A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
67 pág.
Teoria da História (Questionário Completo)

Pré-visualização | Página 6 de 19

os outros modelos de interpretação histórica, é dotada de historicidade, ou seja, se 
transformou, em seus métodos e abordagens, ao longo do tempo. Recentemente, ganhou força na historiografia brasileira 
um tipo de abordagem econômica que prioriza a vinculação da racionabilidade econômica com as outras esferas sociais. 
Assinale, entre as alternativas apresentadas abaixo, aquela que apresenta corretamente um exemplo de estudo que pode 
ser inserido nessa tendência. 
O livro "Raízes do Brasil", de Sérgio Buarque de Holanda, no qual o autor explica a construção da "cordialidade 
brasileira". 
O livro "A Brecha Camponesa no sistema escravista", de Ciro Flamarion Cardoso, onde o autor demonstra como nas 
franjas do sistema escravista existiu a possibilidade de existência de uma atividade econômica escrava com algum 
grau de autonomia. 
Certo O livro "O Arcaísmo como Projeto", de Manolo Florentino e João Fragoso, no qual os autores explicam como a 
cultura aristocrática, na América Portuguesa, condicionou um movimento de conversão do capital fora dos padrões 
estipulados pela mentalidade burguesa. 
O livro "Casa Grande & Senzala", de Gilberto Freyre, no qual o autor examina a formação do patriarcalismo 
brasileiro. 
O livro "A Formação do Brasil Contemporâneo", de Caio Prado Jr, onde o autor analisa a história do Brasil a partir 
da noção de "sentido da colonização", segundo a qual a economia nacional, desde os tempos coloniais, é 
condicionada pelos interesses do capitalismo internacional. 
 
7a Questão 
O caráter teleológico consiste em considerar o final da história como algo previamente conhecido. Como Karl Marx 
postulava o Comunismo e, segundo o pensador, este só seria alcançado através da tomada do poder pelo proletariado e 
após passar por etapas necessárias, fica aparente para Marx que o final da história se dá em uma sociedade comunista. 
No estudo da História da sociedade o Marxismo privilegiava a visão: 
 Cotidiana 
 Industrial 
JHºNJHºN
Realce
 Cultural 
Certo Econômica 
 Política 
 
8a Questão 
A Economia, Dimensão examinada em primeiro plano pelos historiadores econômicos, refere-se a vários aspectos que 
interagem reciprocamente. De modo mais geral são eles: 
 Sociais, Militares, Econômicos e Culturais. 
Certo Produção, Distribuição, Circulação e Consumo. 
 Financeiros, Políticos e Comerciais. 
 Seriais e Quantitativos. 
 Moedas, Balanças Comerciais, Desenvolvimento, Crise e Inflação. 
 
9a Questão 
Segundo historiador José D'Assunção Barros, um dos grandes vícios da história quantitativa é: 
 não ser adequado para os estudos interessados na cultura popular. 
 não se preocupar com fontes ligadas à cultura oral, o que reduz a capacidade analítica da abordagem. 
Certo o excesso de confiança na série quantitativa como fio condutor para examinar uma totalidade de aspectos. 
 ser adequada, apenas, às pesquisas em história cultura. 
 não ser adequada às pesquisas em história social. 
 
10a Questão 
¿É preciso elaborar sobre isso um projeto orgânico, sistemático e argumentado. Registro das atividades de caráter 
predominantemente intelectual. Instituições ligadas à atividade cultural. [...] Escola, academia, círculos de diferentes tipos, 
tais como instituições de elaboração colegiada da vida cultural. Revistas e jornais como meios para organizar e difundir a 
determinados tipos de cultura¿. GRAMSCI, A. Cadernos do Cárcere. Vol. II. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2001. p. 32. 
O trabalho do comunista sardo Antonio Gramsci foi fundamental para repensar boa parte das interpretações marxistas 
acerca do papel da cultura nas lutas sociais. Sobre a contribuição de Gramsci, assinale a alternativa correta. 
O trabalho de Gramsci se encaixa no contexto do surgimento da teoria crítica relacionada aos estudos da cultura de 
massas. 
O conceito de hegemonia foi utilizado por Gramsci para pensar a indústria cultural e a produção cultural como 
produção de mercadorias, marcada pela mais-valia. 
JHºNJHºN
Realce
JHºNJHºN
Realce
JHºNJHºN
Realce
 A obra de Gramsci influenciou a formação da tendência que ficou conhecida como ¿Nova História Cultural¿. 
Certo A adoção do conceito de ¿hegemonia cultural¿ foi fundamental para superar as interpretações mecanicistas 
baseadas na metáfora da determinação da base econômica sobre a superestrutura ideológica e cultural. 
O trabalho de Gramsci foi fortemente fundamentado na Antropologia Cultural e buscava descrever os símbolos 
culturais das diferentes sociedades do passado. 
 
Explicação: 
Uma questão de temática transversal, em que o aluno deve ampliar os conhecimentos a partir de seu erro. 
 
11a Questão 
Partido dos estudos das Telas presentes no conteúdo Online aula 3, é apontada a necessidade de problematização para 
evitar raciocínios lineares e redutores em historiografia, sinaliza ainda a importância de conhecer a História Econômica, 
como um dos campos históricos que surge a partir do século XX; e, finalmente entender a diferença entre História Serial e 
História Quantitativa. Partido desses estudos das Telas presentes no conteúdo Online, examine as seguintes afirmações: 
III Os estudos atuais na área da História Econômica se baseiam na ideia da "sincronicidade econômica", isto é, que todos os 
fatores de um sistema econômico progridem no mesmo ritmo. 
I No tocante ao tema dos estudos da história econômica do Brasil, durante grande parte do século XX houve a hegemonia 
de estudos de pesquisadores que buscavam tal período histórico de forma total e que pouco considerava as especificidades 
de cada região da América Portuguesa. 
II Um dos temas mais importantes dos atuais estudos relativos à Histórica Econômica é o destaque dado ao estudo do tipo 
de racionalidade econômica existia em tal período histórico. 
IV A História Serial Quantitativa não se limita à descrição dos dados obtidos nos estudos estatísticos mas parte dessas 
conclusões para entender questões como as hierarquias sociais, motivações político-ideológicas das massas. 
Marque a alternativa correta tendo como base em seus estudos: 
 (a) Todas as alternativas estão corretas. 
Certo (b) As alternativas I, II e IV estão corretas. 
 (c) As alternativas I, III e IV estão corretas. 
 (d) As alternativas II, III e IV estão corretas. 
 (e) Todas as alternativas estão incorretas. 
 
Explicação: 
As opções I, II e IV estão corretas, há um equívoco na afirmação III no fato que na atualidade existe a hegemonia do 
pensamento de que cada um dos níveis econômicos progride segundo seu próprio ritmo. 
JHºNJHºN
Realce
JHºNJHºN
Realce
 
12a Questão 
Segundo o historiador brasileiro José D'Assunção Barros, a história quantitativa: 
é uma abordagem que foi muito importante para os historiadores do século XIX, tendo sido, contudo, deixada de 
lado pelos historiadores contemporâneos. 
 é uma abordagem exclusiva da história social. 
é, tão somente, uma descrição de dados numéricos, sendo, por isso, uma abordagem fundamental mobilizado dos 
historiadores da economia. 
Certo é a problematização de dados numéricos, que devem ser interpretados em consonância com a dinâmica social e 
cultura do evento analisado. 
é uma abordagem que foi muito importante para os historiadores da Escola dos Annales, tendo sido, contudo, 
deixada de lado pelos historiadores contemporâneos. 
 
13a Questão 
Assinale, entre as opções abaixo, aquela que melhor apresenta um exemplo de objeto de pesquisa formulado de acordo 
com a abordagem da história serial. 
 O estudo dos valores cultural que levaram os militares do Exército à intervenção militar de novembro de 1889. 
 A análise dos valores culturais constitutivos do discurso monarquista brasileiro do século XIX. 
 O estudo da cultura