Atividade Estruturada Parte II
2 pág.

Atividade Estruturada Parte II


DisciplinaGestão de Processos10.173 materiais203.800 seguidores
Pré-visualização1 página
Atuação de um escritório de processos \u2013 parte II
Negócio da empresa:
 Descrição das principais dificuldades encontradas no aplicar os conhecimentos aprendidos em uma situação real:
 Foi possível perceber que a maior dificuldade a ser vencida diante dos processos dentro da empresa, é a mudança de cultura, que transforma uma empresa que trabalhou num ambiente fechado durante 60 anos, em ambiente aberto.
 Outro ponto a comentar seria a questão do comprometimento. Falar de comprometimento na teoria parece-nos muito interessante, porém se este não se exteriorizar no dia a dia da empresa de nada adianta. Todos aqueles que compõem a empresa são importantes para seu crescimento e precisam se conscientizar tornando o comprometimento real. Precisamos observar que este comprometimento pode depender muito das vezes de uma maior motivação e reconhecimento. A empresa precisa de fato colocar isto em prática, o que poucas vezes ocorre.
 Foi levantado também certo desequilíbrio no tratamento interno da empresa. Independente de posições é necessário que os empregados tenham tratamento igualitário por parte dos empregadores, para que não gere descontentamento e por fim descomprometimento.
FOCO NO PROCESSO \u2013 MANUTENÇÃO
 Dentre os processos de negócio da empresa optamos por falar do processo da gestão de manutenção dos veículos da empresa em questão.
 Todos os componentes físicos de uma empresa estão sujeitos à ação do tempo, do uso continuado, de desgaste por utilização de forma inadequada etc. Com os veículos da empresa em estudo não é diferente. Assim, mantê-los em perfeito estado de conservação e de uso é uma atividade de grande importância no negócio ao considerarmos os seguintes aspectos, dentre outros:
- Proporciona uma boa aparência. Causando boa impressão no cliente;
- Garante o pronto funcionamento da mecânica e dos equipamentos, evitando perdas de capacidade operacional, ou seja, problemas de funcionamento do veículo;
- Aumenta a vida útil dos veículos e de todos os seus componentes;
- Reduz custos por paradas inesperadas ou por quebras que poderiam ser evitadas;
- Diminui a incidência de acidentes, que eventualmente coloquem em risco a vida dos passageiros, que possam ocorrer por problemas mecânicos entre outros benefícios.
A melhor maneira de ter todas essas questões sob controle é elaborar um detalhado plano de manutenção preventiva, principalmente antes de cada saída para viagem dos veículos da empresa, o que chamamos de check-out, contemplando todos os itens que devem ser considerados no processo, especificando o tipo de operação de manutenção a ser feita, em que período e indicando o responsável pela tarefa.
 Tal plano é, na verdade, uma lista de tarefas que devem ser executadas em dado momento, devendo uma pessoa responsável verificar e atestar sempre o cumprimento do processo de manutenção previsto.
 O plano de manutenção é uma boa ferramenta para apoiar na tarefa de gerenciar o processo.
 A escolha dos profissionais que trabalham no setor de manutenção da empresa foi definida a partir do modelo DEE ROCK de avaliação de pessoas. Trata-se de uma ferramenta para analisar as pessoas envolvidas na empresa. Começa pela base da pirâmide (integridade), e vai subindo até o topo. Verifica-se se elas têm os requisitos sugeridos por Dee Rock como importantes em um colaborador. O uso desse raciocínio para observar pessoas, desde a fase de seleção e durante a permanência na empresa, pode ser muito útil para evitar desvios, evitando uma série de dificuldades e aborrecimentos.
MODELO DE AVALIAÇÃO DE PESSOAS \u2013 DEE ROCK.
 A Evanil mantém equipes de manutenção em todas as garagens. Em cinco destas são realizadas operações preventivas, enquanto nas demais localidades são feitas intervenções para correção de defeitos.
 É adotado um rigoroso método de manutenção preventiva em função da quilometragem acumulada. Além disso, também são utilizadas as mais modernas técnicas de diagnóstico, como análises de óleo e gases poluentes com um dos mais modernos equipamentos.
 Semestralmente, a manutenção passa por uma minuciosa auditoria interna, na qual um comitê de funcionários avalia as condições de trabalho da mesma, utilizando os princípios dos \u201c5S\u201d (saúde, disciplina, ordenação, utilização e limpeza).
 O meio ambiente também é uma constante preocupação. Todas as garagens estão passando por adequações, mantendo os setores de abastecimento, recebimento e armazenagem de derivados de petróleo em conformidade com as normas ambientais vigentes. A Evanil ainda é parceira no Projeto Economizar, o qual busca a redução no consumo de óleo diesel e a diminuição na emissão dos gases poluentes.
 A Viação Evanil possui um centro de treinamento técnico (CAM) totalmente equipado. Com componentes, ferramentas e capacidade para até 15 funcionários por turma, o local abriga cursos técnicos próprios e aulas oferecidas pelos fornecedores.