A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
92 pág.
2 Semântica - Conceitos sob a ótica referencial

Pré-visualização | Página 2 de 6

~A 
João não está morto implica João está vivo 
 ~B = A 
 
Complementariedade: 
A implica ~B B implica ~A 
~A implica B ~B implica A 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE PALAVRAS 
Oposição: relação entre duas palavras com significados opostos 
 Antonímia (graduável) 
 Complementariedade (não graduável) 
 Inversão 
 
 A diferença se dá em termos de implicação 
 
A afirmação é verdadeira implica A afirmação não é falsa 
 A = ~B 
A afirmação não é verdadeira implica A afirmação é falsa 
 ~A = B 
 
Complementariedade: 
A implica ~B B implica ~A 
~A implica B ~B implica A 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE PALAVRAS 
Oposição: relação entre duas palavras com significados opostos 
 Antonímia (graduável) 
 Complementariedade (não graduável) 
 Inversão 
 
 A diferença se dá em termos de implicação 
 
A porta está trancada implica A porta não está destrancada 
 A = ~B 
A porta não está trancada implica A porta está destrancada 
 ~A = B 
 
Complementariedade: 
A implica ~B B implica ~A 
~A implica B ~B implica A 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE PALAVRAS 
Oposição: relação entre duas palavras com significados opostos 
 Antonímia (graduável) 
 Complementariedade (não graduável) 
 Inversão 
 
 A diferença se dá em termos de implicação 
 
O chá está quente implica O chá não está frio 
 A = ~B 
O chá não está quente não implica O chá está frio 
 ~A B 
 
Complementariedade: 
A implica ~B B implica ~A 
~A implica B ~B implica A 
Antonímia: 
A implica ~B B implica ~A 
~A ñ implica B ~B ñ implica A 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE PALAVRAS 
Oposição: relação entre duas palavras com significados opostos 
 Antonímia (graduável) 
 Complementariedade (não graduável) 
 Inversão 
 
 A diferença se dá em termos de implicação 
 
Carlos é alto implica Carlos não é baixo 
 A = ~B 
Carlos não é alto não implica Carlos é baixo 
 ~A B 
 
Complementariedade: 
A implica ~B B implica ~A 
~A implica B ~B implica A 
Antonímia: 
A implica ~B B implica ~A 
~A ñ implica B ~B ñ implica A 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE PALAVRAS 
Oposição: relação entre duas palavras com significados opostos 
 Antonímia (graduável) 
 Complementariedade (não graduável) 
 Inversão 
 
A diferença entre antonímia e complementariedade corresponde à 
diferença entre sentenças contrárias e sentenças contraditórias 
 
Carlos é alto 
Carlos é baixo 
 
Carlos está vivo 
Carlos está morto 
Complementariedade: 
A implica ~B B implica ~A 
~A implica B ~B implica A 
Antonímia: 
A implica ~B B implica ~A 
~A ñ implica B ~B ñ implica A 
Podem ser ambas falsas 
Uma deve ser verdadeira e a outra deve ser falsa 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE PALAVRAS 
Oposição: relação entre duas palavras com significados opostos 
 Antonímia (graduável) 
 Complementariedade (não graduável) 
 Inversão (mesma noção de perspectivas opostas) 
comprador vendedor 
pai mãe 
dar receber 
antes depois 
em frente atrás 
primavera verão outono inverno 
segunda-feira terça-feira quarta-feira quinta-feira ... 
1 2 3 4 ... 
preto branco vermelho amarelo ... 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE PALAVRAS 
O léxico de uma língua trata-se de um conjunto heterogêneo 
Os itens lexicais apresentam propriedades em comum 
 Propriedades sintáticas: diferentes padrões de distribuição 
 Propriedades morfológicas: diferentes padrões de flexão 
 Propriedades semânticas: ... 
A semântica referencial também estuda as relações semânticas 
entre palavras 
 Relações de sinonímia e de oposição de significado 
 Relações hierárquicas 
 Relações de parte-todo 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE PALAVRAS 
O léxico de uma língua trata-se de um conjunto heterogêneo 
Os itens lexicais apresentam propriedades em comum 
 Propriedades sintáticas: diferentes padrões de distribuição 
 Propriedades morfológicas: diferentes padrões de flexão 
 Propriedades semânticas: ... 
A semântica referencial também estuda as relações semânticas 
entre palavras 
 Relações de sinonímia e de oposição de significado 
 Relações hierárquicas 
 Relações de parte-todo 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE PALAVRAS 
Relações hierárquicas 
 Hiperônimo (termo com significado mais geral) 
 Hipônimo (termo com significado mais restrito) 
 
 ser vivo coisa 
 animal pedra homo-sapiens 
 mamífero quartzo humano 
 gato cão quartzo rosa Sílvio Santos 
 angorá pastor alemão 
O hiperônimo possui extensão maior que o seu hipônimo 
O hipônimo possui intensão maior que o seu hiperônimo 
Hiponímia: relação de 
implicação unilateral 
e relação transitiva Relação do tipo É UM 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE PALAVRAS 
O léxico de uma língua trata-se de um conjunto heterogêneo 
Os itens lexicais apresentam propriedades em comum 
 Propriedades sintáticas: diferentes padrões de distribuição 
 Propriedades morfológicas: diferentes padrões de flexão 
 Propriedades semânticas: ... 
A semântica referencial também estuda as relações semânticas 
entre palavras 
 Relações de sinonímia e de oposição de significado 
 Relações hierárquicas 
 Relações de parte-todo 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE PALAVRAS 
O léxico de uma língua trata-se de um conjunto heterogêneo 
Os itens lexicais apresentam propriedades em comum 
 Propriedades sintáticas: diferentes padrões de distribuição 
 Propriedades morfológicas: diferentes padrões de flexão 
 Propriedades semânticas: ... 
A semântica referencial também estuda as relações semânticas 
entre palavras 
 Relações de sinonímia e de oposição de significado 
 Relações hierárquicas 
 Relações de parte-todo 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE PALAVRAS 
Relação parte-todo (meronímia) 
 Relação entre um lexema que indica uma parte e outro que indica o 
todo correspondente 
 
 cidade 
corpo casa 
mão porta 
dedo maçaneta 
unha parafuso 
Pode ser ou não ser uma relação transitiva 
Relação do tipo É PARTE DE 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE SENTENÇAS 
Acarretamento 
Pressuposição 
 O acarretamento e a pressuposição são relações entre sentenças 
 O acarretamento é uma noção estritamente semântica (sentido das 
palavras) 
 A pressuposição é uma noção semântico-pragmática (sentido das 
palavras + informações extralinguísticas) 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE SENTENÇAS 
Acarretamento 
Pressuposição 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE SENTENÇAS 
Acarretamento 
 O acarretamento é uma noção estritamente semântica (sentido das 
palavras) 
 Semelhante à hiponímia 
 pastor alemão -> cachorro -> animal 
 rosa -> flor -> vegetal 
 maçã -> fruta -> vegetal 
 a. Hoje eu bebi suco -> b. Hoje eu ingeri líquido 
 a. Eu caminhei -> b. Eu me movimentei 
a acarreta b 
A sentença a acarreta a sentença b se: 
- a sentença a for verdadeira, a sentença b também é verdadeira 
= 
- a informação da sentença b está contida na sentença a 
= 
- a sentença a e a negação da sentença b são contraditórias 
Ainda que a acarrete b, 
não necessariamente b 
acarreta a 
Assim como a hiponímia, o 
acarretamento é uma 
relação assimétrica 
RELAÇÕES SEMÂNTICAS ENTRE SENTENÇAS 
Acarretamento 
 O acarretamento é uma noção estritamente semântica (sentido das 
palavras) 
 Semelhante à hiponímia 
a. Hoje eu bebi suco 
b. Hoje eu ingeri líquido 
a. Eu caminhei 
b. Eu me movimentei 
A sentença a acarreta a sentença b se: 
- a sentença a for verdadeira, a sentença b também é verdadeira 
= 
- a informação da sentença b está contida na sentença a 
= 
- a sentença a e a negação da sentença b são contraditórias 
a. Hoje o sol está brilhando 
b. Hoje está quente 
a. Jane comeu uma fruta no