MENINGITE E PNEUMONIA: AGENTE ETIOLÓGICO, PRINCIPAIS PREDISPOSTOS E EFEITO DA VACINA PNEUMOCÓCICA CONJUGADA 10-VALENTE EM MENORES DE 2 ANOS.
2 pág.

MENINGITE E PNEUMONIA: AGENTE ETIOLÓGICO, PRINCIPAIS PREDISPOSTOS E EFEITO DA VACINA PNEUMOCÓCICA CONJUGADA 10-VALENTE EM MENORES DE 2 ANOS.


DisciplinaBacteriologia473 materiais1.315 seguidores
Pré-visualização1 página
MENINGITE E PNEUMONIA: AGENTE ETIOLÓGICO, PRINCIPAIS PREDISPOSTOS E EFEITO DA VACINA PNEUMOCÓCICA CONJUGADA 10-VALENTE EM MENORES DE 2 ANOS.
Hannah Alencar Holanda1
Camila Rodrigues Bezerra Lins2
Luana Dara Lira Gomes3
Nayara Nilena Ferreira de Farias4
Thays Samylle Pereira5
Karla Brehnda Cabral Liberato6
OBJETIVO: O objetivo deste trabalho visa destacar os principais grupos de riscopara a invasão do Streptococcus pneumoniae e efeitoda PCV10 em menores de 2 anos. MÉTODOS: Trata-se de uma revisão integrativa, na qual foram utilizados como critérios de inclusão artigos na íntegra de língua portuguesa, inglesa e castelhana entre os anos de 2015 e 2017, utilizando os descritores: PCV10; vacina pneumocócica; meningite; pneumonia e Streptococcus pneumoniaenas bases de dados do Scielo e Pubmedque fossem importantes para a fundamentação teórica do tema proposto.Com os critérios de exclusão: artigos duplicados e que não se encaixavam na temática referente ao estudo. RESULTADOS: As doenças causadas pelo agente etiológico Streptococcus pneumoniae (pneumocócicas), são comuns em jovens e idosos e em alguns grupos de indivíduos que apresentam condições associadas ao desenvolvimento de doenças invasivas por pneumococo, como: imunossupressão, diabetes mellitus mal controlada, alcoolismo, doenças autoimunes crônicas, menores de cinco anos, indivíduos que apresentam comprometimento da resposta imune por doença congênita ou adquirida e pessoas expostas a fumaça de cigarro. A PCV10 foi introduzida no calendário de imunizações brasileiro em 2010, e feita a comparação entre os períodos pré e pós introdução, a diminuição da taxa de sorotipos incluídos na vacina como causador de doenças em menores de dois anos foi significativa. Foi observado entre dois à três anos após a introdução da PCV10, sua efetividade na diminuição da morbidade e mortalidade de meningite e pneumonia em menores de um ano. CONCLUSÃO: A apresentação dos grupos de risco para doenças invasivas causadas por Streptococcus pneumoniae mostra a necessidade de um conhecimento da população sobre as predisposições deste agente etiológico como um aviso de atenção voltada para a própria saúde.A PCV10 comprova asua multifuncionalidadepara a meningite e pneumonia, como também para seus outros sorotipos presentes (sendo um total de 10), demonstrando a importância da necessidade de sua garantia por todos desde os primeiros meses de vida.
Palavras-Chave: Streptococcus pneumoniae; pneumonia; meningite; PCV10; vacina pneumocócica.
1Discente do Curso de Bacharelado em Biomedicina da Faculdade Santa Maria.
2Discente do Curso de Bacharelado em Biomedicina da Faculdade Santa Maria.
3Discente do Curso de Bacharelado em Biomedicina da Faculdade Santa Maria.
4Discente do Curso de Bacharelado em Biomedicina da Faculdade Santa Maria.
5Discente do Curso de Bacharelado em Biomedicina da Faculdade Santa Maria.
6Docente do Curso de Bacharelado em Biomedicina da Faculdade Santa Maria.