U1 - TGA - Cont ASOEC
9 pág.

U1 - TGA - Cont ASOEC


DisciplinaAdmistração de Sistema de Informaçao24 materiais160 seguidores
Pré-visualização2 páginas
1
TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO
TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO
Graduação
TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO
13
U
N
ID
A
D
E 
1
INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA
TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO
Nesta primeira unidade, estudaremos a introdução ao estudo de Teoria
Geral da Administração, envolvendo: o perfil do profissional que exerce a
profissão de Administrador; quem emprega os administradores; o porquê
da escolha do curso; o que se espera do futuro Administrador - os
conhecimentos, as habilidades, competências, atitudes e os campos privativos
do administrador; as perspectivas profissionais; questionaremos se a
Administração é ciência, técnica ou arte. E ainda veremos os antecedentes
da Administração.
OBJETIVOS DA UNIDADE:
\u2022 conhecer o perfil atual do profissional de administração; as
características do empregador; o que se exige de
conhecimentos; as habilidades, competências, atitudes e os
campos privativos do administrador; a natureza da
Administração, ciência, técnica ou arte? Os antecedentes
históricos da Administração.
PLANO DA UNIDADE:
\u2022 O perfil do profissional que exerce a profissão de Administrador.
\u2022 O que se espera do futuro Administrador.
\u2022 Campos privativos do Administrador.
\u2022 Perspectivas profissionais.
\u2022 A Administração é Ciência, Técnica ou Arte?
\u2022 Antecedentes da Administração.
Bem-vindo à primeira Unidade de Estudo.
Sucesso!
UNIDADE 1 - INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO
14
O PERFIL DO PROFISSIONAL QUE EXERCE A PROFISSÃO DE
ADMINISTRADOR
Em relação ao perfil do administrador, ao que se espera do administrador,
às perspectivas profissionais e aos campos privativos do administrador, você
está lidando com dados oficiais de mercado em relação ao Brasil, extraídos
do trabalho produzido pelo Conselho Federal de Administração e organizada
pelo seu presidente, prof. adm. Rui Otávio B. de Andrade e equipe, Pesquisa
Nacional: Perfil. Formação, atuação e Oportunidades de Trabalho do
Administrador. (Verificar) É importante salientar que esta pesquisa, de caráter
nacional, foi obtida através de questionário recebido de 115.623
respondentes. As questões relacionadas às habilidades, competências,
atitudes e conhecimentos, admitiam mais de uma resposta, por isto sua soma
será superior a 100%.
O perfil do administrador
A maioria: \u2022 São do sexo masculino, casados e sem dependentes;
\u2022 Estão na faixa etária de até 30 anos;
\u2022 São egressos de universidades particulares;
\u2022 Concluiu o curso de administração entre 2000 e 2005.
\u2022 Recebem de 6 a 20 salários mínimos;
\u2022 Trabalha nos setores de serviços, indústria e em órgãos
públicos.
Fonte: CFA, Pesquisa Nacional:Perfil, Formação, Atuação e Oportunidades de Trabalho do Administrador. 2006.
Quem emprega os administradores
A maioria: \u2022 São proprietários.
\u2022 Atua na área de Administração Geral.
\u2022 O faturamento apurado foi de R$ 121.000,00 a R$ 1.200.000,00.
\u2022 Seu quadro de pessoal é de até 10 empregados, sendo que mais
de 50% têm curso universitário e destes 5% são administradores.
\u2022 Até 5% dos administradores ocupam cargos de presidência, diretoria
ou gerência.
Fonte: CFA, Pesquisa Nacional: Perfil, Formação, Atuação e Oportunidades de Trabalho do Administrador. 2006.
TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO
15
O QUE SE ESPERA DO FUTURO ADMINISTRADOR
Conhecimentos, Habilidades, competências e atitudes indicadas por
administradores, professores e empregadores.
Conhecimentos
Os conhecimentos necessários aos Administradores e oferecidos aos
alunos pelas universidades, destacam-se os conhecimentos relacionados a
\u201cadministração de pessoas\u201d e \u201cfinanceira e orçamentária\u201d:
Fonte: CFA, Pesquisa Nacional: Perfil, Formação, Atuação e Oportunidades de Trabalho do
Administrador. 2006.
Administração de pessoal /equipe. 62,19%
Administração Financeira e Orçamentária. 60,12%
Administração Estratégica. 57,45%
Visão ampla, profunda e articulada de conjunto 54,60%
das áreas de conhecimento.
Administração de vendas e marketing 51,90%
O porquê da escolha do curso
As principais respostas: \u2022 24,97% afirmaram que o motivo principal foi o seu
PROJETO PROFISSIONAL (abrir empresa, ampliar negócio,
carreira, etc.);
\u2022 21,52 % visaram a uma FORMAÇÃO GENERALISTA E
ABRANGENTE;
\u2022 15,81 % dos administradores pesquisados escolheram cursar
Administração por VOCAÇÃO.
Fonte: CFA, Pesquisa Nacional: Perfil, Formação, Atuação e Oportunidades de Trabalho do Administrador. 2006.
UNIDADE 1 - INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO
16
Habilidades
Nas habilidades, destaca-se a \u201cvisão do todo\u201d como imprescindível na
formação do administrador e o \u201c relacionamento interpessoal\u201d, o que remete
ao quadro anterior que apontava a gestão de pessoas, como principal
conhecimento específico necessário ao administrador:
Competências
\u201cIdentificar problemas, formular e implantar soluções\u201d é a principal
competência exigida dos administradores:
Atitudes
Como não poderia deixar de ser, o \u201ccomportamento ético\u201d é a atitude
sinalizada como a mais importante para o profissional de administração:
Identificar problemas, formular e implantar soluções. 71,19%
Desenvolver raciocínio lógico, crítico e analítico sobre 63,13%
a realidade organizacional.
Assumir o processo decisório das ações de planejamento, 60,50%
organização, direção e controle.
Desenvolver e socializar o conhecimento alcançado no 54,91%
ambiente de trabalho.
Elaborar e interpretar cenários 46,80%
Visão do todo. 74,04%
Relacionamento interpessoal 71,50 %
Adaptação e transformação. 61,79%
Liderança. 61,07%
Criatividade e inovação. 55,37%
Fonte: CFA, Pesquisa Nacional: Perfil, Formação, Atuação e Oportunidades de Trabalho do Administrador. 2006.
Fonte: CFA, Pesquisa Nacional: Perfil, Formação, Atuação e Oportunidades de Trabalho do Administrador. 2006.
Comportamento ético. 75,21%
Profissionalismo. 73,05%
Comprometimento. 71,16%
Aprendizado contínuo. 69,61%
Atitude empreendedora / iniciativa. 62,32%
Fonte: CFA, Pesquisa Nacional: Perfil, Formação, Atuação e Oportunidades de Trabalho do Administrador. 2006.
TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO
17
CAMPOS PRIVATIVOS DO ADMINISTRADOR
PERSPECTIVAS PROFISSIONAIS - UMA PESQUISA RECENTE
CFA, 13/04/2006
Alunos de Administração sofrem menos com o desemprego
A Pesquisa Mensal de Emprego do Instituto Brasileiro de Geografia e
Estatística (IBGE), publicada em fevereiro, aponta que 46,3% dos
desempregados do país estão na faixa dos 16 a 24 anos. Destes, 20,3%
buscam sua primeira oportunidade de emprego. Em contraste com a realidade
nacional, 47,5% dos estudantes de Administração que se formam já estão
atuando na área, segundo dados elaborados pelo Observatório Universitário
com base no Provão do Ministério da Educação de 2003.
Nos últimos anos, os investimentos em tecnologia e automação
reduziram o número de vagas na indústria. E os setores de serviço e comércio
não se expandiram o suficiente para absorver toda a mão-de-obra excedente.
Dessa forma, os mais criativos e especializados conseguiram uma maior
inserção no mercado de trabalho ou passaram a montar seus próprios
negócios. Este dado é constatado pelo Observatório Universitário, que aponta
que 17,3% dos estudantes de Administração buscam abrir empresas depois
da conclusão do curso de bacharelado.
Os jovens em busca de sua primeira oportunidade necessitam de cursos
de qualificação profissional para conseguir uma chance. Esta informação
demonstra que a alta taxa de estudantes da área inseridos no mercado de
trabalho, apontada pelo Observatório Universitário, está relacionada com a
UNIDADE 1 - INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO
18
formação generalista do profissional, que prima por