DIREITO E SOCIEDADE
8 pág.

DIREITO E SOCIEDADE


DisciplinaLegislação Social I392 materiais1.259 seguidores
Pré-visualização2 páginas
LEGISLAÇÃO SOCIAL I
DIREITO E SOCIEDADE 
1a aula
	
	 1a Questão
	
	
	
	
	As nossas relações do cotidiano denominadas de relações sociais obedecem os parâmetros das regras em sociedade e por outro lado estas relações sociais são dotadas de obrigatoriedade, tal como a entrega de determinado objeto, a venda de imóvel etc..São denominadas de relação jurídica. Assim, podemos afirmar que relação jurídica é:
		
	 
	no plano objetivo é toda relação social disciplinada pelo Direito, no plano subjetivo, como vínculo entre dois ou mais indivíduos, dotado de obrigatoriedade.
	
	no plano administrativo é todo seguimento que estrutura a relação entre qualquer individuo dotados de vontade
	
	no plano comercial é toda a relação de causa e efeito que pode até gerar efeitos jurídicos
	
	no plano constitucional é o direito privado capaz de produzir efeitos quando provocado
	
	no plano nacional é objetivado pela interveniência da sociedade que produz a norma
	Respondido em 28/08/2019 19:36:38
	
	
	 
	
	 2a Questão
	
	
	
	
	Teles trafegava normalmente pela rua quando viu que o sinal de transito ficou amarelo. Imediatamente ele reduziu a velocidade pois em seguida sabe que o sinal ficará vermelho o que o impossibilitava de prosseguir. Um veiculo que vinha logo atrás de Teles, não foi tão prudente e acabou tendo que frear bruscamente e acabou arranhando seu carro. Diante da situação acima mencionada, segundo nosso ordenamento poderá Telles exigir uma reparação pelo dano causado?
		
	
	Não, porque Teles deveria ter sinalizado que o sinal ia fechar
	
	Sim, porque é uma situação que somente o delegado poderá decidir
	
	Sim, pois trata-se de um direito qualitativo
	
	Não,porque não há amparo legal se o motorista do veiculo quiser ele paga
	 
	Sim, pois é uma faculdade que ele possui configura-se o que denomina de direito subjetivo
	Respondido em 28/08/2019 19:38:17
	
	
	 
	
	 3a Questão
	
	
	
	
	No nosso cotidiano temos inúmeras situações corriqueiras que em regra em nada interferem na esfera jurídica. Também é do nosso conhecimento que temos acontecimentos que podem vir a gerar conseqüências e repercutir na esfera jurídica , ou seja nascimento , a morte um terremoto etc. Diante dessa exposição podemos afirmar que:
		
	
	fato jurídico obedece ao regramento interno e suas conseqüências se manifestam exclusivamente no poder constituído
	 
	fato jurídico é todo acontecimento , derivado somente do homem e nem sempre produz efeitos jurídicos
	
	fato jurídico é toda conseqüência da atuação da natureza, excepcionalmente do homem
	 
	fato jurídico é todo acontecimento, derivado do homem ou da natureza, que produz conseqüências jurídicas
	
	fato jurídico é toda conseqüência advinda somente da natureza
	Respondido em 28/08/2019 20:42:48
	
	
	 
	
	 4a Questão
	
	
	
	
	Quais as funções do direito respectivamente?
		
	
	definir os conflitos e polarizar as relações
	
	decompor e realizar os conflitos
	 
	compor os conflitos e arbitrar
	 
	prevenir e compor conflitos
	
	polarizar as relações e arbitrar
	Respondido em 28/08/2019 20:45:10
	
	
	Gabarito
Coment.
	
	 
	
	 5a Questão
	
	
	
	
	Assinale a alternativa que indica a forma de composição de conflitos que consiste na auto-composição das partes, onde a solução é dada por estas, de acordo com seus interesses:
		
	 
	d) mediação
	
	a) arbitragem
	
	c) conciliação
	
	b) lide
	
	e) prevenção
	Respondido em 28/08/2019 20:46:47
	
	
	Gabarito
Coment.
	
	 
	
	 6a Questão
	
	
	
	
	Levando-se em consideração a nossa Constituição, os direitos coletivos da sociedade e o atendimento juridico aos carentes incluindo-se os idosos incumbem respctivamente:
		
	
	Defensoria Publica e Prefeituras
	 
	Ministério Público e Defensoria Pública
	
	Defensoria Publia e Conselho Tutelar
	
	Governo dos Estados e Conselhos Tutelares
	
	Ministério Publico e Conselho tutelar
	Respondido em 28/08/2019 20:49:40
	
	
	 
	
	 7a Questão
	
	
	
	
	(Fundação Carlos Chagas - 05/2011) Quando a lei for omissa, o juiz decidirá o caso com o emprego da
		
	
	b) equidade em quaisquer casos, dos costumes e dos princípios gerais do direito.
	
	c) analogia, da equidade e dos costumes, apenas.
	 
	e) interpretação, da analogia e dos princípios gerais do direito.
	 
	a) analogia, dos costumes e dos princípios gerais do direito.
	
	d) interpretação, dos costumes, da equidade e dos princípios gerais do direito.
	Respondido em 28/08/2019 20:51:49
	
	
	Gabarito
Coment.
	
	 
	
	 8a Questão
	
	
	
	
	É a única regra que tem a possibilidade do uso da força, para o seu cumprimento:
		
	
	Regra Religiosa;
	
	Todas as alternativas estão corretas.
	
	Regra moral;
	 
	Regra de direito;
	
	Regra social;
	 1a Questão
	
	
	
	É incompatível com este conceito de Direito: "Conjunto de normas obrigatórias, emanadas por um poder competente, de caráter comum e com força coercitiva":
		
	 
	A impossibilidade do uso da força para cumprimento da lei;
	 
	Obediência às regras;
	
	Todas as alternativas estão incorretas.
	
	As generalidade das regras;
	
	A proteção dos valores sociais;
	Respondido em 28/08/2019 20:57:02
	
	
	Gabarito
Coment.
	
	 
	
	 2a Questão
	
	
	
	
	Teles trafegava normalmente pela rua quando viu que o sinal de transito ficou amarelo. Imediatamente ele reduziu a velocidade pois em seguida sabe que o sinal ficará vermelho o que o impossibilitava de prosseguir. Um veiculo que vinha logo atrás de Teles, não foi tão prudente e acabou tendo que frear bruscamente e acabou arranhando seu carro. Diante da situação acima mencionada, segundo nosso ordenamento poderá Telles exigir uma reparação pelo dano causado?
		
	
	Não, porque Teles deveria ter sinalizado que o sinal ia fechar
	
	Não,porque não há amparo legal se o motorista do veiculo quiser ele paga
	 
	Sim, pois é uma faculdade que ele possui configura-se o que denomina de direito subjetivo
	
	Sim, porque é uma situação que somente o delegado poderá decidir
	
	Sim, pois trata-se de um direito qualitativo
	Respondido em 28/08/2019 20:57:34
	
	
	 
	
	 3a Questão
	
	
	
	
	No nosso cotidiano temos inúmeras situações corriqueiras que em regra em nada interferem na esfera jurídica. Também é do nosso conhecimento que temos acontecimentos que podem vir a gerar conseqüências e repercutir na esfera jurídica , ou seja nascimento , a morte um terremoto etc. Diante dessa exposição podemos afirmar que:
		
	 
	fato jurídico é todo acontecimento, derivado do homem ou da natureza, que produz conseqüências jurídicas
	
	fato jurídico obedece ao regramento interno e suas conseqüências se manifestam exclusivamente no poder constituído
	 
	fato jurídico é toda conseqüência da atuação da natureza, excepcionalmente do homem
	
	fato jurídico é toda conseqüência advinda somente da natureza
	
	fato jurídico é todo acontecimento , derivado somente do homem e nem sempre produz efeitos jurídicos
	Respondido em 28/08/2019 20:57:59
	
	
	 
	
	 4a Questão
	
	
	
	
	As nossas relações do cotidiano denominadas de relações sociais obedecem os parâmetros das regras em sociedade e por outro lado estas relações sociais são dotadas de obrigatoriedade, tal como a entrega de determinado objeto, a venda de imóvel etc..São denominadas de relação jurídica. Assim, podemos afirmar que relação jurídica é:
		
	 
	no plano objetivo