A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
21 pág.
Teatro 1º dia de aula do Chaves

Pré-visualização | Página 3 de 4

causa, motivo, razão ou circunstância?
Florinda: Pois por causa, motivo, razão e circunstancia de escapar da boa esfrega que eu ia lhe dar.
Profº: E porque ia bater nele?
Florinda: Bom, porque ele...(gagueja) acredita que eu já esqueci.
Bem, é que tem algumas pessoas que apenas a presença é o suficiente para fazer com que esqueçamos de todos os nossos problemas.
Profº: Posso supor que essa pessoa é um professor de escola?
*Cenário de coração e musica romantica.
Florinda: Porque não!
Profº se aproxima de Florinda...
Profº: Um professor de escola que é alto, bem simpático?
Florinda: Bem...é...sim!
Profº: A senhora é tão amável!
Florinda: O senhor também é tão amável.
Profº: A senhora é tão inteligente.
Florinda: O senhor também é tão inteligente.
Profº: A senhora é tão simpática.
Florinda: O senhor também é tão simpático.
Profº: A senhora é lindíssima.
Florinda: O senhor também é tão simpático.
Acaba musica romântica e some coração
Prof: É ..bem, eu tenho que ir para por o seu Madruga no seu lugar agora mesmo..
Florinda: Oh não, não, espere, não fale nada, bem...ja que ele entrou nesse rumo, melhor dar a ele um pouco de instrução que tanta falta lhe faz.
Profº: é tem razão, muito boa ideia dona Florinda.
Florinda: Professor Girafales eu não vou mais roubar o seu tempo, até a vista... 
Profº: Até a vista...
Se separam....professor volta para a sala....fica boquiaberto com a cena... os alunos quietos e atentos ao seu Madruga que desenha uma caveira no quadro.
Seu Madruga: Bem, suponhamos que isto seja uma caveira, mas o que significa? Uma bandeira de pirata? Não! Um anúncio de um cemitério? Tampouco!
Essa caveira significa prerigo, ouviram bem! PRE-RI-GO!!!
Por exemplo, se virem uma caveira em uma garrafa, significa que essa garrafa contém veneno e se vocês beberem.....que bomm.... mas num minuto, vão começar a se retorcer como lagartixa com caibra....assim, assim, e depois vão ficar esbugalhando os olhos, a língua pra fora...até que...até que...morre... vão pro beleléu..
Agora, se essa caveira estiver onde tem coisas de eletricidade e vocês colocam a mão...vocês vão tremer ...soltando faíscas com o fio desencapado....assim...assim....até que o corpo não aguente mais e se prepare para exalar o ultimo...suspiro!
Profº: Bravo, bravo, bravo, bravíssimo, incrível, fantástico seu Madruga! (batendo palmas)
Pois bem seu Madruga jamais imaginei que o senhor pudesse manter a ordem e a disciplina.
Seu Madruga: Bom qualquer um pode usar um pouquinho de pepsicologia..
Profº: Psicologia. Mas não apenas soube manter a ordem e a disciplina como também prendeu a atenção das crianças...
Seu Madruga: Quando eu tiver um tempinho eu te ensino como é que faz! Com licença.
Profº: Obrigado.
Seu Madruga: De nada colega, as ordens!
AS crianças aplaudem seu Madruga.
Cena 10
Muito bem, agora chega, vamos continuar com a aula de aritmética e geometria...
Crianças reclamam e Godines assobia..
Profº: Kiko!
- Presente professor
Profº: O que é isso?
-Isso é um quadro negro (responde Kiko)
PRofº: Me refiro ao que acabei de desenhar na lousa.
Kiko: Ah, é o retrato do Nhonho.
Nhonho: Olha ele, olha ele, olha ele.
Kiko: Que culpa eu tenho que o professor tenha desenhado você.
Profº: Tá, isso não é o retrato do Nhonho.
Kiko: é o retrato do rei Momo, o retrato de um elefante, é da Uilsa Carla, do seu Barriga, nãop deu.
PRofº: Isso, isso é um circulo.
Por isso eu digo que é um circulo – diz Kiko.
PRofº: bem, Popis...
Isso é um circulo senhor professor – responde Popis.
PRofº: nhenehenn.
Popis: sim pergunte a qualquer um... ( conversa entre todos)
Professor pede silencio... mas será possível que não se lembrem de nada do que vimos ano passado?
Nhonho ergue a mao...
Professor pergunta: você se lembra de algo do ano passado?
Si, dos doces que eu comia da hora do recreio – responde Nhonho.
Profº: Mas não tem um nessa sala que recorde o que vimos ano passado na aula de aritmética?
Sim Chaves...
Chaves: Bem eu me lembro assim do ano passado dos galhos..
Profº: dos galhos?
É que eram quadriculados – diz Chaves.
Profº: Quadriculados? Ahhh, sim, mas não eram galhos eram raíz e não eram quadriculadas era quadrada.
Chaves: é por ai assim, mais ou menos.
Profº: Bem teremos que começar a recordar tudo que vimos ano passado desde o começo. Primeiramente vamos achar a área do triangulo.... (enquanto desenha um triangulo no quadro)
Seu Madruga: Como, ainda não encontraram? Digo, andam procurando desde que eu era pequenininho, que era menino.
Musica---intervalo
Cena 11
Bem vamos começar...eu vou lhes dar um pequeno probleminha, imaginamos que eu tenha 14 burros..
Chiquinha: Chaves!!
Profº: Chiquinha quando eu digo 14 burros não estou me referindo aos meus alunos embora não deixa de haver certa semelhança..
Seu Madruga: Como foi, como foi, que foi isso!
Profº: Tá bom, tá, tá, tá,ordem.. dizia eu que tenho 14 burros..
Kiko: 15 porque o Nhonho vale por 2.
Nhonho: que? Olha lá,olha lá..
Chaves: Não liga pra ele, ele ta falando de burro não de elefante. 
Risos...Popis: Ah conta tudo pro seu papai Nhonho.
Profº: tá, tá silencio, repito que quando eu falo 14 burro estou apenas propondo um problema de aritmética.
Seu Madruga: Bom mas as a culpa é sua mestre por colocar burros nos problemas, porque não usa outro animal.
Kiko: Ahh, porque se falar buldogues ai mexe comigo.
Profº: Tá, tá já basta, para que não haja mais discussões, vamos propor problemas com carneiros, coelhos ou o que seja, concordam?
Todos: ai tá bom (pode ser),concordo ( fica melhor)...
Profº: Tá, tá, Godines, suponhamos que me tirem 8..
Godines: carneiros ou coelhos?
Profº :Dá no mesmo!
Godines: Não porque os coelhos são mais orelhudos.
Profº fala gritando: Mas pra você o que interessa é o numero!
Godines: Ah bom, se é assim..
Chiquinha: Ah bom se é assim... mas é claro burro.
Profº: Voce entendeu o problema Chiquinha?
Chiquinha: Ohhhh.
Profº: Vamos ver..
Chiquinha: Se temos 15 burros e tiramos 8 coelhos ficam 7 carneiros.
Profº: bom sim, a conta está correta, mas você não deve misturar os animais com os outros
Chiquinha: Ora quem entende o senhor disse que dava no mesmo, burros, carneiros ou coelhos.
Profº: Sim, mas é que de burros nós só podemos tirar burros..
Chiquinha: Não isso não é certo.
Profº: O que não é certo?
Chiquinha: Não dos burros se pode tirar carrapatos.
Profº: Sim tá certo, vamos propor outro problema.
Popis: Fessor, faz um com coelhinhos?
Seu Madruga: vá, vá, vá...		Risos....
Profº: o problema seguinte não tem nada haver co animais.
Kiko: Me salvei
Profº: Vamos ver frações ou quebrados...
Chiquinha: é com o senhor papi..
Seu Madruga: O quê??? Ué o senhor tá sempre quebrado – responde Chiquinha.
Ora essa, fala seu Madruga e parte pra cima da Chiquinha,,,
Profº intervém: Seu Madruga!
Seu Madruga diz pra Chiquinha: você vai ver na hora da saída...
Profº: Ordem, ordem... Chaves..
Chaves: Presidente.
Profº: É presente... Qual é a metade de 1?
Chaves: É umbigo.
Profº: Estamos falando de frações....vamos vá até a losa.
Profº: Apague.
Chaves apaga o triangulo e pede apagar o Nhonho também? ( se referindo ao circulo)
Nhonho: quê??? olha ele, olha ele...
Popis: Ah conta tudo pro seu pai.
Profº: Tá chegua, quietinhos... Chaves nós sabemos que isto é um circulo.
Chiquinha: e o Nhonho também.
Olha ela, olha ela...diz Nhonho
E olha que ele não fuma – observa Chiquinha.
Profº: E que tem isso haver?
Chiquinha: Porque se fumasse seria um círculo vicioso.
Olha ela, olha ela...- Nhonho se irrita.
Profº: Tá já chega. Chaves apague o Nhonho também....digo, o círculo.
Nhonho apontando para o professor: olha ele, hein, olha ele.
Seu madruga: Calma Nhonho, calma, puxa vida será que você não aguenta uma brincadeira.
Chaves apontando para a caveira diz: apago o seu Madruga também?
Seu Madruga: O que disse?
-Se eu apago a caveira que seu Madruga fez? Diz Chaves.
Profº: Sim Chaves apague também.
Bem, vamos imaginar q	eu isto é um inteiro - diz o professor desenhando