A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
trabalho final - Leis de Newton

Pré-visualização | Página 1 de 1

UNIVERSIDADE POTIGUAR - UNP
ESCOLA DAS ENGENHARIAS
CURSO ENGENHARIA CIVIL – 1NB
DISCIPLINA: FUNDAMENTOS AS CIÊNCIAS EXATAS
PROFº ERISLLEYK MAIA
ALUNA: ERICA AYARA
LEIS DE NEWTON: PRINCIPIOS NA INÉRCIA, PRINCÍPIO FUNDAMENTAL DA DINÂMICA E PRINCIPIO DA AÇÃO E REAÇÃO
MOSSORÓ – RN 
2015
INTRODUÇÃO
As leis de Newton são os comportamentos dos corpos em movimento, formulados por Isaac Newton. É o relacionado entre forças agindo sobre um corpo e seu movimento causado pelas forças.
Temos três leis em que todo o estudo pode ser resumido. Essas leis são conhecidas como:
Primeira lei de Newton: a lei da inércia;
Segunda lei de Newton: o princípio fundamental da dinâmica;
Terceira lei de Newton: a lei da ação e reação.
A primeira lei de Newton é o que ocorre com os corpos em equilíbrio. A segunda lei ocorre quando não há equilíbrio, e a terceira lei é o comportamento das forças entre dois corpos interagindo entre si.
DESENVOLVIMENTO
2.1. Princípio da Inércia
Inércia são a resistência e um corpo que está em repouso ou em movimento. Quanto maior a massa, maior a sua inércia, ou seja, maior sua resistência.
Inércia não é força. É uma tendência em permanecer parado ou uma tendência em continuar em movimento. Ou seja, um corpo que esta em repouso tende a ficar em repouso a não ser que alguma força atue sobre ele. Um corpo que está em movimento retilíneo uniforme ( M.R.U.) tende a continuar em M.R.U. a não ser que alguma força atue sobre ele.
Portanto, para tirar um corpo em movimento ou em repouso, é necessário que haja uma força aplicada.
Em outras palavras, podemos dizer que: FORÇAS RESULTANTES = ZERO
“Todo corpo permanece em seu estado de repouso ou de movimento uniforme em linha reta, a menos que seja obrigado a mudar seu estado por forças impressas a ele”.
Será mais fácil colocar em movimento uma moto ou um carro?
A moto tem menor massa, também menor inércia, será mais fácil alterar seu estado de repouso.
O carro tem maior massa, também maior inércia, será mais difícil alterar o seu estado de repouso.
2.2. Principio Fundamental da Dinâmica
É uma relação da resultante das forças aplicadas em um corpo com a aceleração exercida por ele. Ou seja, sempre que aplicar uma força num corpo, pode provocar uma mudança de velocidade – uma aceleração.
Quanto mais intensa for a força resultante, maior será a aceleração adquirida pelo corpo.
Onde força e aceleração são grandezas vetoriais e possuem a mesma direção, sentido e intensidades proporcionais.
Essa relação pode ser descrita com a equação:
Fr = m . a
Fr = força resultante
m = massa
a = aceleração 
2.3. Princípio da Ação e Reação
A força é resultado da interação entre os corpos, ou seja, um corpo produz a força e o outro corpo a recebe.
Toda vez que um corpo A exerce uma força Fa em um corpo B, este também exerce em A uma forca Fb tal que estas forças:
A mesma intensidade;
A mesma direção;
Sentidos opostos;
A mesma natureza.
Forças de ação e reação não se equilibram, pois são em corpos diferentes. Toda força que um corpo recebe é consequência da força que ele aplicou.
Quando uma pessoa caminha sobre uma superfície, ela é direcionada para frente, pois é a força que ela aplicou sobre o chão. Ou seja, para iniciar ou alterar o movimento de um corpo, é necessário que haja uma força aplicada sobre o mesmo.
CONCLUSÃO
Isaac Newton foi um grande avanço para a ciência. Suas leis e descobertas nos faz compreender o mundo ao nosso redor. Com o desenvolvimento desse trabalho pode-se concluir que de maneira bem simples que a primeira Lei de Newton está relacionada a um corpo que estará em repouso ou em movimento retilíneo uniforme, em que as forças resultante é iguais a zero, ou seja, a força será nula. A segunda lei ocorre quando o corpo não esta em equilíbrio, pois sempre que aplicar uma força no corpo vai provocar uma aceleração. E a terceira lei fala sobre a relação entre dois corpos, pois um corpo exerce força sobre o outro, porque essa força tem a mesma direção, intensidade e natureza, e os sentidos opostos.
BIBLIOGRAFIA
http://descomplica.com.br/fisica/leis-de-newton/1a-lei-de-newton> Acesso em 04 de junho de 2015.
http://www.aulas-fisica-quimica.com/9f_15.html> Acesso em 04 de junho de 2015.
http://www.sofisica.com.br/conteudos/Mecanica/Dinamica/leisdenewton.php> Acesso em 04 de junho de 2015.
http://www.mundoeducacao.com/fisica/terceira-lei-newton.htm> Acesso em 04 de junho de 2015.
http://www.infoescola.com/fisica/3a-lei-de-newton-acao-e-reacao/> Acesso em 04 de junho de 2015.