Leitura de Paisagem
4 pág.

Leitura de Paisagem


DisciplinaPup Ea8 materiais9 seguidores
Pré-visualização1 página
Leitura de Paisagem
 Levantamento fotográfico
	A seguir veremos algumas imagens de certos pontos do bairro para melhor entendermos seu paisagismo, a leitura urbana e como se forma de acordo com o trânsito, comércio, vegetação e etc.
Imagem 1: Praça Ten. Veríssimo de Sousa e Silva
Fonte: Google Maps 
Imagem 4: Praça Universitária - Escultura
Fonte: Google Maps 
Imagem 3: Praça Universitária - Biblioteca
Fonte: Google Maps 
Imagem 2: Praça Universitária
Fonte: Google Maps
Imagem 7: 9° Avenida
Fonte: Autoria Própria
Imagem 6: 9° Avenida
Fonte: Autoria Própria
Imagem 5: Qta. Avenida
Fonte: Google Maps 
Imagem 9: Avenida Universitária
Fonte: Google Maps
Imagem 8: Avenida Universitária
Fonte: Google Maps
	Com base nos estudos de Gordon Cullen (1996) e Kevin Lynch (1997) e através da observação direta e indireta, é possível identificar seus elementos morfológicos compositores, que segundo Lynch (1997) são: vias, pontos nodais, bairros, limites e marcos. Além disso, percebe-se que uma imagem de qualidade reforça a identidade da cidade, tornando-a legível e atrativa.
	Kevin Lynch (1997) classifica a paisagem urbana como a imagem da cidade. Para ele, como obra arquitetônica, a cidade é uma construção no espaço, porém, em grande escala e que só se é percebida no decorrer de períodos de tempo. Gordon (1996) e Lynch (1997) relacionam a paisagem urbana ao que se passa na visão do usuário: uma sequência de imagens que formam cenas, como um filme mental, porém mais do que um cenário, a cidade é formada por uma série de sensações, em que cada indivíduo assume e cria sua própria imagem urbana.
Análises Urbanísticas
	O bairro em sua maioria, não possui uma visão serial, pois de acordo com sua topografia, há desníveis que favorecem a surpresa ao chegar em um certo local. 
	Nas imagens anteriores, vimos um pouco sobre os caminhos/vias que interligam o bairro de um ponto ao outro, facilitando, principalmente, o trajeto em que o turista irá transitar. Vimos também, o marco principal do setor, que é a Praça Universitária, onde é o ponto onde se encontram as universidades, bibliotecas e comércios ao redor que atendam o público alvo.
	O Setor Universitário também possui alguns Polos Geradores de Viagem, como por exemplo, o grande hospital referência em tratamento de câncer, Hospital Araújo Jorge. Pessoas do país todo, se deslocam para Goiânia, em busca de tratamentos. 
	De acordo com os estudos sobre as teorias de Cullen, o bairro apresenta um conforto visual quando se trata de visão local, pois a topografia auxilia nesse quesito. Não há caminhos cansativos e nem muito íngremes para o pedestre. 
	Sobre o conteúdo do bairro, vimos que ele é rico em arte, cultura e cores, devido, principalmente, à Praça Universitária, onde encontramos um acervo grandioso de esculturas, além do comércio que também colabora com o objetivo de não poluir visualmente as vias principais.