologia
	 
	Ciências Políticas
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201709021815)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Marque a alternativa correta a partir da perspectiva antropológica: Ao ouvirmos uma afirmativa do tipo: "a família de João é maluca. Ele ficou doente e ao invés de eles procurarem um médico, foram a um Centro Espírita, fazer uma consulta com a Vovó Maria Conga. Que horror! Que falta de civilização!", podemos afirmar que:
		
	
	Este é um exemplo claro de relativismo cultural, porque o autor da frase reconhece, sem estabelecer hierarquias, o saber do outro.
	
	Existem pessoas, como a que expressou essa frase, que revelam em suas atitudes a preocupação com a saúde da população.
	
	Este é um exemplo claro de uma postura tolerante em relação ao outro.
	
	Quem usa uma afirmativa deste tipo está certo, uma vez que atitudes deste tipo, como a realizada pela família de João, podem acabar matando as pessoas.
	 
	Este é um exemplo claro de etnocentrismo, porque o autor da frase não reconhece, estabelecendo hierarquia, o saber do outro.
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201709781504)
	Pontos: 0,0  / 1,0
	(UFU, 2012) Nas Ciências Sociais, particularmente na Ciência Política, definir o Estado sempre foi uma tarefa prioritária. As tentativas nesta direção fizeram com que vários intelectuais vissem o Estado de formas diferentes, com naturezas diferentes. Numa palestra intitulada Política como vocação, Max Weber nos adverte, por exemplo, que o Estado pode ser entendido como uma relação de homens dominando homens. No trecho da canção d´O Rappa, Tribunal de Rua, dominação é o que se percebe, também, na relação entre cidadãos e policiais (braço armado do Estado). [A viatura foi chegando devagar / E de repente, de repente resolveu me parar / Um dos caras saiu de lá de dentro / Já dizendo, aí compadre, você perdeu / Se eu tiver que procurar você tá fodido / Acho melhor você ir deixando esse flagrante comigo [...] (O Rappa. Lado A Lado B. Warner, 1999). A partir da perspectiva weberiana, relacionada ao trecho da canção acima, evidencia-se que a dominação do Estado
		
	
	a exemplo da dominação de outras instituições, opera de forma genérica, exterior e coercitiva.
	 
	é estabelecida por meio da violência prioritariamente exercida contra grupos e classes excluídos social e economicamente.
	
	ocorre a partir da imposição da razão de Estado, ainda que contra as vontades dos cidadãos que, normalmente, àquela resistem.
	
	é estabelecida por meio do corporativismo prioritariamente exercido a favor de grupos e classes dominantes social e economicamente.
	 
	é exercida pela autoridade legal reconhecida, daí caracterizar-se fundamentalmente como dominação racional legal.
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201709590260)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Dentre outras características, podemos dizer que o positivismo apresenta uma ênfase no método científico e uma crença na evolução social a partir de uma organização racional da vida. Concluímos que, segundo essa teoria, para a realização positiva da sociedade é necessário se observar:
		
	
	a criação de um Estado liberal, sem grande intervenção sobre a sociedade humana, que naturalmente se auto-regulará.
	
	reconhecer a existência de apenas um único movimento social, denominado de "Dinâmico", em que se busca a ordem.
	 
	a formação de um Estado forte, centralizador, mantenedor da ordem social para alcançar o progresso.
	
	a afirmação da luta de classes como movimento dialético de ordem.
	
	o reconhecimento da religião como forma de organização racional-científica da sociedade, capaz de garantir a ordem e o progresso.
	
	
	 6a Questão (Ref.: 201709021774)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Segundo Durkheim, em Educação e Sociedade (1975, p. 45), "todo o sistema de representação que mantém em nós a ideia e sentimento da lei, da disciplina interna ou externa, é instituído pela sociedade." Conforme a teoria desse autor, assinale a alternativa CORRETA:
		
	
	Apesar de sua natureza social, o fim da educação é individual.
	
	A educação não possui natureza social, antagonizando indivíduo e sociedade.
	
	A educação atinge a todos de forma heterogênea por isso promove a individualização
	
	A educação tem por objetivo suscitar o individualismo a fim de conservar a ordem.
	 
	Cabe à educação constituir no homem a capacidade de vida moral e social.
	
	
	 7a Questão (Ref.: 201709246621)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Vemos, com frequência, nos noticiários, casos de homicídios praticados em decorrência de ciúmes entre casais. Na perspectiva de Max Weber, quando levado pelas emoções, o agente social está praticando uma ação:
		
	
	Racional com relação a fins
	 
	Afetiva
	
	Racional com relação a valores
	
	Solidária
	
	Tradicional
	
	
	 8a Questão (Ref.: 201709667008)
	Pontos: 0,0  / 1,0
	A estrutura social da sociedade capitalista está dividida em classes. A apropriação econômica é o principal definidor da estratificação social, assinale a alternativa que apresenta às principais características da sociedade capitalista.
		
	
	feudo, mais-valia, escravos.
	 
	salário, mercadoria, mais-valia.
	
	ócio, comércio, mais-valia.
	 
	solidariedade mecânica, alienação e corporações de ofício.
	
	mercadoria, renda fundiária, servos.
	
	
	 9a Questão (Ref.: 201709013852)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	O BICHO (de Manuel Bandeira): Vi ontem um bicho/ Na imundície do pátio/ Catando comida entre os detritos./ Quando achava alguma coisa,/ Não examinava nem cheirava: Engolia com voracidade. O bicho não era um cão,/ Não era um gato,/ Não era um rato./ O bicho, meu Deus, era um homem.
Com base no texto, assinale a única opção correta:
		
	
	A situação de miséria na qual se encontram inúmeras pessoas no Brasil é resultado da má utilização de alimentos, que poderiam ser consumidos, se fossem doados a tempo a comunidades carentes.
	
	A falta de consciência social das camadas mais ricas da população brasileira resulta na falta de medidas assistenciais que possam fornecer alimentos àqueles que não possuem alimentação adequada.
	 
	A exclusão social no Brasil é tão intensa e violenta a ponto de levar pessoas a se rebaixarem à condição de "bichos", que, não possuindo alternativas, retiram do lixo sua alimentação.
	
	A miséria gerada pela má distribuição de renda resulta num consumo excessivo, levando o lixo a ser uma fonte de alimento viável àqueles que desejam comer aquilo que não