estequiometria_15fev2012_vf_modo_de_compatibilidade
84 pág.

estequiometria_15fev2012_vf_modo_de_compatibilidade


DisciplinaQuímica Geral I20.180 materiais344.283 seguidores
Pré-visualização4 páginas
de N2 = 2 x a massa atômica
de N.
\ufffd As massas moleculares são numericamente iguais
Conversões entre massas, mols e nº de
partículas
\ufffd As massas moleculares são numericamente iguais
às massas molares.
26
\ufffdConversões massa para mol
1. Determine o número de mols em 212 g de cromato de
potássio (K2Cr2O4 ), sabendo-se que sua massa molar é 194,02
g/mol.
Conversões entre massas, mols e nº de
partículas
g/mol.
nº mols de K2Cr2O4= 212g x 1 mol = 1,09 mol de K2Cr2O4
194,02 g
2. Quantos mols de Niquel (Ni) há em 4,5 g deste elemento? MA
Ni=58,71 g/mol
nº mols de Ni = 4,5 g x 1 mol = 0,077 mol de Ni
58,71 g
27
\ufffdConversões mols para massa
1. Qual é a massa em gramas de 1,69 mol de ácido fosfórico
(H3PO4)?
Conversões entre massas, mols e nº de
partículas
MM do H3PO4 (98,0 g/mol).
massa do H3PO4 = 1,69 mol x 98,00_g_ = 165,62 g do H3PO4
1 mol
2. Quantas gramas de ouro existem em 0,250 mol deste metal?
MA Au é 197 g/mol
Massa Au = 0,250 mol x __197 g_ = 49,25 g de Au
1 mol
\ufffd Conversão entre moles e números de partículas
1.Qual o número de partículas em 1,24 mols?
nº de partículas = 1,24 mol x 6,022x1023 partículas
1 mol
Conversões entre massas, mols e nº de
partículas
1 mol
nº de partículas = 7,47x1023 partículas
2. Qual o nº de mols em 3,24x1023 partículas?
nº moles = 3,24x1022 particulas x _1 mol___
6,022x1023
nº moles = 0,054 mol particulas
29
Moléculas
\ufffd É a menor partícula de um composto que possui as
propriedades químicas do composto.
\ufffd É um grupo discreto de átomos ligados em um arranjo
especifico.
\ufffd As moléculas são eletricamente neutras.\ufffd As moléculas são eletricamente neutras.
\ufffd São formadas pela união de 2 ou mais átomos por ligações
covalentes.
\ufffd Um composto molecular é formado por moléculas.
\ufffd Exemplos: H2O, CH3COOH, NH3 etc.
30
Íons 
\ufffd Um íon é um átomo ou um grupo de átomos com carga
elétrica ( negativa ou positiva ).
\ufffd Um íon com carga positiva é chamado de cátion, e um íon
de carga negativa é chamado de ânion.
\ufffd São formadas pela união de 2 ou mais átomos por\ufffd São formadas pela união de 2 ou mais átomos por
ligações iônicas.
\ufffd Um composto iônico é formado pela combinação de
metais e não metais. Exemplos: NaCl, CuSO4, etc.
\ufffd Íons formados a partir de único átomo são chamados de
íons monoatômicos.
31
Nomenclatura dos compostos 
inorgânicos
\ufffd Nomenclatura química da palavras latinas
Nomen = nomes
Calare = chamar
\ufffd Existem mais de 19 milhões de substâncias químicas\ufffd Existem mais de 19 milhões de substâncias químicas
conhecidas. Para identificá-las contamos com um conjunto de
regras sistemáticas que conduzem a um nome informativo e
único para cada substância, baseado em sua composição.
o As regras para a nomenclatura química baseiam-se na divisão
das substâncias em diferentes categorias;
o compostos orgânicos ( C, O, H, N, S);
o Compostos inorgânicos (todos os demais compostos).
32
Os compostos inorgânicos são formados pela combinação de
metais e não metais. Os metais formam íons positivos (cátions), e
os não metais, formam íons negativos (ânions).
Regras para nomenclatura dos compostos inorgânicos:
\ufffdÍons positivos (cátions )
Nomenclatura dos compostos 
inorgânicos
\ufffdÍons positivos (cátions )
\ufffd São formados por átomos de um metal e recebe o mesmo nome.
Ex: Na+ (sódio), Zn2+ (zinco), Al3+ (alumínio).
\ufffd Se um metal pode formar cátions de diferentes cargas, a carga
positiva é indicada pelo número romano entre parentes depois do
nome do metal . Ex.: Fe2+ [íon ferro (II)], Fe3+ [íon ferro (III)].
\ufffd Cátions formados por não metais tem nomes terminados em
\u201cônio\u201d. Ex.: Amônio (NH4
+), hidrônio (H3O
+) .
33
Nomenclatura dos compostos 
inorgânicos
34
Regras para nomenclatura dos compostos inorgânicos:
\ufffd Íons negativos (Ânions):
\ufffd Ânions monoatômicos têm nomes formados pela substituição
de terminações do nome do elemento por \u201ceto\u201d. Ex.: Cl = cloreto,
H = hidreto, etc.
Nomenclatura dos compostos 
inorgânicos
H = hidreto, etc.
\ufffd Alguns ânions poliatômicos simples tem seus nomes terminados
em ido ou eto. Ex.: OH- (hidróxido),O2
2- (peroxido), CN- (cianeto).
\ufffd Poliatômicos contendo oxigênio tem seus nomes terminados em
ato ou ito. Ex.: NO3
- (nitrato), NO2
-,(nitrito).
Obs.:São utilizados prefixos quando uma série de oxiânions de um
elemento se amplia para quatro membros, como no caso dos
halogênios.
35
Regras para nomenclatura dos compostos inorgânicos:
\ufffd Íons negativos (Ânions):
4. Poliatômicos contendo oxigênio \u2013 O prefixo per indica um átomo de
O a mais que o oxiânio terminado em ato, o prefixo hipo indica um
átomo de O a menos do que o o oxiânio terminado em ato.
Nomenclatura dos compostos 
inorgânicos
36
Regras para nomenclatura dos compostos inorgânicos:
\ufffd Íons negativos (Ânions):
Ex.:
ClO4
- = perclorato (1 átomo de O a mais do que o clorato)
ClO3
- = clorato
Nomenclatura dos compostos 
inorgânicos
ClO3 = clorato
ClO2
- = clorito (1 átomo de O a menos que o clorato)
ClO = hipoclorito(1 átomo de O a menos que o clorito)
anions simples Cl- = cloreto
anions simples Cl- + 1 O = hipoclorito
anions simples Cl- + 2 O = clorito
anions simples Cl- + 3 O = clorato ( oxiânion comum)
anions simples Cl- + 4 O = perclorato
37
Regras para nomenclatura dos compostos inorgânicos:
\ufffd Íons negativos (Ânions):
5. Ânions derivados da adição de H+ a um oxiânion tem tem seu
nome formado pela adição da palavra hidrogeno ou dihidrogeno
como prefixo.
Nomenclatura dos compostos 
inorgânicos
como prefixo.
Ex.: CO3
2- (carbonato); HCO3
- (hidrogenocarbonato)
PO4
3- (fosfato); H2PO4
- (dihidrogenofosfato)
Observem que o H+ reduz de uma unidade a carga negativa do ânion
de origem.
38
EstequiometriaEstequiometriaEstequiometriaEstequiometria
1. Estequiometria
2. Equações químicas;
3. Tipos de Reações química;
4. Fórmulas mínimas a partir de análises;
Temas abordados
4. Fórmulas mínimas a partir de análises;
5. Informações quantitativas a partir de 
equações balanceadas;
6. Reagentes limitantes.
Estequiometria
\u2022 Estequiometria ou cálculo estequiométrico é o
estudo das relações quantitativas de
reagentes e produtos de uma reação química
balanceada.balanceada.
\u2022 Baseado nas leis:
\u2013 Lei da conservação da massa (Lavoisier)
\u2013 Lei das proporções definidas (Proust)
Aplicação
\ufffd É muito utilizada na Indústria e laboratórios em geral. É por
meio de cálculos estequiométricos que se pode estimar as
quantidades de cada reagente participante de uma reação e
prever a quantidade de um dado a ser obtido.
\ufffd As indústrias podem prever custos e rendimentos de seus
Estequiometria
\ufffd As indústrias podem prever custos e rendimentos de seus
produtos, antes mesmo de serem produzidos, em escala
piloto em laboratório.
\ufffd Essas quantidades podem ser expressas em:
Massa
Volume
Quantidade de Matéria
Número de átomos e moléculas
42
\ufffdLavoisier: a massa é conservada
em uma reação química.
\ufffdEquações químicas: descrições
das reações químicas.
Equações Químicas
das reações químicas.
\ufffdDuas partes de uma equação: 
reagentes e produtos:
2H2 + O2\ufffd 2H2O
Equações Químicas
\u2022 Reagentes \u2013 Substâncias iniciais que provocam 
uma reação e encontram-se à esquerda na 
equação.
Produtos \u2013 Resultado da reação e encontra-se à \u2022 Produtos \u2013 Resultado da reação e encontra-se à 
direita na equação. 
H2(g) + O2(g) H20(g)
2 H2(g) + O2(g) 2 H20(g)
\u2022 A equação química para a formação da água pode
ser visualizada como duas moléculas de hidrogênio
reagindo com uma molécula de oxigênio para formar
duas moléculas de água:
2H + O\u2192 2H O
Equações Químicas
2H2 + O2\u2192 2H2O
2Na + 2 H2O \u2192 2 NaOH + H2
reagentes produtos