A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
61 pág.
sld_2

Pré-visualização | Página 3 de 3

Hipotálamo 
 Controla atividades corporais. 
 Centro de comando neuronal e endócrino. 
 Regulação homeostática do organismo. 
Funções 
 Controle da hipófise e do sistema nervoso autônomo. 
 Regula padrões emocionais e comportamentais (junto com o 
sistema límbico). 
 Regula a ingestão de alimentos (centro da fome e da 
saciedade) e água (centro da sede). 
 Controle da temperatura corporal (pela regulação do SNA). 
 Regulação do ritmo circadiano e estados 
da consciência. 
Medula espinhal 
Na transição entre o crânio e a 
coluna vertebral: 
 Encéfalo dá continuidade à 
medula espinal (originam as 
raízes e os nervos periféricos, 
que, por sua vez, terminam nos 
músculos). 
 
Medula espinhal 
Fonte: WIDMAIER, E. P.; RAFF, H.; 
STRANG, K. T. 2013. 
Substância 
branca 
Medula espinhal 
Nervo espinhal 
Interatividade 
O sistema reticular ativador relacionado com o sono e a 
vigília localiza-se: 
a) Na medula espinhal. 
b) No cerebelo. 
c) No cérebro. 
d) No tronco encefálico. 
e) Nos gânglios da base. 
 
 
Resposta 
O sistema reticular ativador relacionado com o sono e a 
vigília localiza-se: 
a) Na medula espinhal. 
b) No cerebelo. 
c) No cérebro. 
d) No tronco encefálico. 
e) Nos gânglios da base. 
 
 
Sistema nervoso autônomo 
 Regulado por centros encefálicos (hipotálamo e tronco 
encefálico) – involuntário. 
 Regulação das atividades do músculo liso, músculo cardíaco e 
algumas glândulas. 
 Simpático e parassimpático. 
 
 Sistema nervoso somático e autônomo 
Fonte: WIDMAIER, E. P.; RAFF, H.; STRANG, K. T. 2013. 
Comparação 
SNAutônomo SNSomático 
 Neurônios sensoriais 
autonômicos (interoceptores) 
 
Neurônios motores autonômicos: 
 regulam as atividades viscerais 
Neurônios sensoriais 
Neurônios motores 
Sistema nervoso autônomo e somático 
Vias motoras autonômicas 
 Liberam acetilcolina 
ou norepinefrina. 
 
Neurônio pré-ganglionar: 
 Corpo celular no 
encéfalo ou medula. 
 Axônio mielinizado 
estende-se até o gânglio 
autonômico (fibra tipo B). 
Neurônio pós-ganglionar 
 Corpo celular no gânglio – axônio amielínico até o efetor 
(fibra tipo C). 
 Divisão somática e autônoma 
Fonte: TORTORA; DERRICKSON, 2010. 
Divisão anatômica 
SNSimpático SNParassimpático 
Neurônios pré-ganglionares 
 Origem: 
 Medula espinhal 
toracolombar 
Neurônios pré-ganglionares 
 Origem: 
 Tronco encefálico 
 Medula espinhal sacral 
Maioria dos órgãos recebe inervação de 
ambos (dupla inervação) 
Divisão parassimpática e simpática 
 Divisão Parassimpática e Simpática 
Fonte: WIDMAIER, E. P.; RAFF, H.; STRANG, K. T. 2013. 
Neurotransmissores e receptores do SNA 
Classificação dos neurônios autonômicos segundo 
produção e liberação de neurotransmissores 
Neurônios adrenérgicos Neurônios colinérgicos 
Liberam norepinefrina 
 Receptores adrenérgicos (alfa e beta) – 
efetores viscerais (α1, α2, ß1 e ß2) 
 
Epinefrina 
(liberada pela medula adrenal) 
Liberam acetilcolina 
(Ach) 
Receptores nicotínicos 
ou muscarínicos 
Divisão simpática Divisão parassimpática 
Simpático e parassimpático 
A 
B 
A 
A 
C 
C 
a) Acetilcolina – sinapse no gânglio. 
b) Norepinefrina – sinapse efetor. 
c) Acetilcolina – sinapse efetor. 
 Inervação Parassimpática e Simpática 
Fonte: TORTORA; DERRICKSON, 2010. 
Medula da adrenal ou 
suprarrenal 
 Gânglio simpático 
especializado. 
 Secreta 80% de epinefrina e 
20% de norepinefrina. 
Adrenal 
 Inervação parassimpática e simpática 
Fonte: TORTORA; DERRICKSON, 2010. 
Sistema nervoso simpático – resposta de luta ou fuga 
 Resposta de luta ou fuga – emoções: medo, raiva. 
 Efeitos com duração mais longa e mais dispersos 
que parassimpático. 
 Pode manter as atividades físicas vigorosas com rápida 
produção de ATP/reduz funções que favorecem o 
armazenamento de energia (aumento do fluxo sanguíneo para 
músculo estriado esquelético, músculo cardíaco, fígado e 
tecido adiposo). 
 Dilatação das pupilas. 
 Aumento da frequência cardíaca e força de contração do 
coração – aumento da pressão arterial. 
 Dilatação das vias aéreas, aumento da frequência respiratória. 
 Vasoconstrição periférica. 
Sistema nervoso parassimpático 
 Função restauradora/conserva energia (poupador). 
 Atuação mais restrita. 
 Sustenta as funções corporais durante os períodos de 
repouso e recuperação. 
 Favorece a digestão e absorção – aumenta a contratilidade 
e secreções do TGI. 
 Não inerva: 
 Maioria dos vasos sanguíneos, glândulas sudoríparas, 
músculos eretores do pelo, adrenal. 
Resposta parassimpático 
 Salivação (S). 
 Lacrimejamento (L). 
 Micção (U – urina). 
 Digestão (D). 
 Defecação (D). 
 Redução da frequência cardíaca. 
 Broncoconstrição. 
 Constrição do diâmetro das pupilas. 
Interatividade 
A liberação da noradrenalina está relacionada à ativação 
da resposta de luta ou fuga. A divisão autônomica 
relacionada a essa resposta é: 
a) Sistema límbico. 
b) Sistema nervoso parassimpático. 
c) Sistema nervoso simpático. 
d) Formação reticular. 
e) Adrenal. 
 
Resposta 
A liberação da noradrenalina está relacionada à ativação 
da resposta de luta ou fuga. A divisão autônomica 
relacionada a essa resposta é: 
a) Sistema límbico. 
b) Sistema nervoso parassimpático. 
c) Sistema nervoso simpático. 
d) Formação reticular. 
e) Adrenal. 
 
 
 
 
 
 
ATÉ A PRÓXIMA! 
	Slide Number 1
	Conteúdo da Unidade II
	Sensações somáticas
	Modalidades sensoriais
	Classificação dos receptores – localização 
	Classificação dos receptores – morfologia 
	Sistema somatossensorial
	Mapeamento do córtex somatossensorial
	Dermátomos
	Receptores sensoriais e o estímulo �que podem detectar
	Mecanorreceptores
	Proprioceptores
	�Termorreceptores�
	Nociceptores
	�Dor – mecanismos �
	Dor referida
	Interatividade
	Resposta
	Sentidos especiais – olfato 
	Slide Number 20
	Sentidos especiais – visão 
	Estrutura dos fotorreceptores
	Características dos fotorreceptores
	Vias ópticas
	Sentidos especiais – audição 
	Anatomia da orelha
	Transdução auditiva
	Cóclea e órgãos de Corti
	Sistema vestibular
	Equilíbrio�
	Interatividade
	Resposta
	Motricidade – mapeamento do córtex motor
	Sistemas motores
	Vias motoras somáticas
	Vias motoras somáticas diretas�
	Slide Number 37
	Reflexos
	Arcos reflexos
	Cerebelo
	Tronco encefálico
	Tronco encefálico
	Sistema límbico
	Hipotálamo
	Medula espinhal
	Interatividade
	Resposta
	Sistema nervoso autônomo
	Comparação
	Vias motoras autonômicas
	Divisão anatômica
	Divisão parassimpática e simpática
	Neurotransmissores e receptores do SNA
	Slide Number 54
	Medula da adrenal ou suprarrenal
	Sistema nervoso simpático – resposta de luta ou fuga
	Sistema nervoso parassimpático
	Resposta parassimpático
	Interatividade
	Resposta
	Slide Number 61

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.