A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
86 pág.
Apostila ancord

Pré-visualização | Página 1 de 16

proeducacional.com 
 
 
Sobre o material 
Esse Resumo foi feito especialmente para quem deseja passar na 
certificação ANCORD e se tornar um Agente Autônomo de 
Investimentos. 
A simples leitura deste resumo não garante a aprovação no exame, 
para tal feito é necessário fazer o curso completo no site 
https://proeducacional.com/curso/preparatorio-ancord/ 
Utilize este resumo para relembrar e reforçar os principais pontos 
antes da prova. Bons estudos! 
Dúvidas ou sugestões entre em contato com 
contato@proeducacional.com. 
proeducacional.com 
Capítulo 1 - Economia 
 
 
 
1.1 Economia 
 
. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
1.2 Produto Interno Bruto – PIB 
 
A sigla PIB significa Produto Interno Bruto, o PIB é aferido anualmente e 
considera todo valor transacionado na economia relativo ao consumo final. 
Considera-se apena o valor pago pelo consumidor porque é relativo a todo o 
processo de produção. 
Famílias 
Empresas 
Empresas ofertam bens e serviços para suprir as necessidades das famílias; Empresas oferecem 
pagamento por fatores de produção (trabalho, capital e terras) e recebem lucro pela venda dos produtos. 
Famílias ofertam capital terras e trabalho para as empresas; recebem remuneração por parte das 
empresas e por sua vez compram bens e serviços e remuneram as empresas. 
proeducacional.com 
Dá-se o cálculo do PIB através da soma 
algébrica entre: 
 
 
 
 
 
 
 
 PIB per capita é o PIB auferido por unidade de habitante. Quando 
compararmos o PIB do país e o PIB per capita notaremos uma diferença 
bastante importante. 
 O PIB é medido através da soma dos valores transacionados na 
economia, considerando apenas os produtos e serviços finais, o aumento 
dele denota um consumo maior e, portanto, maior poder de aquisição. 
 
 
 
IMPORTANTE 
 
 
 
𝑃𝐼𝐵 𝐶 + 𝐺 + 𝐼 + 𝑁𝑋(𝐸 − 𝐼) 
O PIB é uma medida internacional, portanto comparável de 
país a país, mas devemos analisar como é a nomenclatura 
dele em cada local. Gross Domestic Product é o indicador 
relacionado ao PIB nos Estados Unidos. Analisando a 
tradução literal entre ambas, encontra-se um significado 
absolutamente igual. Para a execução de uma análise 
melhor fundamentada desconta-se o valor da inflação e 
considera o crescimento real entre um ano e o pregresso, 
devemos nos certificar que o indicador está considerando 
tais ponderações. 
proeducacional.com 
1.3 IPCA – Índice de Preços ao Consumidor Amplo 
A inflação é medida para controle das políticas de renda, analise dos preços e 
previsões econômicas e financeiras, executado tanto pelas empresas quanto 
pelos governos. 
IPCA- Índice de Preços do Consumidor Amplo 
O IPCA- Índice de Preços do Consumidor Amplo, é o índice oficial utilizado pelo 
Governo através dele realiza-se o ajuste do dissidio salarial, e o COPOM o 
utiliza como análise para cálculo da taxa de juros (SELIC META), ou seja, o juros 
da economia e também os salários acompanham esta análise. Esta medida 
equilibra os salários e preços impedindo que o poder de compra da população 
entre em declínio. 
 O IPCA considera os gastos realizados pelas famílias que ganham de um 
a 40 salários mínimos. 
 O IPCA é calculado e compreende as regiões de Brasília, Belém, Belo 
Horizonte, Curitiba, Fortaleza, Município de Goiânia, Porto Alegre, Rio de 
Janeiro, Salvador e São Paulo. 
Como o intuito do IPCA é ser um índice amplo e referencial da economia, ele 
considera cesta de produtos mais consumidos pelas famílias. Sendo estes: 
Alimentação 25% 
Transportes e Comunicação 19% 
Despesas Pessoais 16% 
Vestuário 12% 
Habitação 11% 
Saúde e cuidados pessoais 9% 
Artigos de residência 8% 
 
1.4 IGP – Índice Geral de Preços do Mercado 
O IGPM é calculado pela Fundação Getúlio Vargas – FGV. 
proeducacional.com 
Composição do IGPM 
Índice de Preços por Atacado – IPA 60% 
Índice de Preços ao Consumidor – IPC 19% 
Índice Nacional de Custos de Construção 
(INCC) 16% 
 
 VOCÊ SABIA 
 
 
 
 
No mercado financeiro a utilização de índices, indicadores e taxas que orientam 
como serão calculados a remuneração dos diversos títulos. 
1.5 Taxa Referencial – Taxa Referencial 
Para execução do cálculo da Taxa Referencial é utilizado a média dos 
certificados de depósito bancário (explicado acima) e posteriormente deduzido 
por uma taxa referencial adotada pelo Banco Central em determinado momento. 
O responsável pelo cálculo é o Banco Central e sua periodicidade é diária. 
Através do valor médio dos depósitos de CDB obtém-se a TBF (Taxa Básica 
Financeira ) , desta taxa é deduzido um redutor determinado pelo BACEN, 
obtendo a TR. 
 [
 + 
 
] − 
 
IGP-M : mais comum o IGPM considera o período do dia 21 
do mês anterior ao dia 20 de dado mês. 
IGP-DI : considera o período do dia 01 ao dia 30 do mês de 
referência. 
 
proeducacional.com 
TR= Taxa Referencial 
TBF= Média dos CDBs 
R= Redutor determinado 
pelo BACEN 
 
 
 
 
1.5 Política Fiscal 
A Política Fiscal refere-se a todas as receitas e gastos do Governo. Ela tem três 
funções, estabilizadora, redistributiva e alocativa. 
 A Função Estabilizadora visa a manutenção e estabilidade dos 
preços e gestão, mantendo baixo o nível de desemprego, objetivo 
maior é propiciar estabilidade e crescimento econômico 
sustentável. 
 A Função Redistributiva entende-se a atuação do Governo em 
relação a distribuição de uma renda mais equitativa, dirimindo as 
diferenças sociais. 
 A Função alocativa, trata de interferências diretas do Governo, 
onde executa o fornecimento de Bens e Serviços a sociedade, 
onde seu foco é executar os serviços e produção de bens que não 
são supridos de forma eficiente pelo mercado. 
 
1.6 Política Monetária 
Segundo Eduardo Fontoura; Mercado Financeiro a política Monetária “ Ela pode 
ser definida como o controle da oferta de moeda e das taxas de juros que 
garantem a liquidez ideal de cada momento econômico. ” 
1.7 Política Cambial 
proeducacional.com 
A gestão da política Cambial fica a cargo do Banco Central, ela é diretamente o 
controle do valor do cambio através da intervenção direta no mercado ou a 
estipulação de uma taxa fixa. 
Tipos de política cambial 
A política cambial pode ser de câmbio fixo ou flutuante. No caso do câmbio 
fixo o BACEN estipula uma taxa de cambio fixa que dá manutenção ao patamar 
de importações e exportações visado pela economia e utiliza das reservas 
cambiais para compra e venda e manutenção desse patamar. 
Já no câmbio flutuante quem determina o preço do cambio é o mercado, 
determinando pela relação oferta e demanda o preço das moedas 
internacionais. 
No Brasil o regime Cambial é flutuante sujo. Ou seja, embora o que determina 
a taxa de cambio é o mercado, o BACEN interfere no nível quando oscilações 
muito bruscas são percebidas. Ele realiza interferências vendendo parte da 
reserva cambial ou comprando. Através desta medida ele interfere diretamente 
na taxa percebida na economia. 
1.8 Política de Renda 
A renda da população é uma relação de como ocorre a distribuição de capital e 
remuneração pelo trabalho. Como informado anteriormente uma das funções do 
Governo é a realização da política fiscal e redistribuição da renda, permitindo 
com isso maior nível de justiça social e fluidez nas relações de consumo.