A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
pop higienização das mãos

Pré-visualização | Página 1 de 1

POP Nº001/CTENF – HIGIENIZAÇÃO DAS MÃOS 1 
 
ESCOLA TÉCNICA POTIGUAR – SAÚDE 
CURSO TÉCNICO EM ENFERMAGEM 
 
PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO 
 
TÍTULO: HIGIENIZAÇÃO DAS MÃOS Nº001/CTENF 
Elaborador por: Professores e Preceptores do Curso Técnico em Enfermagem. Versão nº001 
Aprovado por: Coordenação do Curso Técnico em Enfermagem. Criação: 07/2017 
FINALIDADE: Remover os micro-organismos que colonizam as camadas superficiais da pele, 
assim como o suor, a oleosidade e as células mortas, retirando a sujidade propícia à permanência e 
à proliferação de micro-organismos. 
 
ORIENTAÇÕES GERAIS 
 
• Manter as unhas curtas e não usar unhas artificiais; 
• Não usar adornos (anéis, pulseiras, relógios de pulso, dentre outros); 
• Evite o uso de esmaltes nas unhas; 
• Higienizar as mãos antes e após o contato com cada paciente, artigo ou superfície contaminada. 
• Higienizar as mãos após contato com sangue, fluidos corpóreos, secreções, excreções; 
• Higienizar as mãos após contato, entre um paciente e outro, entre cada procedimento ou em 
ocasiões em que exista risco de transferência de patógenos para pacientes ou ambientes; 
• Higienizar as mãos entre procedimentos no mesmo paciente quando houver risco de infecção 
cruzada de diferentes sítios anatômicos. 
• Higienizar as mãos antes e após o uso de luvas. 
 
TÉCNICA 
 
 HIGIENIZAÇÃO SIMPLES DAS MÃOS 
 
Duração do procedimento: 40 a 60 segundos. 
 
1) Retire os adornos (anéis, relógios e pulseiras); 
2) Abra a torneira e molhe as mãos, evitando encostar-se a pia; 
3) Aplique na palma da mão quantidade suficiente de sabonete líquido para cobrir toda a superfície 
das mãos; 
4) Ensaboe as palmas das mãos, friccionando-as entre si; 
5) Esfregue a palma da mão direita contra o dorso da mão esquerda entrelaçando os dedos e vice-
versa; 
6) Entrelace os dedos e friccione os espaços interdigitais; 
7) Esfregue o dorso dos dedos de uma mão com a palma da mão oposta, segurando os dedos, com 
movimentos de vai-e-vem e vice-versa; 
8) Esfregue o polegar esquerdo com o auxílio da palma da mão direita utilizando-se de movimento 
circular e vice-versa; 
9) Friccione as polpas digitais e unhas da mão direita contra a palma da mão esquerda, fechada 
em concha, fazendo movimento circular e vice-versa; 
10) Esfregue o punho esquerdo, com o auxílio da palma da mão direita, utilizando movimento 
circular e vice-versa; 
11) Enxague as mãos, retirando os resíduos de sabonete. Evitar contato direto das mãos ensaboadas 
com a torneira; 
 POP Nº001/CTENF – HIGIENIZAÇÃO DAS MÃOS 2 
12) Seque as mãos com papel toalha descartável, iniciando pelas mãos e seguindo pelos punhos. 
Em caso de torneiras de fechamento manual, para fechar sempre utilize papel toalha; 
13) Desprezar o papel-toalha na lixeira para resíduos comuns. 
 
 ANTI-SEPSIA CIRÚRGICA 
 
Duração do Procedimento: de 3 a 5 minutos para a primeira cirurgia e de 2 a 3 minutos para as 
cirurgias subsequentes. 
 
1) Retire os adornos (anéis, relógios e pulseiras); 
2) Abra a torneira, molhar as mãos, antebraços e cotovelos; 
3) Recolha, com as mãos em concha, o anti-séptico e espalhar nas mãos, antebraço e cotovelo. 
No caso de escova impregnada com anti-séptico, pressione a parte da esponja contra a pele e 
espalhe por todas as partes; 
4) Limpe sob as unhas com as cerdas da escova; 
5) Friccione as mãos, observando espaços interdigitais e antebraço por no mínimo 3 a 5 minutos, 
mantendo as mãos acima dos cotovelos; 
6) Enxague as mãos em água corrente, no sentido das mãos para cotovelos, retirando todo 
resíduo do produto. Fechar a torneira com o cotovelo, joelho ou pés, se a torneira não possuir 
foto sensor; 
7) Enxugue as mãos em toalhas ou compressas estéreis, com movimentos compressivos, 
iniciando pelas mãos e seguindo pelo antebraço e cotovelo, atentando para utilizar as 
diferentes dobras da toalha/compressa para regiões distintas. 
 
 
ANEXOS