A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
AVALIANDO APRENDIZADO 4 TGP docx

Pré-visualização | Página 1 de 2

1a Questão (Ref.:201804742110) Pontos: 0,1 / 0,1 
Segundo previsões do Código de Processo Civil, leia as assertivas abaixo sobre ''sujeitos do 
processo'' e assinale a proposição incorreta. 
 
 
 
Essenciais à administração da Justiça e indispensáveis ao exercício são as atividades 
exercidas pela Advocacia Pública, formada por bacharéis em Direito, inscritos no 
quadro de advogados da OAB, que se dedicam judicial e extrajudicialmente à defesa da 
União, dos Estados e dos Municípios. 
 
O defensor público é indispensável à função jurisdicional e desempenha funções de 
grande interesse público e utilidade social, em vista da importância fundamental de sua 
atividade voltada ao amparo jurídico dos hipossuficientes. 
 
O Ministério Público é instituição permanente, essencial à função jurisdicional do 
Estado, incumbindo-lhe a defesa da ordem pública, do regime democrático e dos 
interesses sociais e individuais indispensáveis. 
 
Entre os princípios que devem reger a atuação do Estado-Juiz na solução do litígio, 
podemos citar o livre convencimento do juiz. 
 O juiz não poderá requisitar às repartições públicas as certidões necessárias à prova 
das alegações das partes. 
Respondido em 01/06/2019 15:46:05 
 
 
Compare com a sua resposta: Distinção entre processo e procedimento. O PROCESSO 
caracteriza-se por seu caráter teleológico, isto é, por sua finalidade precípua de permitir o 
exercício do poder jurisdicional para a aplicação dos preceitos e a eliminação dos conflitos, com 
o objetivo de realizar a justiça possível. O PROCEDIMENTO é o elemento visível do processo. 
Constitui apenas o meio extrínseco pelo qual o processo é instaurado e desenvolvido. Processo 
de Execução é aquele que permite a realização prática do direito no mundo dos fatos, sendo 
utilizado sempre que se quer dar um efeito concreto, mesmo contra a vontade do devedor, a 
um título extrajudicial. O processo de execução tem como resultado específico um provimento 
satisfatório do direto do credor. Trata-se, portanto, de uma execução forçada, por meio de atos 
próprios, da prestação devida. 
 
 
 
 
2a Questão (Ref.:201804741839) Pontos: 0,1 / 0,1 
As mudanças trazidas pelo Novo Código de Processo Civil (NCPC) visam à desburocratização do 
Processo Civil no Brasil para que haja maior celeridade processual. Por essa razão reforça a 
forma de solucionar os conflitos, promovendo com maior incentivo os diversos meios adequados 
à resolução de conflitos, como a negociação, mediação, conciliação, arbitragem. Assinale a 
alternativa INCORRETA por não conferir com o entendimento do que está escrito na Lei Federal 
n° 13.129/15 sobre Arbitragem, embasando-se também no seu conhecimento sobre o NCPC. 
 
 
 
O procedimento arbitral não tem forma pré-estabelecida e possui maior campo de 
disposição para as partes do que o processo judicial. Isso porque, naquele, é possível 
que as partes criem obrigações para o árbitro, por exemplo, estabelecendo um prazo 
para que decida a controvérsia, o qual deve ser observado sob pena de nulidade da 
sentença arbitral. 
 
A arbitragem tem como regra a confidencialidade, que está presente em quase todos os 
regulamentos das câmaras arbitrais, mas também pode ser instituída pelas partes, 
exceto nos processos arbitrais que envolvem a Administração Pública. Então, se torna 
um procedimento mais vantajoso, por exemplo, a empresas parceiras que não querem 
que o conflito seja tornado público, pois a parceria será mantida. 
 
A testemunha, na arbitragem, é inquirida pelos advogados e o árbitro só atua para 
controlar os excessos, por exemplo, a condução da testemunha ou desvirtuamento 
daquele meio de prova. 
 
Há previsão de segredo de justiça nos casos de judicialização da matéria arbitral, como a 
execução de sentença arbitral, decisão arbitral que demanda auxílio do Judiciário (ex.: 
para trazer coercitivamente testemunha), a ação anulatória da sentença arbitral. 
 O juiz poderá conhecer de ofício a convenção de arbitragem, o que inclui o compromisso 
arbitral e a cláusula compromissória, mesmo que o réu não alegue em sua contestação, 
antes de se discutir o mérito, a convenção de arbitragem. 
Respondido em 01/06/2019 15:47:53 
 
 
Compare com a sua resposta: O aluno deverá descrever as características da sentença arbitral 
e ressaltar que a arbitragem somente poderá ser utilizada em conflitos de natureza patrimonial. 
 
 
 
 
3a Questão (Ref.:201804742007) Pontos: 0,1 / 0,1 
Incumbe ao oficial de justiça, exceto: 
 
 
 
executar as ordens do juiz a que estiver subordinado; 
 
efetuar avaliações, quando for o caso; 
 
auxiliar o juiz na manutenção da ordem; 
 
fazer pessoalmente citações, prisões, penhoras, arrestos e demais diligências próprias do 
seu ofício, sempre que possível na presença de 2 (duas) testemunhas, certificando no 
mandado o ocorrido, com menção ao lugar, ao dia e à hora; 
 certificar e homologar, em mandado, proposta de autocomposição apresentada por 
qualquer das partes, na ocasião de realização de ato de comunicação que lhe couber. 
Respondido em 01/06/2019 15:57:53 
 
 
Compare com a sua resposta: A questão está ERRADA pela afirmação de que o CNJ controla os 
atos jurisdicionais do Judiciário. O CNJ não controla a atuação jurisdicional do Poder Judiciário, 
pois, como se sabe, não exerce jurisdição. 
 
 
 
 
4a Questão (Ref.:201804741608) Pontos: 0,0 / 0,1 
Há distinção entre Processo de Conhecimento e de Execução. Analise as assertivas abaixo: I - 
no processo de conhecimento tem lide e no processo de execução o credor busca a satisfação 
do seu direito reconhecido no título executivo; II ¿ no processo de conhecimento há 
contraditório e no de execução inexiste, porque a defesa do executado se dá através de 
impugnação (título executivo judicial ou embargos do devedor (título executivo extrajudicial); 
III ¿ No processo de conhecimento a decisão faz coisa julgada formal e na execução coisa 
julgada material; IV ¿ no processo de conhecimento o réu pode ser revel e na execução não há 
revelia porque a ausência do devedor em juízo acarreta o prosseguimento da execução. Indique 
a proposição verdadeira: 
 
 
 I e IV são falsas; 
 I e III são falsas; 
 III é a única 
verdadeira; 
 I e II são 
verdadeiras; 
 I, II e III são 
verdadeiras. 
Respondido em 01/06/2019 15:59:34 
 
 
Compare com a sua resposta: Gabarito: a) As ações não são idênticas pois os sujeitos, no 
mesmos pólos da relação jurídica são diferentes, o pedido não é o mesmo, mas a causa de 
pedir é a mesma, porque envolve o contrato de locação. b) Entre as ações existe conexão com 
a causa de pedir, que enseja, no caso específico, a reunião das ações para evitar decisões 
conflitantes e atender o princípio da economia processual. 
 
 
 
 
5a Questão (Ref.:201804741703) Pontos: 0,0 / 0,1 
A capacidade é um dos pressupostos processuais subjetivos. Havendo vício na representação de 
incapaz, indique a assertiva abaixo que é verdadeira, se o vício não for sanado, por 
determinação do juiz: a) se o vício se referir ao réu, deve o juiz julgar o pedido do autor 
procedente; b) se o vício se referir ao réu, deve o juiz considerá-lo revel; c) se o vício for 
imputado ao autor, o juiz deve proferir julgamento conforme o estado do processo; d) se o vício 
for imputado ao autor, o juiz deve-lhe aplicar a pena de multa por litigância de má-fé, se não 
corrigir o vício, por sua determinação; 
 
 
 se o vício for imputado ao autor, o juiz deve-lhe aplicar a pena de multa por 
litigância de má-fé, se não corrigir o vício, por sua determinação. 
 
I e III são falsas 
 
se o vício se referir ao réu,