Prova 2ª - Inteco - Unb - 2014.2

Prova 2ª - Inteco - Unb - 2014.2


DisciplinaFundamentos da Economia14.340 materiais174.638 seguidores
Pré-visualização2 páginas
!
	
  Monitoria	
  de	
  Introdução	
  à	
  Economia	
  	
  
GABARITO	
  2ª	
  PROVA	
  
	
  No	
   quadro	
   abaixo,	
   você	
   pode	
   conferir	
   o	
   gabarito	
   das	
   questões	
   objetivas	
   (questões	
   1	
   a	
   18),	
   de	
  acordo	
  com	
  seu	
  tipo	
  de	
  prova	
  (A,	
  B,	
  ou	
  C).	
  O	
  tipo	
  de	
  sua	
  prova	
  está	
  anotado	
  no	
  quadro	
  situado	
  no	
  canto	
  superior	
  esquerdo	
  da	
   folha	
  de	
  respostas,	
   cuja	
   fotocópia	
   foi	
  entregue	
  em	
  sala	
  pelo	
  monitor	
  de	
  sua	
   turma.	
  Caso	
  você	
  não	
  tenha	
  retirado	
  a	
  fotocópia	
  de	
  sua	
  folha	
  de	
  respostas	
  em	
  sala,	
  você	
  poderá	
  retirá-­\u2010la	
  no	
  guichê	
  da	
  monitoria	
  (ICC	
  Norte,	
  piso	
  superior).	
  	
   	
   TIPO	
  DE	
  PROVA	
   	
   TIPO	
  DE	
  PROVA	
   	
   TIPO	
  DE	
  PROVA	
  	
   A	
   B	
   C	
   	
   A	
   B	
   C	
   	
   A	
   B	
   C	
  
1	
   D	
   A	
   B	
   7	
   C	
   D	
   B	
   13	
   B	
   A	
   B	
  
2	
   C	
   B	
   C	
   8	
   B	
   A	
   D	
   14	
   B	
   B	
   A	
  
3	
   B	
   A	
   A	
   9	
   A	
   C	
   A	
   15	
   A	
   B	
   B	
  
4	
   A	
   B	
   D	
   10	
   A	
   D	
   B	
   16	
   C	
   A	
   C	
  
5	
   C	
   C	
   A	
   11	
   D	
   A	
   A	
   17	
   A	
   B	
   C	
  
6	
   B	
   A	
   C	
   12	
   A	
   B	
   A	
   18	
   B	
   C	
   B	
  
	
   A	
   seguir,	
   você	
   encontra	
   as	
   respostas	
   esperadas	
   para	
   a	
   questão	
   discursiva.	
   Caso	
   discorde	
   da	
  CORREÇÃO	
  das	
  questões	
  discursivas,	
  você	
  poderá	
  interpor	
  recurso,	
  em	
  formulário	
  próprio,	
  disponível	
  no	
  site	
   da	
   disciplina	
   (introducaoaeconomia.wordpress.com),	
   na	
   seção	
   \u201cResultados\u201d.	
   Todas	
   as	
   informações	
  pertinentes	
   ao	
   processo	
   de	
   revisão	
   de	
   notas	
   encontram-­\u2010se	
   no	
   formulário	
   de	
   revisão.	
   Leia-­\u2010as	
  cuidadosamente	
  antes	
  de	
  encaminhar	
  seu	
  recurso.	
  	
  	
  
	
  QUESTÃO	
  19	
  
19.	
  \u201cO	
  orçamento	
  extra	
  de	
  12,1	
  trilhões	
  de	
  ienes	
  (US$	
  160	
  bilhões)	
  do	
  Japão	
  para	
  a	
  reconstrução	
  das	
  áreas	
  costeiras	
  do	
  Nordeste	
  devastadas	
  pelo	
  tsunami	
  provavelmente	
  vai	
  aumentar	
  o	
  Produto	
  Interno	
  Bruto	
  (PIB)	
  japonês	
  em	
  cerca	
  de	
  20%,	
  informou	
  o	
  governo.	
  O	
  efeito	
  será	
  sentido	
  na	
  maior	
  parte	
  do	
  ano	
  fiscal,	
  principalmente	
  na	
  forma	
  dos	
  gastos	
  autônomos	
  do	
  governo,	
  os	
  quais	
  passarão	
  de	
  US$	
  240	
  bilhões	
  para	
  US$	
  400	
  bilhões.\u201d	
  (Terra	
  Notícias,	
  28/10/11,	
  com	
  adaptações).	
  Tendo	
   como	
   referência	
   a	
   notícia	
   acima	
   e	
   o	
   conhecimento	
   adquirido	
   até	
   o	
   momento	
   no	
   curso	
   de	
   introdução	
   à	
  economia,	
  responda	
  as	
  questões	
  que	
  se	
  segue:	
  
A)	
  Considerando	
   os	
   efeitos	
   proporcionados	
   pela	
  medida	
   citada	
   acima,	
   calcule,	
   em	
   dólares,	
   a	
   variação	
   ocorrida	
   na	
  renda	
  após	
  a	
  adoção	
  do	
  orçamento	
  extra.	
  Além	
  disso,	
  tomando	
  por	
  referência	
  o	
  aumento	
  de	
  20%	
  do	
  PIB	
  referido	
  na	
  notícia,	
   calcule	
   a	
   renda	
   total	
   inicial	
   da	
   economia	
   japonesa.	
   Assuma	
   que	
   a	
   propensão	
   marginal	
   a	
   consumir	
   nesta	
  economia	
  seja	
  0,8.	
  
B)	
  Assumindo	
   que	
   o	
   governo	
   japonês	
   teve	
   que	
   incorrer	
   em	
   um	
   déficit	
   público	
   para	
   poder	
   financiar	
   esses	
   gastos	
  adicionais,	
  explique	
  e	
  demonstre	
  graficamente	
  os	
  efeitos	
  de	
  tal	
  medida	
  sobre	
  o	
  mercado	
  de	
  fundos	
  emprestáveis.	
  	
  
GABARITO	
  OFICIAL	
  
A)	
  Com	
  uma	
  propensão	
  marginal	
  a	
  consumir	
  de	
  0,8,	
  o	
  multiplicador	
  keynesiano	
  dos	
  gastos	
  autônomos	
  se	
  
torna	
   !(!!!,!) = !!,! = 5.	
  Dessa	
  forma,	
  um	
  gasto	
  inicial	
  de	
  160	
  bilhões	
  de	
  dólares	
  gera	
  um	
  acréscimo	
  na	
  renda	
  
de	
  800	
  bilhões	
  de	
  dólares.	
  Como	
  isso	
  representa	
  um	
  aumento	
  de	
  20%	
  dos	
  gastos	
  do	
  PIB,	
  a	
  renda	
  inicial	
  seria	
  
de	
  5	
  vezes	
  isso,	
  4000	
  bilhões	
  ou	
  4	
  trilhões	
  de	
  dólares.	
  
	
  
B)	
  Um	
  aumento	
  do	
  déficit	
  público	
   implica	
  em	
  uma	
  redução	
  da	
  poupança	
  pública	
  e,	
  consequentemente,	
  uma	
  
redução	
  da	
  poupança	
  total.	
  Dessa	
  forma,	
  a	
  oferta	
  de	
  fundos	
  emprestáveis	
  (poupança)	
  desloca-­\u2010se	
  para	
  cima	
  e	
  
para	
   a	
   esquerda,	
   provocando	
   um	
   aumento	
   nas	
   taxas	
   de	
   juros	
   de	
   equilíbrio	
   e	
   reduzindo	
   a	
   quantidade	
   de	
  
poupança	
  e	
  investimento	
  de	
  equilíbrio.	
  
	
  !
	
  Monitoria	
  de	
  Introdução	
  à	
  Economia	
  	
  
	
  
	
  
	
  
RESPOSTA	
  PERFEITA	
  DADA	
  POR	
  UM	
  ALUNO	
  
Gabriel	
  Helbourn	
  Bastor	
  \u2013	
  turma	
  F	
  
A.	
      \u2206\ud835\udc4c = \u2206\ud835\udc3a1\u2212\ud835\udc50 = 400\u22122401\u22120,8 = 1600,2 = 160 \u2217 5 = 800	
  Yo\u2014100	
  	
  800	
  \u2013	
  20	
  	
  2\ud835\udc4c! = 800  \ud835\udc65  10    	
  	
  	
  	
  \ud835\udc4c! = !"""! = 4000  \ud835\udc4f\ud835\udc56\ud835\udc59\u210eõ\ud835\udc52\ud835\udc60	
  
	
  
Eduardo	
  Henrique	
  Lopes	
  Correa	
  \u2013	
  turma	
  L	
  
B.	
  Com	
  o	
  déficit	
  público	
  ocasionado	
  pelos	
  desastres	
  naturais,	
  a	
  poupança	
  total	
  do	
   Japão,	
  ou	
  seja,	
  a	
  soma	
  da	
  
poupança	
  pública	
  com	
  a	
  poupança	
  privada,	
  diminui,	
   já	
  que	
  a	
  poupança	
  pública	
  diminui	
  em	
  decorrência	
  de	
  
um	
   aumento	
   dos	
   gastos	
   do	
   governo.	
   Essa	
   diminuição	
   desloca	
   a	
   curva	
   de	
   poupança	
   no	
  mercado	
   de	
   fundos	
  
emprestáveis	
  para	
  a	
  esquerda,	
  diminuindo	
  a	
  quantidade	
  de	
   fundos	
  de	
  equilíbrio	
  e	
  elevando	
  a	
   taxa	
  de	
   juros	
  
desses	
  investimentos.    
  
	
  
	
  
	
  !
	
  Monitoria	
  de	
  Introdução	
  à	
  Economia	
  	
  
CRITÉRIOS	
  DE	
  CORREÇÃO	
  
São	
  10	
  pontos	
  para	
  a	
  questão	
  sendo	
  5	
  para	
  o	
  item	
  A	
  e	
  5	
  para	
  o	
  item	
  B.	
  	
  
No	
  item	
  A:	
  2	
  pontos	
  para	
  a	
  apresentação	
  dos	
  cálculos	
  de	
  variação	
  da	
  renda,	
  sendo	
  eles	
  na	
  forma:	
  
	
  	
  \u2206\ud835\udc4c = \u2206!!!! = !""!!"#!!!,! = !"#!,! = 160 \u2217 5 = 800	
  
ou	
  
	
  \ud835\udc4c! = \ud835\udc36\ud835\udc4e + \ud835\udc3c + \ud835\udc3a(1 \u2212 \ud835\udc50) = 240 + \ud835\udc3c + \ud835\udc36\ud835\udc4e(1 \u2212 0,8) = 1200 + \ud835\udc3c + \ud835\udc36\ud835\udc4e(0,2) 	
  
\ud835\udc4c! = \ud835\udc36\ud835\udc4e + \ud835\udc3c + \ud835\udc3a(1 \u2212 \ud835\udc50) = 400 + \ud835\udc3c + \ud835\udc36\ud835\udc4e(1 \u2212 0,8) = 2000 + \ud835\udc3c + \ud835\udc36(0,2)	
  \u2206\ud835\udc4c = \ud835\udc4c! \u2212 \ud835\udc4c! = 2000 + \ud835\udc3c + \ud835\udc36\ud835\udc4e0,2 \u2212   1200 + \ud835\udc3c + \ud835\udc36\ud835\udc4e0,2 	
  
2	
  pontos	
  para	
  a	
  apresentação	
  do	
  resultado	
  de	
  800	
  milhões	
  de	
  dólares	
  mediante	
  os	
  cálculos	
  e	
  1	
  ponto	
  para	
  o	
  
cálculo	
  da	
  renda	
  inicial,	
  a	
  saber:	
  
800	
  \u2013	
  20%	
  
X	
  \u2013	
  100%	
  \ud835\udc4b = !""!" \ud835\udc65100 = 4000	
  bilhões	
  ou	
  4	
  trilhões	
  
	
  
No	
   item	
  B: