Apostila Segurança do Trabalho
28 pág.

Apostila Segurança do Trabalho


DisciplinaSegurança do Trabalho7.522 materiais30.929 seguidores
Pré-visualização10 páginas
o corpo de bombeiros;
Desligar as máquinas e aparelhos elétricos, quando a operação do desligamento não envolver riscos adicionais;
Atacá-lo o mais rapidamente possível, pelos meios adequados.
Para conhecer detalhadamente as providências em incêndio, veja no site do Ministério do Trabalho e Emprego (www.mte.gov.br), a NR-23 Proteção Contra Incêndio.
Resumo
O fogo é uma reação química de oxidação (utilizando oxigênio) com a liberação de luz e calor, que é chamada de combustão ou queima. O fogo só vai existir com a presença de quatro elementos essenciais: fonte de ignição, comburente, material combustível, reação em cadeia. Com a retirada de pelo menos um desses elementos, a combustão não vai acontecer e, dessa forma, o fogo será apagado. Tendo essa informação como base, foram desenvolvidos quatro métodos para a extinção de um incêndio: Resfriamento, Abafamento, Interferência na Reação em Cadeia e Isolamento (Remoção do Combustível).
 
Equipamentos de proteção 
Introdução
Para que os trabalhadores se protejam de forma correta na realização de suas atividades, foram criados equipamentos de proteção, que podem ser coletivos ou individuais. Os Equipamentos de Proteção Coletiva (EPC) são usados com o objetivo de modificar as condições de trabalho em um determinado ambiente, promovendo a proteção de todo o grupo. Já os Equipamentos de Proteção Individual (EPI)são usados por cada trabalhador e se destinam à proteção do funcionário durante a realização do trabalho.
Diante disso e, com base nas coisas que aconteceram na oficina, você vai precisar identificar quais EPC\u2019s e EPIs poderiam ter sido usados para evitar ou diminuir os efeitos do tropeço de João.
Vamos lá! Basta ter atenção a tudo que for dito que rapidinho você vai conseguir identificar qual é o equipamento adequado para cada atividade e profissional, bem como os equipamentos funcionam, são conservados e armazenados.
Equipamentos de Proteção Coletiva (EPC)
Os Equipamentos de Proteção Coletiva (EPC) são usados com o objetivo de modificar as condições de trabalho em um determinado ambiente, promovendo a proteção de todo o grupo. São exemplos bastante utilizados de EPC\u2019s, os chuveiros e lava olhos de emergência, o isolamento acústico de um equipamento ruidoso, os extintores de incêndio, o guarda corpo, a capela, o lava olhos, o corrimão e os exaustores.
Do ponto de vista de proteção aos trabalhadores, as medidas de proteção coletiva são sempre mais eficientes que os equipamentos de proteção individual. Apesar disso, os EPI\u2019s são mais utilizados, pois, normalmente, há curto prazo, eles são mais baratos do que fazer modificações no ambiente. No entanto, há longo prazo, os custos com a manutenção desses equipamentos podem se tornar mais elevados que as medidas de ordem ambiental e coletiva.
 
Extintor
 
Capela
 
Lava Olhos
 
Corrimão
 
Exaustor
Equipamentos de Proteção Individual (EPI)
Os Equipamentos de Proteção Individual (EPI) são usados por cada trabalhador e se destinam à proteção do funcionário durante a realização do trabalho. Esse tipo de equipamentos deve ser usado para atender situações de emergência e sempre que as medidas de proteção coletiva forem tecnicamente inviáveis, estiverem em fase de implantação ou não oferecerem completa proteção.
 
Para atender às necessidades das empresas e garantir, de fato, a segurança dos trabalhadores, os EPI\u2019s devem apresentar inscrição doCadastro de Registro do Fabricante (CRF) e do Certificado de Aprovação (CA). Além disso, é ideal que eles se ajustem comodamente ao usuário e ofereçam proteção efetiva contra os riscos para os quais foi fabricado.
No entanto, para realmente garantir a segurança do trabalhador, é necessário que os funcionários da empresa sejam treinados para saber como e quando usar o EPI e quais são suas limitações, que modelo e tipo de equipamento escolher a depender da situação, além de como limpá-los e armazená-los.
Existem, também, os EPI\u2019s para proteção respiratória; proteção do tronco; proteção dos membros superiores; proteção dos membros inferiores; proteção do corpo inteiro; proteção contra quedas com diferença de nível, dentre outros.
Protetor Auricular
Existem diversos tipos de Protetores Auditivos: 
a) Protetor Auditivo circum-auricular (abafadores tipo concha);
b) Protetor Auditivo de inserção (plugs de inserção);
c) Protetor Auditivo semi-auricular.
 
Capacete
O capacete é o principal equipamento de segurança para proteção contra impactos de objetos sobre o crânio. Existem diversos tipos de capacete, como os usados para proteção contra choques elétricos; capacete de segurança para proteção do crânio e face contra riscos provenientes de fontes geradoras de calor nos trabalhos de combate a incêndio etc.
Ainda como proteção para a cabeça, podemos usar o capuz de segurança para pescoço e crânio.
 
Óculos
Os óculos são os principais equipamentos de segurança para proteção dos olhos contra impactos de partículas volantes, ou seja, soltas no ar. Existem diversos tipos de óculos de segurança como os que servem para a proteção dos olhos contra luminosidade intensa; óculos de segurança para proteção dos olhos contra radiação ultravioleta; óculos de segurança para proteção dos olhos contra radiação infravermelha; óculos de segurança para proteção dos olhos contra respingos de produtos químicos;
Como proteção dos olhos e da face, existem, ainda, os protetores faciais de segurança; as máscaras de solda de segurança etc.
Controle e conservação dos EPI\u2019s
A recomendação do EPI adequado ao risco existente nas atividades realizadas pela empresa cabe à CIPA ou ao SESMT, quando for o caso. No entanto, cumprida essa etapa, tanto os funcionários quanto os patrões ainda têm tarefas a cumprir. Vamos ver?
Cabe ao empregador:
Adquirir o EPI adequado ao risco de cada atividade;
Exigir o uso de EPI\u2019s;
Fornecer ao trabalhador somente o EPI aprovado pelo órgão nacional competente em matéria de Segurança e Saúde no Trabalho;
Orientar e treinar o trabalhador sobre o uso adequado, guarda e conservação do EPI;
Substituir imediatamente o EPI, quando este for danificado ou extraviado;
Responsabilizar-se pela higienização e manutenção periódica dos EPI\u2019s;
Comunicar ao MTE qualquer irregularidade observada nos EPI\u2019s.
Cabe ao funcionário:
Usar o EPI, utilizando-o apenas para a finalidade a que se destina;
Responsabilizar-se pela guarda e conservação do EPI;
Comunicar ao empregador qualquer alteração que torne o EPI impróprio para uso;
Cumprir as determinações do empregador sobre o uso adequado dos EPI\u2019s.
Saiba Mais!
De acordo com a CLT - Art. 462, § 1º, se o trabalhador causar qualquer tipo de dano ao EPI, o patrão pode descontar o valor no salário do funcionário desde que isso tenha sido acordado anteriormente ou em caso de o funcionário tentar enganar o patrão.
Controle de fornecimento de EPI\u2019s
Quando o funcionário é admitido na Empresa, o Departamento de Segurança fornece os EPI\u2019s necessários à sua função, inclusive os requeridos para trânsito nas áreas de risco, e providencia o treinamento para sua utilização. O controle de entrega desses EPI\u2019s é feito através do formulário Ficha Individual - Equipamento de Segurança.
Ocorrendo transferência ou demissão do funcionário, bem como danos aos equipamentos, estes devem ser devolvidos ao Departamento de Segurança, que providenciará os registros necessários na Ficha Individual - Equipamento de Segurança.
O registro da entrega e devolução dos EPI\u2019s é feito para permitir um maior controle por parte da empresa e para atender às Normas Regulamentadoras e a Consolidação das Leis do Trabalho, relativas à Segurança e Medicina do Trabalho.
Limpeza de EPI\u2019s
Cada funcionário é responsável pela limpeza dos equipamentos que estão sob sua responsabilidade e a melhor forma de fazer isso é utilizando água e sabão. No caso das máscaras, a higienização é feita pelo Departamento de Segurança ou empresa especializada.
A Área de Segurança mantém um controle para higienização dos EPI\u2019s, onde consta o tipo