A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
232 pág.
Livro Seguranca agricola rural

Pré-visualização | Página 1 de 45

2012
Curitiba-PR
Segurança Agrícola Rural
Geni de Fátima Portela Radoll
PARANÁ
Educação a Distância
Presidência da República Federativa do Brasil
Ministério da Educação
Secretaria de Educação a Distância
Catalogação na fonte pela Biblioteca do Instituto Federal do Paraná
© 2012 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA - PARANÁ - 
EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA
Este Caderno foi elaborado pelo Instituto Federal do Paraná para o Sistema Escola 
Técnica Aberta do Brasil – e-Tec Brasil.
Prof. Irineu Mario Colombo
Reitor
Prof.ª Mara Christina Vilas Boas
Chefe de Gabinete
Prof. Ezequiel Westphal
Pró-Reitoria de Ensino - PROENS
Prof. Gilmar José Ferreira dos Santos
Pró-Reitoria de Administração - PROAD
Prof. Silvestre Labiak
Pró-Reitoria de Extensão, Pesquisa e 
Inovação - PROEPI
Neide Alves
Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas e 
Assuntos 
Estudantis - PROGEPE
Bruno Pereira Faraco
Pró-Reitoria de Planejamento e 
Desenvolvimento
Institucional - PROPLAN
Prof. José Carlos Ciccarino
Diretor Geral do Câmpus EaD
Prof. Ricardo Herrera
Diretor de Planejamento e Administração 
do Câmpus EaD
Prof.ª Mércia Freire Rocha Cordeiro Machado
Diretora de Ensino, Pesquisa e Extensão do 
Câmpus EaD
Prof.ª Cristina Maria Ayroza
Assessora de Ensino, Pesquisa e Extensão 
– DEPE/EaD
Prof.ª Márcia Denise Gomes Machado Carlini
Coordenadora de Ensino Médio e Técnico 
do Câmpus EaD 
Prof.ª Monica Beltrami
Coordenadora do Curso
Prof. Sergio Silveira de Barros
Vice-coordenador do curso
Adriana Valore de Sousa Bello 
Cátia Bonacolsi
Giovanne Contini Menegotto
Rafaela Aline Varella 
Assistência Pedagógica
Prof.ª Ester dos Santos Oliveira
Prof.ª Linda Abou Rejeili de Marchi
Prof.ª Sheila Cristina Mocellin
Lídia Emi Ogura Fujikawa
Revisão Editorial
Eduardo Artigas Antoniacomi
Vanessa Trevisan Marcon
Diagramação
e-Tec/MEC
Projeto Gráfico
e-Tec Brasil3
Apresentação e-Tec Brasil
Prezado estudante,
Bem-vindo ao e-Tec Brasil!
Você faz parte de uma rede nacional pública de ensino, a Escola Técnica 
Aberta do Brasil, instituída pelo Decreto nº 6.301, de 12 de dezembro 2007, 
com o objetivo de democratizar o acesso ao ensino técnico público, na mo-
dalidade a distância. O programa é resultado de uma parceria entre o Minis-
tério da Educação, por meio das Secretarias de Educação a Distância (SEED) 
e de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC), as universidades e escolas 
técnicas estaduais e federais.
A educação a distância no nosso país, de dimensões continentais e grande 
diversidade regional e cultural, longe de distanciar, aproxima as pessoas ao 
garantir acesso à educação de qualidade, e promover o fortalecimento da 
formação de jovens moradores de regiões distantes, geograficamente ou 
economicamente, dos grandes centros.
O e-Tec Brasil leva os cursos técnicos a locais distantes das instituições de en-
sino e para a periferia das grandes cidades, incentivando os jovens a concluir 
o ensino médio. Os cursos são ofertados pelas instituições públicas de ensino 
e o atendimento ao estudante é realizado em escolas-polo integrantes das 
redes públicas municipais e estaduais.
O Ministério da Educação, as instituições públicas de ensino técnico, seus 
servidores técnicos e professores acreditam que uma educação profissional 
qualificada – integradora do ensino médio e educação técnica, – é capaz de 
promover o cidadão com capacidades para produzir, mas também com auto-
nomia diante das diferentes dimensões da realidade: cultural, social, familiar, 
esportiva, política e ética.
Nós acreditamos em você!
Desejamos sucesso na sua formação profissional!
Ministério da Educação
Janeiro de 2010
Nosso contato
etecbrasil@mec.gov.br
e-Tec Brasil5
Indicação de ícones
Os ícones são elementos gráficos utilizados para ampliar as formas de 
linguagem e facilitar a organização e a leitura hipertextual.
Atenção: indica pontos de maior relevância no texto.
Saiba mais: oferece novas informações que enriquecem o 
assunto ou “curiosidades” e notícias recentes relacionadas ao 
tema estudado.
Glossário: indica a definição de um termo, palavra ou expressão 
utilizada no texto.
Mídias integradas: sempre que se desejar que os estudantes 
desenvolvam atividades empregando diferentes mídias: vídeos, 
filmes, jornais, ambiente AVEA e outras.
Atividades de aprendizagem: apresenta atividades em 
diferentes níveis de aprendizagem para que o estudante possa 
realizá-las e conferir o seu domínio do tema estudado. 
e-Tec Brasil
Sumário
Palavra da professora-autora 13
Aula 1 – Defensivos Agrícolas 15
1.1 Identificação dos perigos e avaliação dos riscos associados 16
1.2 Manipulações de agrotóxicos e a exposição do trabalhador 17
1.3 As causas da intoxicação 18
Aula 2 – Defensivos Agrícolas II 23
2.1 Risco 23
2.2 Métodos de controle 23
Aula 3 – Controle de riscos 27
3.1 Segurança no preparo da calda 27
3.2 Segurança na aplicação do produto 28
3.3 Medidas de higiene quando da aplicação do agrotóxico 29
3.4 Primeiros socorros em caso de acidentes com agrotóxicos 30
Aula 4 – Destino das embalagens vazias 33
4.1 Destino final das embalagens vazias de agrotóxicos 33
Aula 5 – Unidades de recebimento 37
5.1 Critérios para construção dos postos de recebimento 
e centrais de recebimento 38
5.2 Campanhas de orientação aos agricultores 39
5.3 Instalações e treinamento da equipe de trabalho 39
Aula 6 – Resíduos sólidos no campo 43
6.1 Destino final de resíduos 44
Aula 7 – Introdução à segurança no transporte 
e armazenagem dos produtos agropecuários 49
7.1 Legislação Brasileira 49
7.2 Classificação e identificação de produtos perigosos 51
7.3 Guia para as primeiras ações em acidentes 56
Aula 8 – Exigência da legislação para 
transportar produtos agropecuários 59
8.1 Do veículo e equipamentos 59
Aula 9 – Itens de segurança para transportar 
produtos perigosos 67
9.1 Kit de emergência 
(de acordo com a NBR 9735 da ABNT - Grupo 1) 67
9.2 EPI (de acordo com a NBR-9735 da ABNT - 
Grupo 6, 8 e 12) 68
9.3 Identificação do RNTRC 69
9.4 Prescrições de serviço 69
9.5 Da carga e seu acondicionamento 71
9.6 Quanto ao itinerário 71
9.7 Quanto ao estacionamento 72
9.8 Quanto às pessoas envolvidas na operação de transporte 72
Aula 10 – Produtos agropecuários perigosos 75
10.1 Procedimentos no recebimento do produto 75
10.2 Documentos obrigatórios 75
10.3 Dados que devem constar na Nota Fiscal para 
transportar produtos perigosos 76
10.4 Ficha de emergência 78
10.5 Envelope onde é colocada a ficha de emergência 
para o transporte 78
10.6 Das responsabilidades 78
10.7 Infrações e penalidades 80
Aula 11 – Produtos fitossanitários 83
11.1 Considerações gerais 83
11.2 Quantidades limitadas por embalagens internas 83
11.3 Exigências dispensadas 85
11.4 Prescrições particulares 85
11.5 Indicação dos limites de isenção 85
Aula 12 – Orientações ao agricultor 89
12.1 Introdução 89
12.2 Orientações para o motorista em caso de vazamento 
e/ou acidente 89
12.3 Orientações ao agricultor 90
e-Tec Brasil
Aula 13 – Armazenagem de produtos 
agropecuários perigosos 95
13.1 Características técnicas do armazém 95
13.2 Gerenciamento do armazém 98
13.3 Cuidados com as embalagens 104
13.4 Armazenamento em pequenos depósitos/fazendas 107
Aula 14 – Segurança na armazenagem de agrotóxicos 109
14.1 A problemática na manipulação de agrotóxicos 109
14.2 Como armazenar produtos perigosos na propriedade 110
Aula 15 – Cuidados na manipulação de grãos 113
15.1 Introdução 113
15.2 Riscos de explosões 114
15.3 Problemas ergonômicos na atividade de armazenagem 116
15.4 Equipamentos de proteção individual

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.