A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
Adg3 - Fisiologia do Exercício

Pré-visualização | Página 1 de 1

09/09/2019 Colaborar - Adg3 - Fisiologia do Exercício
https://colaboraread.com.br/aluno/avaliacao/index/2320180206?atividadeDisciplinaId=8652417 1/3
 Fisiologia do Exercício I (/aluno/timeline/ind…
Adg3 - Fisiologia do Exercício
  
(/notific
Avaliar
Informações Adicionais
Período: 05/08/2019 00:00 à 30/11/2019 23:59
Situação: Cadastrado
Protocolo: 431488647
a)
b)
c)
d)
1) Os batimentos cardíacos, analisados pela frequência cardíaca (FC), são influenciados por mecanismos
intrínsecos e extrínsecos . Já o volume de sangue analisado pelo volume sistólico (VS) é  influenciado  por 
diferentes  fatores  hemodinâmicos,  como  a  força  de  contração ventricular, pressão aórtica média e
volume diastólico final. Logo, há inúmeros fatores fisiológicos que  indicam  a  capacidade  dos  sistemas 
cardiovascular  e  cardiorrespiratório  nas  situações agudas  e  crônicas  submetidos  a  diferentes  formas 
de  atividade  física  e/ou  exercícios  físicos.
 
Em relação aos mecanismos intrínsecos e extrínsecos, assinale V para verdadeiro e F para falso:
 
(   ) O mecanismo  extrínseco diz respeito  a  capacidade  elétrica  própria  que  o  coração  tem  sobre  o 
seu  ritmo,  mediante  as contrações  dos  músculos  cardíacos  a  cada  batimento.
(   ) O circuito  elétrico,  pelo  mecanismo  intrínseco cardíaco, funcionará pelos nódulos sinoatrial (SA) e
atrioventricular(AV), além dos feixes de His (fascículo atrioventricular) e das fibras de Purkinje.
(   ) O mecanismo intrínseco no coração é regulado basicamente pela atuação do Sistema Nervoso
Autônomo (SNA) simpático (acelera  o  ritmo  cardíaco)  e parassimpático (desacelera  o  ritmo Cardíaco por
influência do nervo vago).
(   )  O  exercício  físico  promove  várias  adaptações  sobre  o  mecanismo  extrínseco  no  coração,  que
podem  ser  mapeadas  pela  avaliação  do  ECG.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta:
Alternativas:
V – F – V – F.
V – V – F – F.
V – F – F – V.  
F – V – F – V.  Alternativa assinalada
09/09/2019 Colaborar - Adg3 - Fisiologia do Exercício
https://colaboraread.com.br/aluno/avaliacao/index/2320180206?atividadeDisciplinaId=8652417 2/3
e)
a)
b)
c)
d)
e)
2)
3)
F – V – F – F.
Considerando os aspectos estruturais do sistema cardiovascular, o coração merece especial atenção,
pois bombeia o sangue para todas as partes do corpo. Para isso, o coração é dividido em átrios e
ventrículos, com 2 câmaras atriais (direita e esquerda) que ficam na parte superior do coração e 2 câmaras
ventriculares (direito e esquerdo) na parte inferior. O funcionamento ritmado e coordenado do coração
ocorre a cada ciclo cardíaco, que é dividido em Sístole e Diástole.
 
Em relação à sístole e à diástole, avalie as afirmativas a seguir:
 
I. Sístole é o período de relaxamento durante o qual os ventrículos estão em repouso.  
II. Diástole é período contrátil durante o qual o sangue é ejetado pelos ventrículos para dentro do
sistema arterial pulmonar e sistêmico. 
III. A pressão mais elevada gerada pelo sistema cardiovascular ocorre durante a sístole ventricular. Logo,
a pressão sistólica é um indicativo do trabalho cardíaco e da tensão que age contra as paredes arteriais
durante a contração ventricular.  
IV. A influência temporal de cada ciclo cardíaco se mostra diferente nas situações de repouso e durante o
exercício.
É correto o que se afirma em:
Alternativas:
I e III, apenas.
II e IV, apenas.
III e IV, apenas.  Alternativa assinalada
I, II e III, apenas.
I, II e IV, apenas.
Para que se possa obter energia necessária que venha atender o esforço físico de baixa a moderada
intensidades, os músculos necessitam de quantidade adequada de oxigênio proveniente, em primeira
instância, do ar atmosférico, e transportado dos pulmões aos tecidos celulares pela corrente sanguínea.
Para que isso possa ocorrer, é necessário que as atividades do coração e de todo o sistema circulatório se
intensifiquem, visto que a quantidade de sangue propulsada por unidade de tempo é proporcionalmente
mais elevada do que em condições de repouso.
 
Em relação às mudanças fisiológicas durante o exercício físico, assinale V para verdadeiro e F para falso.
 
(   ) O comportamento da Pressão Arterial (PA) pode alterar devido ao aumento da atividade simpática.
(   ) Devido à redução sanguínea na região dos rins, é acionado um mecanismo de controle da Pressão
Arterial (PA), chamado mecanismo renina-angiotensina-aldosterona.
(   ) Ocorre uma redistribuição sanguínea realizada pelo sistema cardiovascular para direcionar uma maior
quantidade de sangue para a musculatura ativa durante o exercício físico.
09/09/2019 Colaborar - Adg3 - Fisiologia do Exercício
https://colaboraread.com.br/aluno/avaliacao/index/2320180206?atividadeDisciplinaId=8652417 3/3
a)
b)
c)
d)
e)
a)
b)
c)
d)
e)
4)
(   ) Temos um aumento da  Pressão Arterial (PA) Diastólica e a Pressão Arterial (PA) Sistólica se mantém
praticamente estável.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta:
Alternativas:
V – V – F – V.
V – V – V – F.  Alternativa assinalada
V – F – V – F.
F – F – F – V.
F – V – F – V.
Os limiares de lactacidemia são, historicamente, os mais utilizados na Fisiologia do Exercício e obtidos
por diferentes metodologias e testes, tendo como base, as alterações nas capacidades de produção e
remoção de lactato pelo músculo esquelético em diferentes intensidades de esforço. Neste caso, destacam-
se as metodologias e terminologias dos seguintes limiares: Limiar Aeróbio (LAer), Limiar de Lactato (LL),
Limiar Anaeróbio (LAn), Limiar de Lactato Mínimo (LACmin), Limiar Anaeróbio Individual.
Em relação ao Limiar de Lactato Mínimo (LACmin), podemos afirmar que:
Alternativas:
É o ponto da intensidade de exercício, durante um teste progressivo, quando as concentrações
sanguíneas de lactato alcançam o valor de 2 mmol/l. Este limiar é muitas vezes utilizado como sinônimo
do Limiar de Lactato e do Limiar Ventilatório.
É o ponto da intensidade de exercício onde é observado um aumento exponencial pelo acúmulo na
produção de lactato acima de 1 mmol/l comparado ao valor de repouso, durante um teste progressivo.
É o termo mais comum dentre os limiares e se mostra o ponto de intensidade de exercício onde há um
limite na capacidade de consumo de oxigênio para produção de energia.
Indica o ponto de equilíbrio dinâmico de produção e remoção pela cinética de lactato sanguíneo
durante teste progressivo e pela cinética de remoção do lactato na fase de recuperação após exaustão
no teste progressivo máximo.
É uma metodologia que tenta corrigir a limitação de disponibilidade de glicogênio
muscular nas situações de testes de esforço.
 Alternativa assinalada