pricípios ciências tecnologia materiais
81 pág.

pricípios ciências tecnologia materiais


DisciplinaFundamentos de Ciências dos Materiais2.820 materiais49.438 seguidores
Pré-visualização22 páginas
(Ref.: 201307084349)
	
	O principal objetivo do tratamento térmico de Revenido nos Aços é:
		
	 
	diminuir a dureza dos aços após a têmpera
	
	aumentar a resistência tração
	
	promover a esferadização da cementita
	 
	aumentar a tenacidade a fratura do aço temperado
	
	evitar as trincas de têmpera
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201307084346)
	
	O recozimento pleno tem como objetivo principal:
		
	
	aumentar a resistência à tração
	
	diminuir a usinabilidade
	
	aumentar a dureza e diminuir a tenacidade
	 
	diminuir a dureza, aumentando a usinabilidade
	
	aumentar a resistência a abrasão diminuindo a dureza
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201307214827)
	
	Os tratamentos térmicos basicamente consistem em aquecer o metal a uma determinada temperatura, mantê-lo nesta temperatura durante um certo tempo e resfriá-lo a uma taxa apropriada. Este procedimento tem como objetivo alterar a microestrutura do metal, alterando em consequência, suas propriedades mecânicas e tornando-as adequadas a uma determinada finalidade. Por exemplo, se desejarmos obter um aço mais duro, porém mais frágil, poderemos pensar, de forma simplificada, em aquecimento e resfriamento rápido.
Com relação aos tratamentos térmicos, não podemos afirmar que:
		
	
	Quanto mais rápido for o resfriamento, menor o tamanho de grão.
	
	A temperatura de aquecimento geralmente é superior a zona crítica.
	
	Quanto mais alta a temperatura de aquecimento, maior é o tamanho de grão.
	
	O tempo de permanência na temperatura de aquecimento (encharque) influencia no tamanho de grão.
	 
	A temperatura de aquecimento não influencia no tamanho de grão.
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201307112489)
	
	O tratamento térmico de têmpera é comumente utilizado na indústria mecânica para aumentar a dureza de componentes frabicados de aço. Quando o processo de têmpera produz tensões residuais internas no material, essas são aliviadas através de outro tratamento térmico, denominado revenido, o qual além de aliviar tensões aumenta:
		
	
	preserva as propriedades mecânicas do material
	
	torna o material menos resistentes aos choques
	 
	aumenta a ductibilidade do material
	
	aumenta a fragilidade do material
	
	aumenta a dureza do material
		
	
	 5a Questão (Ref.: 201307298891)
	
	O Alumínio ocupa relevante importância nos utensílios utilizados naws cozinha domésticas, por ser um metal leve, de fácil conformação, não é tóxico (como metal), não provador de faíscas e de excelente aspecto estético. Com relação ao Alumínio, NÃO podemos afirmar:
		
	
	Possui alta resistência à corrosão.
	 
	Pode ser utilizado em temperaturas superiores a 750oC, que a forma do recipiente será mantida.
	
	É geralmente um metal maleável e muito dúctil.
	
	O Alumínio é um material pouco tenaz que encrua-se sob trabalhos mecânicos a quente.
	
	O Alumínio possui excelente laminação, sendo considerado comercialmente puro com teores de 99,0%, apresentando baixa dureza e uma boa fusibilidade.
		
	
	
	 6a Questão (Ref.: 201307214829)
	
	Existem muitas variações de tratamento térmica, cada uma com sua finalidade específica. Entre os tratamentos mais utilizados, encontra-se a RECOZIMENTO, que possui como finalidade recuperar a textura cristalográfica anterior do material que sofreu um outro tratamento térmico ou mesmo deformação mecânica. Com relação a esta variação de tratamento térmico, só não podemos afirmar que geralmente o mesmo atua:
		
	 
	Alterando a composição do aço.
	 
	Alterando as propriedades eletromagnéticas do material.
	
	Ajustando o tamanho de grão.
	
	Diminuindo a dureza a do material.
	
	Diminuindo a ductilidade.
	 1a Questão (Ref.: 201307214910)
	
	Na indústria química, a utilização de polímeros se tornou ampla e variável a partir da Segunda Guerra Mundial, com a substituição de diversos polímeros naturais, como a borracha, o couro animal, a lã, a seda etc. Um fato importante a ser considerado é o comportamento do polímero quando submetido a um gradiente de temperatura; neste contexto, podemos classificá-los de termo-plásticos ou termo-fixos.
Com relação aos primeiros, PODEMOS afirmar que:
		
	
	Não podem ser recicláveis.
	
	As cadeias são geralmente ligadas apenas por forças de covalentes.
	
	Geralmente não possuem moléculas lineares ou ramificadas.
	 
	Tornam-se macios e deformáveis quando aquecidos.
	 
	As ligações entre as cadeias não podem ser rompidas por ativação térmica, permitindo deslizamento das cadeias.
		
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201307119472)
	
	Deseja-se produzir uma peça metálica em que necessite de uma elevada resistência ao desgaste, elevada resistência mecânica, não necessite ser dúctil e seja de baixo custo. Dos materiais apresentados abaixo, qual das opções seria a mais indicada?
		
	 
	Ferro fundido
	 
	Aço alto carbono
	
	Aço ferramenta
	
	Aço refratário
	
	Liga de titânio
		
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201307214835)
	
	Tratamentos termoquímicos são processos que visam principalmente a modificação das características superficiais, geralmente aumentando-se a dureza superficial e a resistência ao desgaste e deixando-se o núcleo da peça feita com o material em questão dúctil. Este procedimento consiste através na difusão de elementos na rede cristalina metal mediante o contato do metal com elementos específicos a altas temperaturas (entre 500oC  a 1000ºC).
Entre os processos termoquímicos conhecidos, NÂO podemos citar.
		
	
	Cianetação.
	
	Carbonitretação.
	 
	Boretação.
	 
	Recozimento.
	
	Nitretação.
		
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201307214841)
	
	Com relação ao fenômeno da corrosão, há diferentes formas de classificá-lo, considerando o meio corrosivo e o material que sofreu corrosão. Entre as diversas denominações adotadas nesta classificação e suas características, NÂO podemos apontar como verdadeira:
		
	
	Corrosão filiforme.
	
	Corrosão intergranular.
	 
	Corrosão discordâncítica.
	
	Corrosão alveolar.
	
	Corrosão transgranular.
		
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201307214837)
	
	Corrosão é o fenômeno segundo o qual os metais tendem, sob a ação de agentes atmosféricos ou de agentes químicos, a voltar ao seu estado de primitivo, sofrendo, assim, processos de oxidação e redução. O fenômeno químico (oxidação/redução) é invariavelmente acompanhado da descaracterização dimensional da peça em questão, comprometendo o todo estrutural.
Com relação ao fenômeno da corrosão, NÃO podemos afirmar que:
		
	 
	Reduções/oxidações: representam a sequencia de reações químicas que, embora gerem outros elementos, não provocam variação volumétrica na peça em questão.
	
	Eletrólito: é o fluido condutor que transporta a corrente elétrica do anodo ao catodo.
	
	Área anódica: é a parte da peça em questão onde ocorrerão reações de oxidação do metal.
	
	Área catódica: é a parte da peça em questão onde ocorrerão reações de redução.
	 
	Circuito metálico: é o meio que estabelece a ligação entre o anodo e o catodo.
		
	
	
	 6a Questão (Ref.: 201307214846)
	
	Diversos fatores influenciam a corrosão, entre eles a acidez do meio em combinação com a temperatura do mesmo. Considerando o exposto e a o gráfico a seguir, analise as proposições e identifique a INCORRETA:
 
 
		
	
	A taxa de corrosão é maior nos ambientes de menor pH.
	 
	O pH sempre afeta a taxa de corrosão.
	 
	A taxa de corrosão aumenta com a temperatura.
	
	A temperatura sempre afeta a taxa de corrosão.
	
	Em temperaturas diferentes, não há igualdade das taxas de corrosão.
	
	
	 1a Questão