contabilidade_financeira_matriz_ai_FGV
12 pág.

contabilidade_financeira_matriz_ai_FGV


DisciplinaContabilidade Financeira1.291 materiais6.607 seguidores
Pré-visualização3 páginas
DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS DAS 
LOJAS AMERICANAS S.A. 
ANÁLISE DAS DEMONSTRAÇÕES 
Outubro/2018 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 3 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
4 
 
 
Introdução 
A lucratividade de um negócio é que determina a real capacidade de um negócio gerar resultados. 
Não adianta ter um alto faturamento se as despesas o tomarem completamente. 
O Balanço Patrimonial permite que o lucro acumulado, que consta no patrimônio líquido, seja 
analisado e o gestor analise a capacidade histórica de geração de resultados da empresa. 
Além disso, pode-se comparar o documento do último ano com os anteriores para calcular a taxa de 
crescimento anual considerando resultados reais e equilíbrio entre crescimento de despesas e 
receitas. 
O gerenciamento empresarial consiste em tomar decisões, junto aos dados obtidos através da 
análise das demonstrações e medir resultados. E para isso o BP auxilia o gestor com os números 
das disponibilidades. 
Por exemplo, constatando que o ativo circulante está acima do necessário para cobrir as obrigações, 
pode-se aplicar as sobras em produtos financeiros. Assim, esses valores não desvalorizam em caixa 
e contas bancárias e geram rendimentos. 
Por outro lado, se as dívidas no curto prazo estiverem altas e puderem comprometer o caixa, o 
responsável fica ciente analisando o Balanço. Então, pode tomar medidas para evitar a inadimplência 
ou o comprometimento do saldo do fluxo de caixa, como antecipar recebíveis e planejar ações de 
vendas. 
Quando cobre todas as despesas e chega a zero de lucro a empresa atinge seu ponto de equilíbrio, 
gerando faturamento líquido a partir deste momento. 
Com as despesas fixas e variáveis e os faturamentos bruto e líquido do ano, o gestor consegue fazer 
as projeções para o próximo período e verificar se alguma despesa do exercício ficou acima do 
adequado ou pode ser reduzida para o ano seguinte. Podendo desta forma eliminar o fator que 
diminuiu a lucratividade anteriormente. No detalhamento do DRE, o gestor consegue identificar quais 
as receitas têm a ver com as principais atividades da empresa. Assim, as fontes de custos que não 
geram retorno significativo, poderão ser extintas. Através da análise do DRE é possível avaliar a 
opção por outros regimes de tributação: receitas e despesas. 
 
 
 
 5 
 
Desenvolvimento 
ANÁLISE VERTICAL: 
LOJAS AMERICANAS S.A.
DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS
% 31/12/16 %
ATIVO TOTAL 100 12.769.527 100
ATIVO CIRCULANTE 58 6.596.830 52
disponível (caixa e bancos) 12 293.239 2
aplicações financeiras 17 1.992.235 16
contas a receber 9 1.446.172 11
estoque 14 2.146.536 17
tributos a recuperar 2 340.554 3
despesas antecipadas 0,1 24.429 0
outros ativos circulantes 3 353.665 3
ATIVO NÃO CIRCULANTE 42 6.172.697 48
realizável a longo prazo 6 785.025 6
investimentos 18 2.665.136 21
imobilizado 16 2.347.609 18
Intangível 2 374.927 3
PASSIVO e PATRIMÔNIO LÍQUIDO 100 12.769.527 100
PASSIVO CIRCULANTE 43 4.336.474 34
obrigações sociais e trabalhistas 1 47.382 0,4
fornecedores 21 2.436.543 19
obrigações fiscais 2 232.744 2
empréstimos e financiamentos 17 1.233.657 10
dividendos e JCP a pagar 1 115.007 1
outros passivos operacionais 2 271.141 2
PASSIVO NÃO CIRCULANTE 57 6.442.597 50
empréstimos e financiamentos 55 6.306.674 49
passivo com partes relacionadas 2 76.639 1
provisões fiscais previdenciárias 0,5 59.284 0,5
PATRIMÔNIO LÍQUIDO 36 1.990.456 16
capital social realizado 31 1.441.673 11
reservas de capital 1 46.142 0,4
reservas de lucros 5 482.214 4
ajustes de avaliação patrimonial 0,2 20.427 0,2
31/12/17 % 31/12/16 %
11.000.183 100 10.372.345 100
-7.110.019 -65 -6.676.398 -64
3.890.164 35 3.695.947 36
-2.462.426 -22 -2.281.406 -22
-1.599.579 -15 -1.486.372 -14
-527.291 -5 -425.286 -4
-238.484 -2 -276.571 -3
-97.072 -1 -93.177 -1
1.427.738 13 1.414.541 14
480.869 4 404.262 4
-1.515.602 -14 -1.523.650 -15
393.005 4 295.153 3
-155.377 -1 -83.496 -1
237.628 2 211.657 2
RESULTADO ANTES DOS TRIBUTOS SOBRE O LUCRO
imposto de renda e contribuição social
LUCRO LÍQUIDO DO EXERCÍCIO
Quadro 2 \u2013 DRE -Demonstração do resultado do exercício (em mil reais)(ANÁLISE VERTICAL)
RECEITA LÍQUIDA DE BENS OU SERVIÇOS
custo dos bens ou serviços vendidos
LUCRO BRUTO
despesas operacionais
despesas com vendas
despesas gerais e administrativas
26.433
Quadro 1 \u2013BP- Balanço patrimonial (em mil reais)(ANÁLISE VERTICAL)
31/12/17
resultado de equivalência patrimonial
outras receitas e despesas operacionais
RESULTADO ANTES DAS RECEITAS E DESPESAS FINANCEIRAS
receitas financeiras
despesas financeiras
4.621.684
3.926.518
71.587
597.146
387.576
17.400.408
5.519.766
80.349
2.699.348
581.914
7.377.795
990.528
3.188.906
2.810.785
17.400.408
10.022.613
2.029.213
3.015.768
226.759
1.562.301
2.400.868
408.889
23.660
241.729
2.169.848
101.733
7.258.958
7.001.300
195.976
61.682
 
 
 
6 
 
 
Análise Vertical 
 
A análise vertical acontece de cima para baixo ou de baixo para cima, indicado para resultados em 
efeito cascata, é utilizada para identificar a porcentagem de participação de determinado indicador 
nos resultados. Seu objetivo é medir percentualmente cada componente em relação ao todo do qual 
faz parte, permitindo que sejam feitas comparações caso existam dois ou mais períodos. 
De acordo com o quadro acima da análise vertical das demonstrações das Lojas americanas temos 
que as contas mais significativas do ativo são aplicações financeiras (17%) e investimentos (18%). As 
contas mais relevantes do passivo são fornecedores (21%), empréstimos e financiamentos (55%); já 
do patrimônio líquido é o capital social (31%). 
 
 
ANÁLISE HORIZONTAL: 
 
A análise horizontal verifica a evolução dos elementos do Balanço Patrimonial, DRE e DFC durante 
um período. Seu objetivo é analisar se as demonstrações financeiras cresceram ou diminuíram em 
comparação com períodos anteriores. 
De acordo com o quadro a seguir da análise horizontal das demonstrações das Lojas Americanas 
temos que a receita líquida teve um aumento de 6% e o lucro líquido em 12%. 
 
 
 7 
 
% 31/12/16 %
ATIVO TOTAL 136 12.769.527 100
ATIVO CIRCULANTE 152 6.596.830 100
disponível (caixa e bancos) 692 293.239 100
aplicações financeiras 151 1.992.235 100
contas a receber 108 1.446.172 100
estoque 112 2.146.536 100
tributos a recuperar 120 340.554 100
despesas antecipadas 97 24.429 100
outros ativos circulantes 165 353.665 100
ATIVO NÃO CIRCULANTE 120 6.172.697 100
realizável a longo prazo 126 785.025 100
investimentos 120 2.665.136 100
imobilizado 120 2.347.609 100
Intangível 103 374.927 100
PASSIVO e PATRIMÔNIO LÍQUIDO 136 12.769.527 100
PASSIVO CIRCULANTE 127 4.336.474 100
obrigações sociais e trabalhistas 170 47.382 100
fornecedores 111 2.436.543 100
obrigações fiscais 104 232.744 100
empréstimos e financiamentos 176 1.233.657 100
dividendos e JCP a pagar 88 115.007 100
outros passivos operacionais 84 271.141 100
PASSIVO NÃO CIRCULANTE 113 6.442.597 100
empréstimos e financiamentos 111 6.306.674 100
passivo com partes relacionadas 256 76.639 100
provisões fiscais previdenciárias 104 59.284 100
PATRIMÔNIO LÍQUIDO 232 1.990.456 100
capital social realizado 272 1.441.673 100
reservas de capital 155 46.142 100
reservas de lucros 124 482.214 100
ajustes de avaliação patrimonial 129 20.427