Prova Online - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL
4 pág.

Prova Online - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL


DisciplinaRecursos Humanos6.946 materiais22.508 seguidores
Pré-visualização2 páginas
Prova Online
Disciplina: 100919 - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL
Abaixo estão as questões e as alternativas que você selecionou:
Parte superior do formulário
QUESTÃO 1
A escuta é mais do que uma atitude ética, de educação e valorização do outro na empresa. Justamente por encarnar essas virtudes, a escuta se impõe como fator da gestão da comunicação. Somente a escuta proporciona, durante a comunicação, "ouvir o que não foi dito", ler nas entrelinhas, interpretar, como defende Peter Drucker. Nesse contexto, ela é um instrumento de análise do clima organizacional que é a percepção coletiva que as pessoas formam da empresa.
Se há uma abertura para a escuta é porque, concomitantemente, há uma demanda em relação a ela e, portanto, uma necessidade de manifestação por parte do outro ou o que se pode chamar de afirmação da voz desse outro. Marchington (2010) destaca que "a voz é um importante e necessário componente do sistema de RH e que para ser efetivo, em termos de percepção do empregado e performance, deve ser incorporado dentro da organização, visível no ambiente de trabalho e ser um espaço de expressão".
A propósito dos obstáculos à comunicação relacionados abaixo, indique a opção em que o problema é causado conscientemente pela supressão da voz do outro como forma de manutenção do poder. (obstáculos, entre aspas abaixo, identificados pela Opinion Research Corp. International (ORCI) e citados por Matos (2009, p. 23-24).
a ) "Os escalões gerenciais em geral já recebem a informação por 'filtros', o que acaba por favorecer a distorção sobre a realidade dos fatos". 
b ) "Profissionais que mantêm 'distância' com os subordinados, inibindo-os à manifestação e, com isso, limitando as comunicações ao fluxo descendente".
c ) "Muitos chefes retêm informações na pretensão de que com isso tornem-se mais importantes, transmitindo-as, muitas vezes, apenas quando as mesmas podem garantir-lhes prestígio junto aos subordinados. Acredita, dessa forma, que a 'confiabilidade' que atribuem às informações reforçam seu poder".
d ) Grupo habituado à prática do "nós-conosco", identificada no represamento de informações em alguma instância de comando da organização. Nesse caso, a informação, de significativa importância para os escalões elevados da organização, é retida estrategicamente, por algum tempo, para uso político (estratégico) do grupo.
e ) "Escamoteação de informações para obter vantagens pessoais: não revelam informações que possam ser úteis a possíveis concorrentes".
QUESTÃO 2
Assinale a definição correta de endomarketing.
a )Sistema de vendas diretas para empresas (Business to Business)
b )O mesmo que marketing multinível em que agentes de divulgação e venda de produtos e serviços geram redes próprias (subníveis) com os mesmos objetivos; ao longo de tal processo; cada novo membro da rede é persuadido a criar a sua própria, dando início a novo ciclo.
c )Sistema de fidelização de clientes, o qual oferece amplo número de vantagens, entre descontos, prêmios, atendimento preferencial etc. 
 
d )Endomarketing ou marketing interno é a estratégia de marketing institucional voltada para o público interno da empresa. São diversas ações que compõem o endomarketing, desde a comunicação interna e as políticas de benefícios e incentivos até os eventos voltados para os colaboradores e sutilezas como a decoração da empresa.
e )Estratégia de marketing institucional voltada para fornecedores com o objetivo de inseri-los nas políticas da gerência ou diretoria de produto.
O endomarketing facilita a adoção de sistemas de produção baseados no "Toyotismo", cuja uma das regras é a seguinte: toda relação cliente-fornecedor (interno e externo) deve ser direta, com um canal definido e claro para enviar pedidos e receber respostas.
QUESTÃO 3
Entre as vertentes da chamada Escola Racionalista Clássica, encontram-se a Administração Científica, de Taylor, e a Teoria Burocrática, de Max Weber, caracterizadas, respectivamente, pelos seguintes fatores:
a )O taylorismo estabeleceu as principais diretrizes do trabalho na linha de montagem, conservadas até hoje, valorizando a dimensão humana das relações, já que delas depende a eficiência e eficácia de todo o sistema. Por outro lado, a Burocracia tem como pressuposto a noção de autoridade: tradicional, carismática e racional-legal.
b )Ambas as vertentes valorizam o fator humano, o que exige redobrada sensibilidade das chefias no relacionamento com os subordinados. Tal atitude por parte da gestão resultava no maior grau de colaboração entre todos com decorrente aumento de produtividade.
c )Para Taylor, o que importa é o ganho de eficácia, tempo e alcance de um padrão de trabalho rigorosamente controlado. Para Weber, o que vale é o dinamismo da comunicação, identificado na adoção dos diferentes fluxos, com destaque para as relações informais, já que estas dotam o indivíduo com maior grau de consciência em relação ao próximo, aumentando também o nível de compromisso com a organização.
d )O taylorismo adota o conceito da organização comunicante, pois valoriza a relação mantida entre cada unidade laboral, enquanto que a teoria Burocrática defende a comunicação multidirecional, valorizando a sinergia.
 
e )A teoria de Taylor vê a produção como processo fragmentado, dividido em fases: planejamento, concepção e direção. O processo era "administrado cientificamente", segundo procedimentos de tempos e movimentos, capazes de estipular, sob a égide da linha ou cadeia de montagem, um movimento a ser desenvolvido num tempo ideal, devidamente cronometrado. A teoria de Weber prima pela formalização de regras, as quais deveriam ser seguidas rigorosamente, por todos os membros da organização, desconsiderando o cargo ocupado;
QUESTÃO 4
De acordo com os postulados de Kunsch (2003) sobre a abrangência da comunicação organizacional (expressão equivalente à comunicação empresarial), os objetivos e objetos da subárea compreendida como Comunicação Interna são estes:
a )Cria e em seguida orienta nos diversos níveis da instituição as conexões indicadas no organograma, instrumento em que aquelas conexões ganham a forma de divisões e subdivisões administrativas no interior das quais ocorrem todas as modalidades de comunicação. O processo, por sua vez, lança mão de diferentes ferramentas, tais como folders, memorandos, e-mails, intranet, TV Corporativa etc.
 
b )Conjunto de atividades, processos, programas - com o devido aparelhamento oferecido por diversas ferramentas - centrado no âmbito da organização. Ordena, coordena e organiza fluxos de comunicação formais e informais.
c )Processos integrados à comunicação administrativa, os quais têm como centro os funcionários (prevalentemente), os agentes dos fluxos comunicacionais formais e informais. Esses agentes servem-se de vasto ferramental de comunicação interna, do quadro de aviso aos dispositivos digitais, como internet e intranet.
d )As relações públicas são o dispositivo comunicacional que mais diretamente mantém vínculos com a subárea, pois cabe a ela instruir todos os processos não somente relacionados ao cumprimento das relações institucionais, como também ordenar, coordenar e organizar os fluxos comunicacionais no interior das redes formal e informal com a intervenção de seus veículos.
e )Conjunto de procedimentos cujo papel é o de estabelecer o posicionamento da organização no mercado e a partir disso alinhar as diversas estratégias da comunicação integrada de marketing, tais como vendas diretas, mídia interna e externa, marketing digital etc.
QUESTÃO 5
Esses agentes podem ser definidos como pessoas, grupos, comunidades, organizações ou entidades que apresentam interesse ou que são afetados, direta ou indiretamente, pelas ações de uma organização. Eles não substituem a sociedade, porém suas identificações, num sentido final, ainda que provenientes de um exercício interno à organização, são definidas e legitimadas pela própria sociedade.
Considerando-se as características acima, pode-se