Sistema digestório
3 pág.

Sistema digestório


DisciplinaAnatomia I34.928 materiais268.465 seguidores
Pré-visualização2 páginas
ANATOMIA (Aula do dia 23/05)
SISTEMA DIGESTÓRIO
O tubo digestório apresenta especializações morfológicas e funcionais,ele é um tubo contínuo que apresenta uma musculatura importante e uma mucosa especializada.
Além das estruturas formadas pelo tubo digestório existem também órgãos e glândulas anexas como fígado,pâncreas.
O que impede a passagem direta do alimento pelo tubo digestório é a barreira mecânica/física formada pelo mesmo,além da presença dos esfincteres,que contribui para a motilidade digestória.
Esfíncteres \u2013 Estruturas contrátes,localizados ao longo de diversas regiões do tubo digestório,ele atua na contração da musculatura e permite a passagem do alimento.
*Estruturas comuns tanto ao sistema digestório quanto a um outro sistema em particular: Faringe,língua,palato.
No tubo digestório há dois tipos de processamentos,químico e mecânico.
A cavidade oral é a parte superior do sistema digestório,é aonde se inicia todo o processo.Esta cavidade se subdivide em cavidade oral propriamente dita e vestíbulo da boca.
A cavidade oral propriamente dita é o espaço interno aos dentes onde a língua se aloja.Enquanto o Vestíbulo da boca é a região externa aos dentes,que separa os lábios,bochechas dos dentes e gengivas (dentes trancados).
O palato se divide em palato duro (parte óssea,superior) e em palato mole (inferior) e atua na separação entre cavidade nasal e cavidade oral.No caso de deformações como a fenda palatina,o indivíduo tem a passagem do alimento da cavidade oral para a cavidade nasal,em recém nascidos esta deformação pode gerar problemas ainda mais graves como a pneumonia,a medida que o leite entra para a cavidade nasal além da dificuldade na fala e deglutição.
Aponeurose palatina \u2013 Tem por função manter os músculos palatinos atuando como uma estrutura única e móvel.
Glândulas palatinas - Estão presentes ao longo de todo o palato em forma de ductos,elas também contribuem para a produção de saliva,possibilitando assim o processamento químico.Além disso elas permitem com que a região bucal se mantenha umidecida durante e entre as refeições.
Tonsilas palatinas/Amigdalas - São acúmulos de tecidos linfóides e se situam ao longo de todo sistema digestório.Apesar de não fazerem parte do processo digestório propriamente dito elas respondem a processos de infecção e inflamação,mas essa contribuição para o sistema imunológico não é totalmente expressiva,o que permite um indivíduo viver perfeitamente sem elas.
Língua - É localizada dentro da cavidade oral,composta basicamente de músculo esquelético e revestida por mucosa.Além disso seu músculo pode se subdividir em músculo intrínseco e extrínseco. Os intrínsecos são responsáveis por possibilitar a modificação da forma da língua,enquanto os extrínsecos permitem o movimento e fixação dela.Apesar de haver essa subdivisão,esses dois tipos de músculos atuam juntos visto que é impossível mudar a forma da língua sem movimentá-la,por exemplo.
Funções da língua: mastigação,deglutição,órgão gustativo e articulação das palavras.
Parte faríngica - parte posterior da língua ''raíz'' que entra em contato com faringe,não há presença de papilas apenas tonsila lingual.
Corpo da língua - parte anterior ''meio''.
Ápice da língua - ponta da língua. 
Papilas - Estão presentes ao longo de toda a língua e impede com que ela tenha uma textura lisa,além disso,elas apresentam receptores sensoriais que permitem a identificação de sabores e também atuam no aumento do atrito nesta região,possibilitando ao indivíduo a capacidade de controlar o alimento na boca durante o processo de deglutição.
Glândulas salivares \u2013 Atuam principalmente na secreção de saliva e são ativadas pelo estímulo associado ao alimento.São subdivididas em três pares,que desembocam na cavidade oral mas não necessariamente no mesmo local,são elas: parótidas,submandibulares e sublingual. As parótidas localizam-se na região abaixo da orelha,seus ductos desembocam no vestíbulo da boca,as sublinguais localizam-se abaixo da língua e têm seus ductos desembocando na parte anterior da boca enquanto a submandibulares se localizam abaixo da mandibula e também têm seus ductos desembocados na parte anterior.Esses pares de glândulas tem função especial não só no processo de mastigação quanto no processamento químico do alimento.
Carúncula sublingual - Região localizada abaixo da língua que apresenta duas grandes glândulas salivares (submandibular e sublingual).
Caxumba - É um exemplo de infeccção de uma glândula salivar,neste caso da parótida.
Faringe \u2013 Subdivide-se em: nasofaringe (parte contínua da cavidade nasal),orofaringe (contínua com a cavidade bucal) e laringofaringe (parte caudal da laringe).Ela faz parte tanto do sistema digestório quanto do sistema respiratório.O alimento passa apenas pela orofaringe e pela laringofaringe.A faringe apresenta uma musculatura circular que se divide em três partes (superior,média e inferior) essa musculatura é fundamental no processo de empurrar o alimento ao longo do sistema.E uma musculatura longitudinal que permite o seu levantamento.
Ao longo de todo o sistema digestório há presença de musculaturas,que possuem um papel importante no processamento do alimento,essa musculatura pode ser longitudinal ou circular/constritora.Dependendo da região esses tipos de musculatura podem estar na parte interna ou externa.A musculatura circular atua no fechamento e constriccção,permitindo a passagem do alimento ao longo do sistema,enquanto o longitudinal permite a abertura,levantamento e a movimentação.
Epiglote \u2013 É uma estrutura cartilaginosa que faz parte da laringe.Responsável por fechar a entrada da laringe.
Esfíncter esofagiano superior \u2013 É o primeiro esfíncter digestório e localiza-se entre a faringe e o esôfago,permite a passagem do alimento,e principalmente,IMPEDE a passagem do ar.Encontra-se fechado,na maior parte das vezes,e se abre quando o alimento chega,controlando assim a motilidade do alimento.
Etapas do processo de deglutição:
1- Elevação do ápice da língua: permite que o alimento seja empurrado para a faringe.
2- Elevação do palato: auxilia no fechamento da cavidade nasal.
3- Elevação e deslocamento anterior da faringe: auxilia no fechamento da cavidade nasal.
4- Fechamento da entrada da laringe pela epiglote.
O que impede que um alimento entre na cavidade nasal?
Elevação do palato,elevação e deslocamento anterior da faringe.
O que impede que um alimento entre na laringe ?
Elevação e deslocamento anterior da faringe,fechamento da entrada da laringe pela epiglote.
Esôfago - É o que menos contribui para o processamento químico,é uma estrutura tubular que vai conectar a faringe com o sistema digestório inferior (estômago).Ele marca o sistema digestório anterior do inferior.O esôfago se divide em 3 porções: cervical, torácica e abdominal, sendo a segunda a maior delas. O esôfago também marca a transição de processos voluntários (presença de fibras musculares esqueléticas) e involuntários (fibras musculares lisas).
Hiato esofágico - Abertura que há no diafragma, e que permite o prolongamento das partes torácica e abdominaldo esôfago.E assim,permite com que o alimento passe da região torácica para a região abdominal.
Hérnia de hiato - É quando ocorre a projeção de uma estrutura abdominal para a região torácica.Podendo gerar refluxo dos ácidos estomacais que podem alcançar a garganta e provocar tosse ou sensação de vômito.
Esfíncter esofagiano inferior - Região de desembocadura do esôfago no estômago.É um esfíncter fisiológico,pois é uma região contrátil que sofre um amadurecimento com a idade do indivíduo.Tem por função permitir com que o alimento passe do esôfago para o estômago,e principalmente,IMPEDIR que o alimento do estômago retorne ao esôfago.O que é essencial pois a mucosa gástrica é completamente diferente da esofagiana.Crianças que apresentam um pequena quantidade de refluxo torna-se normal devido a imaturação do esfíncter.
Grande parte dos revestimentos do sistema digestório tem a sua fixação