A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
Relações

Pré-visualização | Página 1 de 3

Mónica Rodrigues 
Relações: 
Tronco pulmonar (póstero-supero-esquerda) 
Intrapericárdica Extrapericárdica 
À direita: porção ascendente da Aorta 
Posteriormente e à esquerda: aurícula esquerda 
Anteriormente: pericárdio (pois encontra-se dentro da 
bainha arterial pericárdica) 
Tem os seus flancos laterias cruzados pelas coronárias 
(espaço entre a artéria e os respetivos apêndices 
auriculares) 
Anteriormente e à esquerda: Pulmão esquerdo 
Superiormente: Porção horizontal da crossa da aorta (à 
qual se encontra unida pelo ligamento arterial – atrofio 
do canal Botal) 
Posteriormente: Brônquio principal esquerdo (pois a 
bifurcação do tronco arterial dá-se à esquerda da 
bifurcação da traqueia) 
Artéria Pulmonar direita (horizontal/ligeiramente 
descendente) 
Artéria Pulmonar esquerda (póstero-supero-esquerda) 
Superiormente: crossa da aorta e crossa da veia ázigos 
Inferiormente: aurícula direita 
Posteriormente: Brônquio principal direito e bifurcação 
da traqueia 
Anteriormente: veia cava superior (à direita) e aorta 
ascendente (à esquerda) 
 
Superiormente: crossa da aorta 
Inferiormente: aurícula esquerda 
Posteriormente: Brônquio principal esquerdo 
Anteriormente: veia pulmonar esquerda superior 
 
 
Aorta torácica 
Aorta ascendente (ântero-súpero-direita/vertical até altura da 1ª articulação esternocostal) 
Anteriormente: pericárdio (encontra-se na mesma bainha arterial que a artéria pulmonar), timo e parede torácica 
(Através deste). 
Posteriormente: Artéria pulmonar direita 
À esquerda: tronco arterial pulmonar 
À direita: veia cava superior 
 
Apresenta os 3 seios de Valsalva (origem das 2 coronárias, nos seios anteriores) e o grande seio da aorta 
(resultante do choque de onda provocado pela transição aorta ascendente→porção horizontal da crossa) 
 
Porção horizontal da Aorta (Crossa) (Postero-esquerda até T4) 
Superiormente (De anterior→posterior e da direita→esquerda): Tronco arterial braquiocefálico, artéria tiroideia 
inferior de Neubauer (inconstante), artéria carótida comum esquerda, Artéria subclávia esquerda 
Inferiormente: Raiz do pulmão esquerdo (Brônquios Principal, Artéria pulmonar, Veias Pulmonares, Artérias e Veias 
Brônquicas e Vasos Linfáticos) e nervo laríngeo recorrente (dá a volta ao flanco inferior da aorta) 
Anteriormente: Vasos pericardicofrénicos e nervo vago esquerdo 
Posteriormente e à direita: traqueia e esófago 
 
Inferiormente à crossa existe 1 espaço entre esta e a bifurcação do tronco arterial que se encontra preenchido 
pelo ligamento arterial e pelo gânglio cardíaco superior do plexo cardíaco 
 
A face superior da aorta forma, posteriormente à origem da artéria subclávia esquerda, o fundo de saco pleural 
supra-aórtico (insinuação da pleura esquerda a fim de contactar os flancos esquerdos da coluna e esófago). 
Tronco 
braquio-
cefálico 
A. Tiroideia 
IMA 
A. Carótida 
Comum 
esquerda 
A. Subclávia esquerda 
Ant: Veia 
braquio-
cefálica 
esquerda, timo, 
Posteriormente: 
Traqueia 
Termina no istmo 
da tiróide 
Ant: Veia braquio-
cefálica esquerda e 
esterno 
Ant: Veia braquio-cefálica esquerda, carótida 
comum esquerda 
Post: coluna vertebral, músculos pré-vertebrais 
 
Mónica Rodrigues 
articulação 
esterno-
clavicular 
direita (nível 
em que se 
bifurca) 
Post: Traqueia 
e nervos 
cardíacos 
Med: Inicio da 
carótida 
comum esq 
Lat: pleura e 
pulmão direitos 
Post: nervo laríngeo 
recorrente esq e 
nervos cardíacos, 
esófago (póstero-
medialmente), 
ducto torácico e 
a.subclávia 
esquerda 
Medialmente: 
traqueia 
Lateralmente: 
Nervo vago 
esquerdo, pleura, 
pulmão esquerdo 
 
Med: traqueia, esófago, Nervo laríngeo recorrente 
esquerdo, nervo vago esquerdo (passa entre esta 
artéria e a carótida comum esquerda) 
Lat: pleura, pulmão esquerdo 
Aorta torácica descendente (T4→T12 (hiato aórtico), descende com obliquidade antero-medial) 
Ântero-superiormente: raiz do pulmão esquerdo, nervo vago esquerdo 
Ântero-inferiormente: esófago e recesso interaórticoesofágico 
Posteriormente: coluna vertebra, tronco simpático esquerdo e veia hemi-ázigos 
À direita: face lateral da coluna vertebral e esófago (Superiormente), ducto torácico e veia ázigos (inferiormente) 
Esquerda: Pleura mediastínica esquerda 
Brônquicas 
(2 direitas 1 
esquerda) 
Esofágicas 
 
Mediastínicas 
Intercostais posteriores 
(últimos 8/9 espaços) 
Lado direito cruzam esófago e 
ázigos 
Lado esquerdo cruzam veia 
hemi-ázigos e acessória 
Anastomosam-se 
sup com as esofágicas das tioideias 
inferiores 
inf com a gástrica esquerda e frénicas 
inferiores 
Dorso 
espinhal 
Propriamente dita 
Anastomosa-se ant 
com intercostal 
anterior da 
mamária interna 
A. Perfurantes 
laterais 
 
 
 
Mónica Rodrigues 
Aorta Abdominal (T12→L4, vertical) 
Anteriormente (de superior→inferior): Bolsa omental, pâncreas, porção horizontal do duodeno, ansas intestinais 
Posteriormente: Coluna vertebral e ducto torácico 
À direita: Lobo Caudado do fígado (Sup) e veia cava inferior (inferiormente) 
À esquerda: rim esquerdo e glândula suprarrenal esquerda 
 
Envolvida por tecido célulo-adiposo, plexo nervoso peri-aórtico, grupo ganglionar abdómino-aórtico 
Por vezes no hiato aórtico do diafragma também passa o ducto torácico e a raiz medial da veia ázigos 
Ramos Parietais Ramos viscerais 
Intraperitoneais Extraperitoneais 
Artérias diafragmáticas 
inferiores 
Lombares (4 p/lado) Tronco celíaco 
Mesentérica superior 
Mesentérica inferior 
Suprarrenais médias 
Renais 
Genitais (testiculares e 
ováricas) 
Lateral (anastomosa-se 
com intercostais post) 
Medial (Arco) 
Suprarrenais superiores 
Dorso 
espinhal 
Abdominal 
(inf-lat, 
passa ant 
ou post ao 
quadrado 
dos 
lombos) 
Terminais (T4): ilíacas comuns e sagrada média 
 
Ramos viscerais extraperitoneais: 
Suprarrenal média (súpero-lateral ao nível da mesentérica superior) 
Artérias Renais (L1, horizontais) 
Posteriormente: Pilares principais do diafragma, tronco simpático lombar, psoas maior 
Formam o pedículo Renal estando anteriormente à pelve renal e posteriormente à veia renal 
Suprarrenal inferior Capsulares Uretéricas superiores Musculares 
Testiculares (ínfero-lateral) 
Anteriormente: Peritoneu 
Posteriormente: ureter e psoas maior 
Percorre o canal inguinal onde faz parte do funículo espermático (Ant. ao ligamento de Cloquet) 
Do funículo espermático Uretéricas médias Epididimárias (ant e post) 
Ováricas (ínfero-lateral até extremidade tubária dos ovários) 
Do ligamento lardo do 
útero 
Uretéricas médias Tubária lateral 
Ovárica lateral 
Percorre a margem 
mesovárica do ovário e 
anastomosa-se com a 
artéria ovárica medial (da 
artéria uterina) originando 
o arco infra-ovárico 
 
Ramos Intraperitoneais: 
Artéria Mesentérica Inferior (L3→S3, obliquidade ínfero-esquerda) 
Origem: Posteriormente à porção horizontal do duodeno 
Envolvida: Grupo ganglionar mesentérico inferior e plexo simpático mesentérico inferior 
Posteriormente: com o musculo psoas maior e tronco simpático 
Colaterais 
Artéria cólica esquerda superior (obliquidade supero-esquerda) 
 
Mónica Rodrigues 
 Cruza a veia mesentérica inferior – forma o arco vascular de Treitz 
 
Origina 2 ramos terminais anteriormente ao rim esquerdo: 
 
Artéria ascendente: forma a arcada de Rioland com a artéria ascendente 
oriunda da cólica direita (mesentérica superior) 
 
Artéria descendente: anastomosa-se com a artéria ascendente da 1ª 
sigmoideia 
Artéria cólica esquerda média/artéria do cólon descendente 
Artéria Cólica esquerda inferior/tronco das sigmoideias (cruza veia mesentérica inferior) 
Sigmoideia superior 
Sigmoideia média e inferior: penetram no mesocolon e vascularizam o cólon