A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
96 pág.
SERVICOS DE ORIENTACAO ESCOLAR

Pré-visualização | Página 5 de 23

na Educação Infantil 
 
Nas aulas anteriores, vimos que o Orientador Escolar é um profissional que 
precisa ter uma formação específica e que tem diversas funções junto aos estudantes, 
professores e demais membros da comunidade escolar. Nesta aula, vamos conversar 
um pouco sobre o Orientador Escolar dentro da Educação Básica. 
 
Conforme consta na Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), a 
Educação Básica é composta pela Educação Infantil, Ensino Fundamental (1º ao 9º 
ano) e Ensino Médio. 
 
Diante disso, a Orientação Escolar está prevista para toda a Educação 
Básica, assumindo, também, o papel de Orientação Profissional, que deve começar 
na escola desde os anos iniciais. 
 
Dessa forma, segundo Bugone, Dalabetha e Bagnana (2016), o orientador 
Escolar deve desenvolver seu trabalho desde a Educação Infantil, período em que a 
criança tem seu ingresso na escola, e é um dos períodos fundamentais para a 
formação de seu comportamento, já que basicamente tudo o que acontece em seu 
meio, é tomado como exemplo. Nesse sentido, Orientador Escolar precisa trabalhar 
com a indisciplina, problemas familiares, sociais, transtornos, dificuldade de 
socialização, entre outros. 
 
 
 
Instituto Pedagógico de Minas Gerais http://www.ipemig.com 
(31) 3270 4500 
 
Fonte: http://www.sosprofessor.com.br/blog/orientacao-educacional-na-
pratica/ 
 
O trabalho do Orientador Escolar na Educação infantil, segundo Oliveira 
(2015), pode ocorrer individualmente ou em grupos, trabalhando questões referentes 
à formação global do indivíduo, no que tange às questões de respeito, amor, 
fraternidade, dignidade, solidariedade, responsabilidade, ética e outros valores 
fundamentais e essenciais, segundo as autoras, para a convivência harmoniosa da 
pessoa humana. 
 
Oliveira (2015), afirma ainda que Orientação Educacional, na Educação 
Infantil, deve focar na integridade do ser, trabalhar em parceria com os professores, 
focando no bom desenvolvimento escolar dos alunos. A autora também destaca a 
importância de o Orientador Escolar demonstrar afeto e dedicação em sua prática, 
visando estabelecer laços de confiança com a criança. 
 
Percebe-se que o Orientador Escolar, na Educação Infantil, precisa dedicar-
se a garantir atividades que desenvolvam a psicomotricidade das crianças, outras que 
preparem os pequenos para a socialização e para a alfabetização. 
 
Silveira (2014), mostra que o Serviço de Orientação Escolar, deve 
acompanhar o desenvolvimento da criança, interessando-se pelos sinais que ela 
mostra a cada fase do desenvolvimento, contribuindo para a saúde emocional, social 
e cognitiva do aluno. 
 
A Orientação Escolar desenvolve um importante e também fundamental 
papel na Educação Infantil. Orientar os pais para que fiquem alertas sobre o processo 
de desenvolvimento dos filhos é estabelecer vínculo e parceria na trajetória do 
 
 
Instituto Pedagógico de Minas Gerais http://www.ipemig.com 
(31) 3270 4500 
desenvolvimento infantil, que será um adulto atuante na sociedade, mais adiante. 
Portanto, é fundamental a permanência da Orientação Educacional atuante na 
Educação Infantil, conforme nos relata Silveira (2014). 
 
Para a mesma autora, a Orientação Educacional ajuda no desenvolvimento 
de ações de uma educação voltada para prática social, porque auxilia na construção 
desse sujeito. Por meio de um projeto político-pedagógico condizente com as 
expectativas que serão desenvolvidas pela escola, a Orientação Educacional poderá 
desenvolver estratégias que visam a promoção da cidadania e o desenvolvimento das 
potencialidades das crianças. 
 
Seguindo com nossos estudos, convidamos você, caro(a) aluno(a), a 
estudar a próxima aula, onde veremos juntos como se dá a atuação do Orientador 
Escolar dentro do Ensino Fundamental. 
 
 
 
 
PARA VOCÊ LER MAIS 
 
Ainda sobre o que diz respeito ao Orientador Escolar e sua atuação na 
Educação Infantil, sugerimos a leitura da monografia de Andrea Teixeira de Souza, 
publicada pela Universidade Candido Mendes, em 2010, no Rio de Janeiro, intitulada 
“O Orientador Escolar na Educação Infantil”. Confira: 
http://gephisnop.weebly.com/uploads/2/3/9/6/23969914/o_orientador_educacional_n
a_educacao_infantil.pdf 
 
 
 
 AULA 2: O Orientador Escolar no Ensino Fundamental 
 
 
Segundo Silveira (2014), a Orientação Escolar tem o aluno como foco 
principal, onde vai incentivá-lo para um amplo desenvolvimento intelectual, físico, 
social, moral estético, político, educacional e vocacional, devendo mobilizar escola e 
família, para assim promover o que se quer, pois a principal atribuição do orientador 
educacional é realizar um trabalho de caráter mediador. 
 
 
Instituto Pedagógico de Minas Gerais http://www.ipemig.com 
(31) 3270 4500 
 
Fonte: https://www.sinprodf.org.br/pedagoga-vislumbra-um-futuro-melhor-para-
a-orientacao-educacional/ 
 
No Ensino Fundamental, fase em que é necessário se trabalhar sobre 
normas com os estudantes, o Orientador Escolar deve, sempre que possível, 
acompanhar a socialização dos alunos, verificando qualquer problema de indisciplina 
ou convivência, conforme mostra Oliveira (2015). 
 
Oliveira (2015) também evidencia que é importante que o Orientador 
Escolar, que atua com estudantes do ensino fundamental, busque sempre: 
 
 Esclarecer as normas e procedimentos adotados pela escola e cobrar dos 
alunos o cumprimento dos mesmos; 
 Elaborar ações que levam os alunos a desenvolver suas habilidades e 
descubram sua vocação; 
 Realizar atividades que façam os alunos compreender a importância dos 
valores sociais 
 Levar os alunos a conhecer os direitos e os deveres do cidadão, do Estado, da 
Família, bem como demais grupos da sociedade, e a respeitá-los. 
 Despertar atitudes responsáveis para com os estudos. 
 Incutir nos alunos o respeito pelos demais, bem como as diferenças individuais, 
sociais e culturais. 
 Desenvolver atitudes e hábitos de trabalho em grupo e também a valorização 
do trabalho como realização pessoal. 
 
 
 
Instituto Pedagógico de Minas Gerais http://www.ipemig.com 
(31) 3270 4500 
Agora, querido(a) aluno(a), convidamos você a estudar conosco a próxima 
aula. Nela evidenciaremos como se dá a atuação do Orientador Escolar no Ensino 
Médio. 
 
 
 PARA VOCÊ SABER MAIS 
 
 
Em relação à atuação do Orientador Escolar no Ensino Fundamental, 
sugerimos ampliar os conhecimentos através da reportagem publicada no Portal da 
Educação, intitulada: Atribuições do Orientador Escolar. Acesse através do link: 
https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/idiomas/atribuicoes-do-
orientador-educacional/27856 
 
 
 
 AULA 3: O Orientador Escolar no Ensino Médio 
 
 
No Ensino Médio, ainda conforme nos mostram Bugone, Dalabetha e 
Bagnana (2016), o foco do Orientador Escolar recai de forma mais significativa na 
Orientação Profissional, possibilitando estratégias e um trabalho significativo para que 
o discente vivencie, explore, e decida sobre o caminho que irá seguir na vida adulta, 
mostrando sempre as diversas possibilidades, potencializando a autonomia 
necessária para que o estudante decida com base em suas expectativas, gostos, 
desejos e vontades. 
 
Ou seja, para Bugone, Dalabetha e Bagnana (2016), o Orientador Escolar 
na perspectiva da Orientação Profissional, deve abrir portas e possibilidades para que 
os estudantes analisem as diversas opções e perspectivas que aparecem neste 
momento fundamental da vida do indivíduo. Esse fato ganha ainda maior notoriedade, 
em contextos familiares precários, seja essa precariedade

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.