A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4o QUARTO AVALIANDO O APRENDIZADO FUNDAMENTOS DE ESTATÍSTICA E EPIDEMIOLOGIA

Pré-visualização | Página 1 de 1

Disc.: FUNDAMENTOS DE ESTATÍSTICA E EPIDEMIOLOGIA 
Acertos: 0,3 de 0,5 30/05/2019 (Finaliz.) 
 
 
 
1
a
 Questão (Ref.:201904066173) Pontos: 0,0 / 0,1 
Os valores de atenolol, em mg: 51, 51, 49, 49 e 50. Pode-se concluir 
 
 o valor da média é maior do que da mediana 
 o valor da média é menor do que da mediana 
 a média é igual a 49 e 51 mg de atenolol 
 a distribuição é unimodal 
 a média e a mediana são iguais a 50 mg e a moda 49 e 51 mg (bimodal) 
Respondido em 30/05/2019 13:29:05 
 
 
Compare com a sua resposta: 
 
 
 
2
a
 Questão (Ref.:201903974332) Pontos: 0,1 / 0,1 
As variáveis são os elementos do processo saúde-doença que se quer estudar. Os 
métodos e técnicas da epidemiologia são utilizados para detectar uma associação entre 
uma doença ou agravo e características de pessoa, tempo e lugar. Portanto, para o 
entendimento de um problema de saúde ou de uma doença é necessário descrevê-lo 
por meio das variáveis, pessoa, tempo e lugar. Sobre a variável tempo NÃO É 
CORRETO afirmar que: 
 
 Segundo Rouquayrol, a distribuição cronológica da mortalidade e da 
morbidade é a relação entre uma sequência de marcos temporais sucessivos 
(cronologia) e uma medida de frequência de casos e óbitos. 
 A cronologia de uma doença é fundamental para a sua análise 
epidemiológica. 
 A distribuição dos casos de determinada doença por períodos de tempo 
(semanal, mensal, anual) permite verificar como a doença evolui, isto é, se 
apresenta variação cíclica, se está estacionária, diminuindo ou aumentando. 
 A distribuição dos casos por períodos de tempo é importante para orientar as 
intervenções cabíveis, fornecendo, por exemplo, informação sobre os 
melhores momentos para intensificar a imunização e para prevenir um 
possível surto. 
 As variações das doenças no transcorrer do tempo (anos, meses, semanas, 
dias) não são importantes, pois não mostram alterações nos fatores causais. 
Respondido em 30/05/2019 13:32:28 
 
 
Compare com a sua resposta: Saúde coletiva pode ser definida como um campo de 
conhecimento de natureza interdisciplinar cujas matérias básicas são 
Planejamento/Administração de Saúde, Ciências Sociais em Saúde, e que tem como 
eixo estruturante a Epidemiologia. 
 
 
 
3
a
 Questão (Ref.:201903974364) Pontos: 0,1 / 0,1 
Para analisar o perfil de morbidade dos agravos de notificação obrigatória em todo o 
território nacional, deve-se, principalmente, utilizar os dados existentes: 
 
 na INFSUS - Informação do Sistema Único de Saúde. 
 no SIVAS - Sistema de Vigilância em Saúde. 
 na INDN - Informatização dos Dados Notificados. 
 no SINAN - Sistema de Informação de Agravos de Notificação. 
 no SINCS - Sistema de Notificação Compulsória em Saúde. 
Respondido em 30/05/2019 13:33:46 
 
 
Compare com a sua resposta: É o número de novos casos de uma doença surgidos 
numa determinada população e num determinado intervalo de tempo. 
 
 
 
4
a
 Questão (Ref.:201904112151) Pontos: 0,0 / 0,1 
Uma tentativa de hierarquizar os indicadores de saúde e ambiente é proposta também 
pela Organização Mundial da Saúde (OMS). São cinco níveis de indicadores, que, em 
ordem decrescente, são classificados como: Forças Motrizes, Pressão, Estado ou 
Situação, Exposição e Efeitos. Para cada um desses níveis correspondem ações 
específicas, tais como, respectivamente: 
 
 políticas econômicas, gerenciamento de riscos, melhoria da qualidade 
ambiental, equipamentos de proteção individual e tratamento dos casos. 
 melhoria da qualidade ambiental, gerenciamento de riscos, 
equipamentos de proteção individual, tratamento dos casos e políticas 
econômicas. 
 melhoria da qualidade ambiental, políticas econômicas, gerenciamento 
de riscos, equipamentos de proteção individual e tratamento dos casos. 
 gerenciamento de riscos, melhoria da qualidade ambiental, políticas 
econômicas, equipamentos de proteção individual e tratamento dos 
casos. 
 políticas econômicas, tratamento dos casos, gerenciamento de riscos, 
equipamentos de proteção individual e melhoria da qualidade ambiental. 
Respondido em 30/05/2019 13:35:25 
 
 
Compare com a sua resposta: 
 
 
 
5
a
 Questão (Ref.:201904112149) Pontos: 0,1 / 0,1 
A saúde ocupacional e ambiental inclui um grande número de fatores causais 
específicos e proximais. Sobre epidemiologia ambiental e ocupacional, assinale a 
alternativa correta. 
 
 Entre 45% e 55% da carga global de doenças pode ser devido à exposição a 
fatores ambientais. 
 Mesmo com diferentes hábitos de trabalho, pessoas trabalhando lado a lado em 
uma fábrica possuem níveis de exposição iguais. 
 A distribuição das doses individuais dos agentes químicos é frequentemente 
simétrica e geralmente se assemelha mais com a distribuição normal. 
 O cabelo é muito útil para o estudo da exposição ao metilmercúrio, por meio do 
consumo de pescados, e a unha tem sido usada para estudar a exposição ao 
arsênico. 
 O nível de chumbo no sangue é pouco confiável na mensuração da exposição.