A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
247 pág.
Livro Pedagogia para concursos - 3 edição

Pré-visualização | Página 26 de 50

da meta 18. 
RESPOSTA: C 
 
QUESTÃO 71 
A Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014, aprova o Plano Nacional de Educação (PNE), que apresenta 
metas estruturantes para a garantia do direito à educação básica com qualidade, que dizem respeito 
ao acesso, à universalização da alfabetização e à ampliação da escolaridade e das oportunidades 
educacionais. Nesse sentido, assinale a alternativa que apresenta a meta 9 do PNE. 
a) Elevar a taxa de alfabetização da população com 15 anos ou mais para 50% até 2015 e, até o final 
da vigência deste PNE, elevar a taxa de alfabetização para 90%. 
b) Elevar a taxa de alfabetização da população com 15 anos ou mais para 75% até 2016, e, até o final 
da vigência do PNE, erradicar o analfabetismo absoluto e funcional. 
c) Elevar a taxa de alfabetização da população com 15 anos ou mais para 95% até 2015 e, até o final 
da vigência do PNE, erradicar o analfabetismo absoluto e reduzir em 60% o analfabetismo funcional. 
d) Universalizar a alfabetização para toda a população, erradicando, assim, o analfabetismo absoluto 
e o analfabetismo funcional. 
e) Elevar a taxa de alfabetização da população com 15 anos ou mais para 93,5% até 2015 e, até o 
final da vigência deste PNE, erradicar o analfabetismo absoluto e reduzir em 50% a taxa de 
analfabetismo funcional. 
 
COMENTÁRIOS: 
A questão pede conhecimentos sobre a meta 9: 
Elevar a taxa de alfabetização da população com 15 (quinze) anos ou mais para 93,5% (noventa e três 
inteiros e cinco décimos por cento) até 2015 e, até o final da vigência deste PNE, erradicar o 
analfabetismo absoluto e reduzir em 50% (cinquenta por cento) a taxa de analfabetismo funcional. 
Três informações importantes são necessárias saber: elevar a taxa de alfabetização da população; 
erradicar o analfabetismo absoluto e; reduzira taxa de analfabetismo funcional. Duas delas envolvem 
dados quantitativos: 15 anos ou mais para 93,5% até 2015; 50%. Avaliadores gostam de complicar 
quando o assunto trata de números, pois é fácil provocar intencionalmente erros alterando os 
valores. Ficou evidente a intenção nas alternativas A, B e C. RESPOSTA: E 
 
Pedagogia para Concursos - 3ª Ed. Cleber Marques de Oliveira 
 
59 
 
QUESTÃO 72 
A Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014, que aprova o Plano Nacional de Educação (PNE) e dá outras 
providências, garante o atendimento das necessidades específicas na educação especial, 
assegurando o sistema educacional inclusivo para: 
 a) somente para a Educação Básica. 
 b) todos os níveis, etapas e modalidades. 
 c) somente para o Ensino Fundamental. 
 d) para o Ensino Fundamental e Ensino Médio. 
 e) para a Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. 
 
COMENTÁRIOS: 
Importante lembrar que é uma das diretrizes do PNE “universalização do atendimento escolar”. 
Portanto, o inciso III, do § 1º do Artigo 8º da lei diz: garantam o atendimento das necessidades 
específicas na educação especial, assegurado o sistema educacional inclusivo em todos os níveis, 
etapas e modalidades. 
 
Art. 8º Os Estados, o Distrito Federal e os Municípios deverão elaborar seus correspondentes planos 
de educação, ou adequar os planos já aprovados em lei, em consonância com as diretrizes, metas e 
estratégias previstas neste PNE, no prazo de 1 (um) ano contado da publicação desta Lei. 
§ 1º Os entes federados estabelecerão nos respectivos planos de educação estratégias que: 
I - assegurem a articulação das políticas educacionais com as demais políticas sociais, 
particularmente as culturais; 
II - considerem as necessidades específicas das populações do campo e das comunidades indígenas e 
quilombolas, asseguradas a equidade educacional e a diversidade cultural; 
III - garantam o atendimento das necessidades específicas na educação especial, assegurado o 
sistema educacional inclusivo em todos os níveis, etapas e modalidades; 
IV - promovam a articulação interfederativa na implementação das políticas educacionais. 
§ 2º Os processos de elaboração e adequação dos planos de educação dos Estados, do Distrito 
Federal e dos Municípios, de que trata o caput deste artigo, serão realizados com ampla participação 
de representantes da comunidade educacional e da sociedade civil. 
RESPOSTA: B 
 
QUESTÃO 73 
A Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014, aprova o Plano Nacional de Educação (PNE) e dá outras 
providências. Com relação a esse plano, analise as sentenças abaixo: 
I) A execução do PNE e o cumprimento de suas metas serão objeto de monitoramento contínuo e de 
avaliações periódicas, realizados pelas secretarias de educação estaduais e municipais. 
II) O Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica, coordenado pela União, em colaboração 
com os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, constituirá fonte de informação para a avaliação 
da qualidade da educação básica e para a orientação das políticas públicas desse nível de ensino. 
III) A União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios atuarão em regime de colaboração, 
visando ao alcance das metas e à implementação das estratégias objeto deste Plano. 
IV) Os Estados, o Distrito Federal e os Municípios deverão elaborar seus correspondentes planos de 
educação, ou adequar os planos já aprovados em lei, sem articulação com as diretrizes, metas e 
estratégias previstas neste PNE, no prazo de 1 (um) ano contado da publicação desta Lei. 
V) Os Estados, o Distrito Federal e os Municípios deverão aprovar leis específicas para os seus 
sistemas de ensino, disciplinando a gestão democrática da educação pública nos respectivos âmbitos 
de atuação. 
 
Assinale a alternativa que apresenta as sentenças CORRETAS. 
 a) I, III e IV b) II, III e V c) III e IV d) I, II e IV e) I, II e V 
 
 
Pedagogia para Concursos - 3ª Ed. Cleber Marques de Oliveira 
 
60 
 
COMENTÁRIOS: 
A sentença I está errada porque de acordo com o artigo 5º da lei, o monitoramento deve ser 
realizado por 4 instâncias: Ministério da Educação - MEC;Comissão de Educação da Câmara dos 
Deputados e Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado Federal;Conselho Nacional de 
Educação - CNE; e Fórum Nacional de Educação. A sentença II está correta e fundamenta-se no artigo 
11 da lei. A sentença III está correta e fundamenta-se no artigo 7º da lei. A sentença IV está errada 
porque o avaliador trocou “em consonância” por “sem articulação”. Caso típico em questões de 
concursos, porque para elaborar alternativa falsa, basta trocar palavras ou omiti-las. A sentença V 
está correta e fundamenta-se no artigo 9º da lei. RESPOSTA: B 
 
QUESTÃO 74 
Em relação ao Plano Nacional da Educação (PNE), observa-se que a própria Constituição Federal de 
1988 define os papéis de cada ente federativo no cenário da garantia do direito à educação. Em 
resumo: 
“À União cabe organizar o sistema federal de ensino, financiar as instituições de ensino federais e 
exercer, em matéria educacional, função redistributiva e supletiva, para garantir equalização de 
oportunidades educacionais e padrão mínimo de qualidade do ensino mediante assistência técnica e 
financeira aos estados, ao Distrito Federal e aos municípios. Os municípios devem atuar 
prioritariamente no ensino fundamental e na educação infantil; os estados e o Distrito Federal, 
prioritariamente nos ensinos fundamental e médio (Constituição Federal, art. 211, §§ 1º, 2º e 3º)”. 
Com base no texto em destaque acima, percebe-se que as diferentes esferas de governo apresentam 
compromissos comuns para que os resultados esperados sejam mais efetivos e recursos otimizados, 
observando, neste aspecto, o planejamento integrado das ações colaborativas. Além desses 
benefícios, ao realizarem essa tarefa, os gestores indicarão caminhos concretos para a 
regulamentação dos pactos federativos nacionais em