A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
22 pág.
QUESTÕES OBJETIVAS DE ANÁLISE DE BALANÇO E GESTÃO DE CRÉDITO

Pré-visualização | Página 2 de 7

9-Denomina-se fato contábil todo o movimento que gera lançamentos contábeis. Uma compra, uma venda geram lançamentos contábeis, portanto são fatos contábeis. Muitas são as leituras que se extraem dos fatos contábeis e, especificamente, do balanço patrimonial. Por exemplo, o indicador de Imobilização do Patrimônio Líquido tem como função indicar em que nível os investimentos estão sendo financiados por capital próprio. Sobre o que este indicador tem como função evidenciar, analise as sentenças a seguir:
I- Os investimentos em ativo não circulante que são financiados por capital próprio. CORRETA
II- Os ativos de longo prazo não devem ser financiados com recursos de igual prazo. ERRADA
III- O capital próprio aplicado no ativo não circulante, e se a empresa necessita de capital de terceiros. CORRETA
IV- Quanto do patrimônio líquido está sendo aplicado no ativo não circulante. CORRETA
10-Todo investidor que tenha feito investimentos em uma empresa deseja obter um retorno desses investimentos. O dono do capital de terceiros, o credor, procura esse retorno por meio da cobrança de juros; e os donos da empresa, capital próprio, procura a geração de lucro líquido. Desta forma, a geração de lucro é a fonte para remunerar o recurso de capital. Existem diversos índices que procuram observar a rentabilidade da empresa. Sobre o exposto, associe os itens, utilizando o código a seguir:
I- O Giro de Ativo (GA).
II- A margem líquida (ML).
III- Retorno do ativo (ROA).
IV- Retorno do patrimônio líquido (ROE).
( III ) A sua função é medir o desempenho do ativo para gerar lucro, isto é, a capacidade de gerar lucro conforme os investimentos realizados no ativo.
( IV ) A sua função é medir a geração de lucro com relação ao capital próprio, isto é, a porcentagem de retorno deste capital em função ao capital investido pelos acionistas.
( I ) A sua função é de observar qual é a eficiência no uso de recursos operativos, isto é, a quantidades de vezes que as vendas conseguem retornar em função aos recursos consumidos no processo.
( II ) A sua função é medir a geração de lucro operativo em relação ao valor das vendas, isto é, a lucratividade com relação ao volume de vendas durante um determinado tempo.
11-Através de uma análise dos indicadores de desempenho econômico de determinada empresa, torna-se possível avaliar o seu grau de êxito com relação às suas operações. Com esta análise, entre outras leituras, é possível ponderar a sua rentabilidade. Diante disso, analise as seguintes sentenças:
I- O indicador de giro do ativo tem a função de evidenciar a quantidade de vezes que as vendas retornaram em relação aos recursos aplicados no ativo total. CORRETA
II- A margem líquida é o indicador que tem como função medir o desempenho das operações da empresa em relação ao volume de vendas. CORRETA
III- Quanto ao retorno de investimentos, seu indicador tem a função prioritária de medir o desempenho do faturamento da empresa. ERRADA
IV- A rentabilidade ou retorno de investimento são indicadores que têm como função medir o desempenho na geração de prejuízos. ERRADA
12-Uma das técnicas mais usadas para interpretar o Balanço Patrimonial e a Demonstração do Resultado do Exercício (DRE) é a análise de índices ou indicadores, visando ao fornecimento de informações para realizar uma análise comparativa. Com relação à interpretação desses indicadores, analise as sentenças a seguir:
I- Considerando o volume de dados importantes a serem analisados, é fundamental gerar o maior número de índices, e assim ter vários elementos comparativos de informação cruzada entre vários anos históricos de demonstrações. ERRADA
II- Devemos observar que quando se realiza uma análise de Balanço Patrimonial e de DRE, o gestor não deve se preocupar em gerar um grande número de índices, o foco deve ser qualidade pontual e não quantidade de informação. CORRETA
III- A apuração de um índice de uma o mais demonstrações contábeis deve ser feita por meio da interpretação entre valores absolutos, considerando um numerador e denominador que darão como resultado um índice. CORRETA
IV- A apuração de um índice de uma ou mais demonstrações contábeis deve ser feita por meio de informação cruzada entre históricos de demonstrações, interpretando valores relativos importantes ao processo de tomada de decisão. ERRADA
13-O Retorno sobre Investimento, o chamado ROI (do inglês ?Return on Investment?), é um indicador que exprime a relação entre a quantidade de dinheiro que foi investido e a quantidade de dinheiro ganho ou perdido no investimento. Também é chamado de ROA (Retorno sobre Ativos), ou também TRI (Taxa de Retorno sobre Investimentos). Sobre esse tema, assinale a alternativa CORRETA:
( ) Quanto maior o valor do ROI, em todos os casos, maior é o nível de impostos.
( X ) Esse indicador é definido pela razão entre o Lucro Líquido e o Ativo Total ou Ativo Total Médio.
( ) Para o cálculo do ROI, utiliza-se um fator de ajuste proporcional ao tamanho do empreendimento, em termos de capital imobilizado.
( ) Ele indica que, quanto maior o valor do Ativo Total, maior será a Taxa de Retorno.
14-A análise da estrutura de capital é um dos componentes da análise das demonstrações contábeis mais importantes a serem observados. Isso acontece porque os índices sobre o capital permitem obter importantes elementos de análise sobre quanto do capital da empresa é com recursos próprios (acionistas) e quanto é com recursos de terceiros (endividamento). Entre os vários índices da análise de capital, temos o grau de endividamento e a composição de endividamento. Sobre estes índices, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
( V ) O grau de endividamento consiste em analisar a participação de capital de terceiros nos ativos da empresa, visando determinar o nível de dependência do capital de terceiras nas atividades da empresa.
( F ) Uma vez conhecido o grau de endividamento da empresa, é fundamental observar a dívida como um todo e suas partes, isto é, poderem determinar quais são os credores e o custo de capital de cada um deles, independente do prazo dessas dívidas.
( V ) Uma vez conhecido o grau de endividamento da empresa, é importante observar qual é a composição desse capital de terceiros, isto é, determinar quanto dessa dívida é de curto e quanto é de longo prazo.
( V ) Devemos observar que o grau de endividamento dependerá muito do segmento onde a empresa está inserida. Assim, empresas comerciais tendem a possuir alavancagem alta, visando proporcionar giro alto de rotação dos ativos para assim gerar rentabilidade.
15-O EBITDA (Earning Before Interest, Taxes, Depreciation and Amortization) ou LAJIDA (Lucros Antes de Juros, Impostos, Depreciação e Amortização) é um indicador bastante utilizado para avaliar a capacidade de um determinado empreendimento em termos de geração de caixa, eliminadas da análise as atividades que não fazem parte da operação, bem como dívidas. Sobre esse indicador, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
( V ) Trata-se de um índice importante no que envolve as análises referentes a financiamentos de investimentos. Através desse índice, é possível determinar qual nível de endividamento a empresa poderá suportar.
( V ) O EBITDA compreende a soma do valor de lucro antes das despesas financeiras, somando-se esse montante ao valor de depreciação.
( F ) Esse índice representa o volume monetário efetivo de caixa, correspondendo ao conceito amplo de fluxo de caixa, visto que é apurado após o calculo do IR (Imposto de Renda).
( F ) Esse índice também é utilizado com a finalidade de se determinar os ganhos marginais dos acionistas, servindo fundamentalmente para avaliar a rentabilidade dos acionistas.
16-A estrutura de capital é um dos elementos de análise das demonstrações contábeis mais importantes da gestão financeira. Isso acontece porque os índices da estrutura de capital têm como objetivo principal analisar a estrutura de obtenção de recursos

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.