Documento de Rafa
15 pág.

Documento de Rafa


DisciplinaIntrodução ao Direito I80.930 materiais493.700 seguidores
Pré-visualização4 páginas
Programa de Monitoria 
Revisão de Av1 
INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO 
 MARIA RAFAELA BEZERRA DOS SANTOS 
VISÃO GERAL E OBJETIVO 
A DISCIPLINA DE IED É A PRIMEIRA 
CADEIRA QUE RECEPCIONA E INTRODUZ O 
ALUNO NO MUNDO DO DIREITO. POR ISSO 
É NECESSÁRIO QUE A PRATIQUE E A FIXE 
BEM EM SUA BAGAGEM DE 
CONHECIMENTO, TENDO EM VISTA QUE 
ESTA SERÁ UMA DAS SUAS BASES PARA 
TODA A GRADUAÇÃO. A PRÁTICA NOS 
LEVA A EXCELÊNCIA E É ESTE O OBJETIVO 
DAS NOSSA REVISÃO. PRATIQUEM! 
PARÂMETROS CURRICULARES 
1. QUESTÕES DA OAB 
2. CASOS CONCRETOS ESTÁCIO 
3. AUTORIA PRÓPRIA 
 
 
 
Olá graduandos, vamos praticar?! 
Bônus: OAB 
 
OAB XVI 2015 
O Art. 126 do CPC afirma que o juiz não se exime de sentenciar ou despachar alegando lacuna 
ou obscuridade da lei. A questão das lacunas também é recorrente no âmbito dos estudos da 
Filosofia e da Teoria Geral do Direito. O jusfilósofo Norberto Bobbio, no livro Teoria do 
Ordenamento Jurídico Apresenta um estudo sobre essa questão. 
 
O autor denomina por lacuna ideológica a falta de uma norma: 
 a)legitimamente produzida pelo legislador democrático. 
 b)justa, que enseje uma solução satisfatória ao caso concreto. 
 c)que atenda às convicções ideológicas pessoais do juiz. 
 d)costumeira, que tenha surgido de práticas sociais inspiradas nos valores vigentes. 
 
OAB XVIII 2015 
Segundo o jusfilósofo alemão Karl Larenz, os textos jurídicos são problematizáveis porque 
estão redigidos em linguagem corrente ou em linguagem especializada, mas que, de todo 
modo, contêm expressões que apresentam uma margem de variabilidade de significação. 
Nesse sentido, assinale a opção que exprime o pensamento desse autor acerca da ideia de 
interpretação da lei. 
 
 a)Deve-se aceitar que os textos jurídicos apenas carecem de interpretação quando surgem 
particularmente como obscuros, pouco claros ou contraditórios. 
 b)Interpretar um texto significa alcançar o único sentido possível de uma norma conforme a 
intenção que a ela foi dada pelo legislador. 
 c)Os textos jurídicos, em princípio, são suscetíveis e carecem de interpretação porque toda 
linguagem é passível de adequação a cada situação. 
 d)A interpretação dada por uma autoridade judicial a uma lei é uma conclusão logicamente 
vinculante que, por isso mesmo, deve ser repetida sempre que a mesma lei for aplicada. 
Caso 1 \u2013 Características da Norma Jurídica. 
Manoel, brasileiro, foi preso em flagrante delito, vendendo substância entorpecente. Em sua 
defesa alega que não deve ser submetido ao procedimento previsto na Lei de Entorpecentes \u2013 
11.343/06, haja vista que não concorda com a criminalização de sua atitude e que é uma pessoa 
de \u201cmente aberta diferente do restante da coletividade\u201d. É acertada a \u201cdefesa\u201d feita por 
Joaquim? JUSTIFIQUE baseando-se na característica da heteronomia das normas. 
Caso 2 \u2013 Características da Norma Jurídica. 
Leia atentamente o texto a seguir e após responda ao que se pede. 
\u201cDe acordo com a lógica de funcionamentodo Estado de Direito, no momento em que uma 
norma se torna jurídica qualquer que tenha sido sua origem remota (e.g.: a religião, a moral ou 
a economia) seu cumprimento passa a ser obrigatório para todos \u2013 inclusive para o Poder 
Público \u2013 o que requer um aparato estatal capaz de impor essa obediência, direta ou 
indiretamente, caso ela não seja obtida de forma voluntária\u201d. (BARCELLOS, Ana Paula de. A 
Eficácia Jurídica dos Princípios Constitucionais \u2013 O Princípio da Dignidade da Pessoa Humana \u2013 
Rio de Janeiro: Renovar, 2002, p. 33). 
O trecho acima cuida de algumas características da norma jurídica. Identifique-as e explique-as. 
Caso 3 \u2013 Estrutura da norma jurídica. 
Pai mata filha usuária de drogas, no Leblon 
Crime teria ocorrido durante briga familiar; vítima levou um tiro na cabeça e assassino foi 
baleado. 
Uma tragédia familiar causou comoção ontem nos moradores de um prédio de classe média do 
Leblon. 0 contador (...) matou com um tiro na cabeça a única filha de 30 anos. O motivo do crime 
teria sido um desentendimento entre pai e filha, que era usuária de drogas \u2013 fato que já teria 
causado há cerca de três anos o suicídio da mãe (...) 
O Globo, 9 de janeiro de 2007 \u2013 pág. 14, RIO 
Levando-se em consideração a conduta típica penal indicada na matéria jornalística acima como 
tendo sido praticada pelo pai, identifique, a partir da norma jurídica abaixo, os elementos que a 
estruturam:\u201cArt. 121. Matar alguém:Pena \u2013 reclusão de 6 a 20 anos\u201d. 
 
Questão Discursiva \u2013 Características da Norma Jurídica. 
Leia atentamente o texto a seguir e após responda ao que se pede. 
\u201cA \u2018paz\u2019 produzida pelo Direito apenas pode ser \u2018relativa\u2019. \u2018Relativa\u2019 porque, se entende por paz 
a \u2018ausência de força\u2019; como o Direito precisa de força para conter os impulsos agressivos, a paz 
que promove não é absoluta. O Direito combate a força arbitrária, substituindo-a pela força 
regulada por normas e parafraseada em pressupostos, requisitos e ritos de aplicação\u201d. (KELSEN, 
Hans. Apud SGARBI, Adrian. Hans Kelsen, Ensaios introdutórios, 2001-2005. Rio de 
Janeiro: Lumen Juris, 2007, p. 4). O trecho acima cuida de uma das características da norma 
jurídica. Identifique, explique-a e comente acerca da necessidade da utilização da força na 
aplicação do Direito. 
 
 
Questão Objetiva 
1) Assinale a alternativa correta e JUSTIFIQUE sua resposta. 
Luiza namorava Antonio, e terminou seu relacionamento para casar com Caio, ex-melhor amigo 
de Antonio. Certo dia, Antonio encontra o casal na rua e tem o ímpeto de matá-los, todavia, vem 
à sua mente a previsão do Código Penal acerca do homicídio: reclusão de seis a vinte anos. 
Apesar da enorme raiva que sente, não pretende passar anos encarcerado em um presídio e, 
por tal razão, desiste de levar a efeito a sua ideia de matá-los. O sentimento de Antônio liga-se 
a uma das etapas do processo de aplicação das sanções em caso de violação das normas 
jurídicas. Qual? 
a) Coação. 
b) Sanção. 
c) Coerção. 
d) Premeditação. 
e) Imperatividade. 
 
Caso 1\u2013 Classificação das Normas Jurídicas. 
Julieta, com 14 anos de idade, grávida, casou-se, às escondidas, com Romeu, também com 14 
anos de idade. Quando as famílias descobriram o casamento, buscaram auxílio de um advogado 
para informarem-se acerca da possibilidade de anulação do referido casamento. O advogado, 
então, mostrou-lhes os seguintes artigos do Código Civil: 
Art. 1517. O homem e a mulher com dezesseis anos podem casar, exigindo-se autorização de 
ambos os pais, ou de seus representantes legais, enquanto não atingida a maioridade civil. 
(...) 
Art. 1520. Excepcionalmente, será permitido o casamento de quem ainda não alcançou a 
maioridade núbil para evitar imposição ou cumprimento de pena criminal ou em caso de 
gravidez. 
Art. 1550. É anulável o casamento: 
I \u2013 de quem não completou a idade mínima para casar; 
(...) 
Art. 1551. Não se anulará por motivo de idade, o casamento de que resultou gravidez. 
Responda, JUSTIFICADAMENTE, ao que se pede: 
a) Se você fosse o advogado consultado pelas famílias, que resposta daria? 
b) A que ramo do Direito pertencem as normas supramencionadas? 
c) Qual a natureza jurídica destas normas? 
d) Classifique o artigo 1551 do CC, quanto à sanção. 
a) Se você fosse o advogado consultado pelas famílias, que resposta daria? 
 
b) A que ramo do Direito pertencem as normas supramencionadas? 
 
c) Qual a natureza jurídica destas normas? 
 
d) Classifique o artigo 1551 do CC, quanto à sanção. 
Questões Discursivas 
Classificação das Normas Jurídicas. 
1) A norma contida no art. 489 do Código Civil estabelece: \u201cNulo é o contrato de compra e 
venda, quando se deixa ao arbítrio exclusivo de uma das partes