Avaliação 1 2 3 legislação tributaria
12 pág.

Avaliação 1 2 3 legislação tributaria


DisciplinaDireito Tributário I20.741 materiais266.614 seguidores
Pré-visualização4 páginas
Parte superior do formulário
	Processando, aguarde ...
		
		
	
	Fechar
	Avaliação: GST0278_AV3_201102333379 » LEGISLAÇÃO TRIBUTÁRIA
	Tipo de Avaliação: AV3 
	Aluno: 201102333379 - ANA CRISTINA DE PAULO DE OLIVEIRA 
	Professor:
	LEONARDO JOSE MUNIZ DE ALMEIDA
	Turma: 9001/AA
	Nota da Prova: 4,0 de 10,0        Nota do Trabalho:        Nota de Participação:        Data: 27/03/2013 15:00:51
	
	 1a Questão (Cód.: 41676)
	5a sem.: Legislação Tributária
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	A cobrança do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) depende de lei: 
		
	
	(a) exclusivamente municipal, observadas as regras do Código Tributário Nacional. 
	
	(c) relativamente municipal, observadas as regras do Código Tributário Municipal. 
	
	(d) relativamente federal, observadas as regras do Código Tributário Nacional.
	
	(b) exclusivamente federal, observadas as regras do Código Tributário Nacional.
	
	
	 2a Questão (Cód.: 22243)
	5a sem.: Princípios Constitucionais
	Pontos: 0,0  / 1,0 
	A cobrança de tributo no mesmo exercício financeiro em que haja sido publicada a lei que o instituiu não é permitida em face do princípio da
		
	
	anualidade
	
	igualdade
	
	irretroatividade
	
	legalidade
	
	anterioridade
	
	
	 3a Questão (Cód.: 14991)
	8a sem.: Crédito Tributário
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Decadência é sinônimo de caducidade. Corresponde ao prazo assinalado por lei para exercício de um direito. Na esfera tributária entende-se que esse prazo é de 5 anos e se relaciona:
		
	
	à perda de a Fazenda Pública executar a dívida fiscal 
	
	a uma das formas de constituição do crédito tributário
	
	à perda do direito de a Fazenda Pública efetuar o lançamento e uma das causas de extinção do crédito tributário
	
	ao perdão pela falta cometida pelo infrator de deveres tributários
	
	à restituição do tributo quando esse é recolhido e pago a maior
	
	
	 4a Questão (Cód.: 17662)
	10a sem.: CREDITO TRIBUTÁRIO
	Pontos: 0,0  / 1,0 
	Através de ação executiva, o Estado busca receber os créditos tributários não pagos. O título executivo que lastreia a propositura da competente ação de execução fiscal denomina-se:
		
	
	Sentença.
	
	Certidão de dívida ativa.
	
	Certidão positiva.
	
	Nota cambial.
	
	Certidão negativa.
	
	
	 5a Questão (Cód.: 49438)
	2a sem.: ESPÉCIES TRIBUTÁRIAS
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Considere que um determinado Município instituiu uma taxa de coleta domiciliar de lixo, pois a coleta de lixo é de incumbência local. Analise as asserções seguintes relativas ao tema. O Município ao instaurar a prestação de serviço poderá editar uma lei que institua o tributo PORQUE essa taxa tem como contribuintes os proprietários de imóveis, eis que estes dispõem do serviço em prol de suas unidades imobiliárias. A respeito dessa afirmação, assinale a opção correta.
		
	
	A primeira asserção é falsa e a segunda é verdadeira
	
	As duas asserções são verdadeiras, mas a segunda não é a justificativa correta da primeira
	
	As duas asserções são proposições verdadeiras e a segunda é uma justificativa correta da primeira
	
	As duas asserções são falsas, pois uma não justifica a outra
	
	A primeira asserção é verdadeira e a segunda é falsa
	
	
	 6a Questão (Cód.: 41687)
	2a sem.: Legislação Tributária
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	O Tributo é: [SBM/UNESA] 
		
	
	(b) Tributo é toda prestação pecuniária compulsória, que constitui sanção por ato praticado por pessoa física ou jurídica que seja contrário à lei.
	
	(c) Tributo é toda prestação pecuniária compulsória, em bens ou serviços, que não constitua sanção de ato ilícito, instituída em lei e cobrada mediante atividade administrativa plenamente vinculada. 
	
	(d) Tributo é toda prestação pecuniária facultativa, que constitui sanção por ato praticado por pessoa física ou jurídica que seja contrário à lei.
	
	(a) Tributo é toda contribuição pecuniária prestada por pessoa física ou jurídica para que o Estado possa custear o bem comum. 
	
	
	 7a Questão (Cód.: 18990)
	7a sem.: Crédito Tributário
	Pontos: 0,0  / 1,0 
	Com relação ao lançamento tributário, analise as afirmativas a seguir. I. De acordo com a redação do CTN o lançamento por homologação é aquele efetuado com base na declaração do sujeito passivo ou de terceiro, quando um ou outro, na forma da legislação tributária, presta à autoridade administrativa informações sobre matéria de fato, indispensáveis à sua efetivação. II. O lançamento regularmente notificado ao sujeito passivo pode ser alterado a qualquer tempo em virtude da caracterização de erro de direito. III. Aplica-se ao lançamento a legislação que, posteriormente à ocorrência do fato gerador da obrigação, tenha instituído novos critérios de apuração ou processos de fiscalização, ampliado os poderes de investigação das autoridades administrativas ou outorgado ao crédito maiores garantias ou privilégios, exceto, neste último caso, para o efeito de atribuir responsabilidade tributária a terceiros. Assinale: 
		
	
	se todas as afirmativas estiverem corretas.
	
	se somente a afirmativa II estiver correta.
	
	se somente a afirmativa III estiver correta.
	
	se somente as afirmativas II e III estiverem corretas.
	
	se somente a afirmativa I estiver correta.
	
	
	 8a Questão (Cód.: 17656)
	8a sem.: CREDITO TRIBUTÁRIO
	Pontos: 0,0  / 1,0 
	De acordo com as disposições contidas no Código Tributário Nacional, é correto afirmar que a ação para cobrança de crédito tributário:
		
	
	Prescreve em dez anos, contados da data de sua constituição definitiva.
	
	A ação para cobrança de crédito tributário é imprescritível.
	
	Prescreve em cinco anos, contados da data de sua constituição definitiva.
	
	Prescreve em dez anos, contados da data do fato gerador.
	
	Prescreve em cinco anos, contados da data da ocorrência do fato gerador.
	
	
	 9a Questão (Cód.: 22239)
	4a sem.: Limitação ao Poder de Tributar
	Pontos: 0,0  / 1,0 
	Objetivando garantir o cidadão contra as investidas estatais, a Constituição impôs limites à atuação das entidades públicas em matéria tributária. Com relação ao assunto, julgue os itens abaixo.
		
	
	Nos termos da Constituição e em conformidade com o princípio da legalidade, qualquer majoração ou instituição de tributos deve vir veiculada em lei.
	
	A instituição de empréstimos compulsórios, no caso de investimento público de caráter urgente e de relevante interesse nacional, deverá submeter-se ao princípio da anterioridade tributária.
	
	As leis da anistia ou remissão, em matéria fiscal, devem ser editadas no nível federal, qualquer que seja o tributo subjacente.
	
	Existe a possibilidade de que a competência da União para instituir impostos não discriminados na Constituição seja exercida por meio de lei ordinária.
	
	Os empréstimos compulsórios deverão ser instituídos, sempre, por meio de lei complementar.
	
	
	 10a Questão (Cód.: 43631)
	5a sem.: Impostos (características)
	Pontos: 0,0  / 1,0 
	O sistema constitucional tributário requer, para a instituição de empréstimo compulsório, que sejam observados os seguintes requisitos, EXECETO:
		
	
	O empréstimo compulsório que tiver como pressuposto despesas extraordinárias decorrentes de calamidade pública, de guerra externa ou sua iminência não pode ser exigido de imediato.
	
	De acordo com a hipótese de incidência, os empréstimos compulsórios podem assumir a natureza de taxas, contribuição de melhoria ou impostos. 
	
	O empréstimo compulsório que tiver como pressuposto despesas extraordinárias decorrentes de calamidade pública, de guerra externa ou sua iminência não precisam atender ao princípio da