NEUROANATOMIA - Estudo Dirigido (Fabiano) P2
3 pág.

NEUROANATOMIA - Estudo Dirigido (Fabiano) P2


DisciplinaNeuroanatomia4.899 materiais39.706 seguidores
Pré-visualização1 página
1 
 
NEUROANATOMIA \u2013 P2 
Prof. Fabiano 
 
 
1. Quais são os 2 principais sistemas venosos do cérebro e quais são os 2 principais vasos que compõe 
cada um deles? 
Sistema venoso superficial: veias cerebrais superiores (frontais, parietais, occipitais), veias cerebrais médias 
e veias cerebrais inferiores. 
Sistema venoso profundo: veia cerebral magna e veia cerebral interna. 
 
2. Quais são os principais sistemas de irrigação do sistema nervoso (cérebro)? Quais são os principais 
vasos que compõe cada um deles? 
Sistema vértebro-basilar: artérias vertebrais e artéria basilar. 
Sistema carotídeo: artéria carótida interna que possui 4 segmentos: parte cervical, parte petrosa, parte 
cavernosa e parte cerebral. 
 
3. Quais são os principais vasos que compõe o polígono de Willis e qual é a importância desse polígono 
para a manutenção das funções cerebrais vitais? 
Artérias cerebral posterior, artérias cerebral média, artérias cerebrais anteriores, artérias comunicante 
anterior e comunicante posterior. 
O polígono arterial cerebral irriga toda a região cerebral. Em caso de obstrução de uma das carótidas 
internas, a circulação é reestabelecida através de uma circulação colateral por meio das artérias 
comunicantes. 
 
4. Em termos de irrigação através das artérias cerebrais (anterior, média e posterior), qual o nível de 
importância em termos de amplitude? 
As artérias cerebrais anterior, média e posterior dão ramos corticais e ramos centrais. Os ramos corticais 
destinam-se à vascularização do córtex e substância branca subjacente. Os ramos centrais emergem da 
porção proximal de cada uma das artérias cerebrais e comunicantes e penetram perpendicularmente na base 
do cérebro e vascularizam o diencéfalo, os núcleos da base e cápsula interna. 
 
Artéria cerebral anterior: dirige-se para cima na fissura longitudinal do cérebro e curva-se em torno do corpo 
caloso e se ramifica na face medial de cada hemisfério, desde o lobo frontal até o culco parieto-occipital. 
Artéria cerebral média: percorre o sulco lateral em toda a sua extensão distribuindo ramos que vascularizam 
a maior parte da face dorsolateral de cada hemisfério. 
Artéria cerebral posterior: dirigem-se para parte posterior, contornando o pedúnculo cerebral. Percorre a face 
inferior do lobo temporal e ganha o lobo occipital emitindo ramos em toda a sua extensão. 
 
5. Quais são os principais vasos formados a partir da artéria carótida externa? 
Ramos anteriores: a. tireoidea superior, a. lingual e a. facial. 
Ramo medial: a. faríngea média. 
Ramos posteriores: a. occipital e a. auricular posterior. 
Ramos terminais: a. maxilar e a. temporal superficial. 
2 
 
 
6. Qual a importância da irrigação arterial em termos de suprimento metabólico para as células 
neuronais? 
A atividade neuronal depende de um aporte sanguíneo constante que traga oxigênio e glicose para seu 
metabolismo. Nem temporariamente o cérebro pode ser sustentado por metabolismo anaeróbio. Uma parada 
na circulação arterial em torno de 10 segundo leva o indivíduo à perda da inconsciência. Após cerca de 5 
minutos ocorre uma sequências de eventos que culmina na morte do tecido encefálico que deixou de receber 
o aporte sanguíneo. Essas lesões são irreversíveis. 
 
7. Descreva a divisão do sistema nervoso de forma geral e o SNC de forma detalhada. 
O sistema nervoso é dividido em SNC e sistema nervoso periférico (SNP). O SNP é constituído por nervos e 
gânglios nervosos. É subdividido em SN autônomo e SN somático. 
Já o SNC é subdividido em encéfalo e medula espinhal. O encéfalo, por sua vez, é subdividido em cérebro 
(telencéfalo e diencéfalo), cerebelo e tronco encefálico (mesencéfalo ponte e bulbo). 
 
8. Quais as principais estruturas que formam o tronco encefálico e citando algumas funções de cada 
uma delas? 
Mesencéfalo: o teto é constituído de 4 eminências, os conículos superiores e inferiores. Os conículos 
superiores estão envolvidos com a via visual e os conículos inferiores com a via auditiva. O mesencéfalo 
possui uma substância cinzenta própria reunidos em 2 núcleos, rubro e substância negra, que estão 
relacionados com a atividade motora somática. 
 
Ponte: tem um papel fundamental na regulação do sistema respiratório. 
 
Bulbo: é chamado de centro vital, pois rege o funcionamento de vários órgão e sistema responsáveis pela 
sobrevivência como sistema circulatório, digestório, cardíaco e ainda colabora com funções relacionadas à 
deglutição, salivação, espirro e tosse. 
 
9. Quais os 2 pares de nervos cranianos que não se originam no tronco? Qual é a origem e função de 
cada? 
Nervo olfatório (I): é exclusivamente um nervo sensitivo cujas fibras conduzem impulsos olfatórios. Tem 
origem aparente (encéfalo) no bulbo olfatório a partir do qual segue como trato olfatório e se divide em estria 
olfatória lateral e medial. A estria olfatória lateral vai se direcionar para a área olfatória primária e a estria 
olfatória medial vai se relacionar com outras áreas como memória e circuitos da emoção. 
 
Nervo óptico (II): também é um nervo exclusivamente sensitivo cuja função é a visão. Tem origem aparente 
no quiasma óptico e segue até a fissura calcarina terminando na forma de radiação óptica. 
 
10. Qual a função dos nervos cranianos que se originam no mesencéfalo? 
Nervo oculomotor (III): nervo misto relacionado com movimentos oculares e contração da pupila. 
 
Nervo troclear (IV): nervo exclusivamente motor relacionado com movimentos oculares (músculo oblíquo 
superior). 
3 
 
11. quais são e qual a função dos nervos que se originam na ponte? 
Nervo trigêmeo (V): nervo misto relacionado com a sensibilidade da face e mastigação. 
 
Nervo abducente (VI): nervo exclusivamente motor relacionado com movimento oculares. 
 
Nervo facial (VII): nervo misto relacionado com a expressão facial, sensibilidade gustativa nos 2/3 anteriores 
da língua, salivação (glândulas submandibulare e sublingual) e lacrimejamento (glândula lacrimal). 
 
Nervo vestíbulo-coclear (VIII): nervo misto relacionado com a audição e equilíbrio. 
 
12. Quais são e qual a função dos nervos que se originam no bulbo? 
Nervo glossofaríngeo (IV): nervo misto relacionado com a salivação (glândula parótida), deglutição e é 
responsável pela inervação sensitiva e gustativa da língua no 1/3 posterior. 
 
Nervo vago (XI): nervo misto relacionado com a sensibilidade e movimentos viscerais. 
 
Nervo acessório (XI): nervo motor que inerva os músculos trapézio e esternocleidomastóideo. 
 
Nervo hipoglosso (XII): nervo motor que inerva a língua. 
 
13. Onde fica e o que é decussação das pirâmides? 
Fica na parte caudal do bulbo. Decussação é o cruzamento de fibras nervosas do trato córtico-espinhal (ou 
trato piramidal). É devido à decussação das pirâmides que o hemisfério cerebral direito controla o lado 
esquerdo do corpo e o hemisfério esquerdo controla o lado direito. 
 
 
 
 
 
 
 
 
Daniele