A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
13 pág.
PROJETO PONTE DE MACARRÃO

Pré-visualização | Página 1 de 1

PROJETO PONTE DE MACARRÃO 
 
Trabalho apresentado à Disciplina 
Física II, no 3º módulo do Curso de 
Engenharia de Agrimensura e 
Cartográfica do IFSULDEMINAS 
– Câmpus Inconfidentes, 
Inconfidentes-MG, como requisito 
parcial das atividades avaliativas na 
referida disciplina, ministrada pelo 
professor Antônio Carlos. 
 
 
 
Disciplina: Física II 
Alunas: Amanda Paiva RA: 10151000043 
 Jaine Nascimento RA: 10151000050 
 Nayara Nakamura RA: 10151000048 
 
 
 
 
 
Inconfidentes, 13 de junho de 2016. 
 
 
Sumário 
Introdução ................................................................................................................... 3 
Objetivo ....................................................................................................................... 4 
Materiais e Métodos ................................................................................................... 5 
Desenvolvimento ........................................................... ............................................ 6 
Conclusão ................................................................................................................... 12 
Bibliografia ................................................................................................................. 13 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
3 
 
 
Introdução 
 As pontes são construções que permitem interligar ao mesmo nível pontos não 
acessíveis por rios, vales, ou outros obstáculos naturais ou artificiais. 
 Para a construção da ponte de macarrão trabalha - se com duas forças que são as forças 
de tração e de compressão, que foram as utilizadas no Projeto de Ponte de Macarrão. Força de 
tração caracteriza-se pela tendência de alongamento do elemento na direção da força atuante 
e força é uma redução de uma de suas dimensões, axial com a atuação da força, e um aumento 
da seção transversal a este mesmo eixo, quando a deformação da peça nesta direção é 
permitida. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
4 
 
Objetivo 
Construir uma ponte de macarrão utilizando espaguete Barilla número sete, utilizando apenas 
as colas do tipo epóxi e cola quente, finalizando a ponte com um peso total de no máximo mil e 
cinquenta gramas (1050 g), que seja capaz de suportar uma carga mínima de cinco quilos (5kg). 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
5 
 
Materiais e Métodos: 
 duas caixas de Macarrão Barilla N°7; 
 uma caixa de Durepoxi; 
 Vergalhão de 12cm (doze centímetros); 
 Cola quente; 
 Cola epóxi; 
 Cola resina; 
 Dois canos pvc de ½ de polegada com 20cm (vinte centímetros) de comprimento; 
 Régua; 
 Tesoura; 
 Faca; 
 Pincel; 
 Calculadora; 
 Elástico de cabelo; 
 Lixa de parede; 
 Computador (programas FTOOL e EXCEL); 
 Lápis; 
 Borracha; 
 Duas cartolinas. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
6 
 
Desenvolvimento: 
1º Etapa 
 Antes de mais nada foi escolhido o modelo da ponte a ser construída e assim ficou 
determinado um arco com onze hastes, com cento e dez centímetros de comprimento, 
cinquenta, cinco centímetros de altura doze centímetros de largura e logo em seguida calculado 
a angulação entre cada haste e como resultado foi adquirido dezoito graus. 
 Foi utilizado o programa GEOGEBRA para determinar as coordenadas de cada nó (figura 
1). Em seguida foi utilizado o programa FTOOL para determinar de quanto seriam as forças de 
tração e compressão envolvidas na ponte de macarrão para suportar uma força de 600N (figura 
2). 
Figura 1: desenho no GEOGEBRA. 
Figura 2: desenho no FTOOL. 
 
7 
 
 
 Após realizados os procedimentos no FTOOLL, utilizou-se o Microsoft Excel para calcular 
a quantidade de fios de macarrão, sua massa, seu comprimento e o cálculo da massa final da 
ponte, esta etapa foi essencial para saber se o projeto da ponte de macarrão se enquadrava no 
regulamento exigido para a competição (figura3). 
Figura 3: planilha no Microsoft Excel. 
membros 
Solicitação (Tração T ou 
Compressão C) 
Força 
(N) 
Comprimento 
(cm) 
Qtd 
Fioss 
Massa 
(g) 
1 T 48 55 7 30,3 
2 T 95 55 7 30,3 
3 T 95 55 7 30,3 
4 T 95 55 7 30,3 
5 T 95 55 7 30,3 
6 T 95 55 7 30,3 
7 T 95 55 7 30,3 
8 T 95 55 7 30,3 
9 T 95 55 7 30,3 
10 T 95 55 7 30,3 
11 T 48 55 7 30,3 
12 C 304 17,2 23 31,1 
13 C 304 17,2 23 31,1 
14 C 304 17,3 23 31,3 
15 C 304 17,3 23 31,3 
16 C 304 17,2 23 31,1 
17 C 304 17,2 23 31,1 
18 C 304 17,2 23 31,1 
19 C 304 17,2 23 31,1 
20 C 304 17,2 23 31,1 
21 C 304 17,2 23 31,1 
Raio do fio = 0,09 cm 
Densidade = 0,03937g/cm 
Tração = 95 
Compressão = 304 
8 
 
As fórmulas usadas no Microsoft Excel que foram utilizadas para a o cálculo de 
dimensionamento dos fios de tração e compressão foram: 
 
 
2º Etapa (construção da ponte) 
 Após finalizado todos os cálculos iniciou – se o próximo passo que foi a construção de 
um gabarito para ajudar a montar a ponte (figura 4), em seguida começou o processo de 
corte de macarrão (figura 5), que consiste em cortar todos os fios de acordo com o que foi 
calculado no Microsoft Excel. Em seguida foi necessário juntar a quantidade de fios de cada 
haste e passar cola em todos eles, amarrando nas pontas elástico de cabelo para melhor 
fixação e para dar mais segurança no processo lixamento (figura 6). Após as hastes coladas 
com um tempo de aproximadamente um dia para sua secagem foi necessário lixar as hastes 
para que o dimensionamento e o encaixe da angulação necessária ficassem corretos (figura 
7). Logo após deu início ao processo de junção dos arcos com o pvc e em seguida das hastes 
ligadas aos no e no vergalhão (figura 8). 
 
Figura 4: Desenho do gabarito. 
 
9 
 
 
Figura 5: Corte do macarrão. 
 
 
 
Figura 6: Secagem das hastes. 
 
10 
 
Figura 7: lixamento das hastes. 
 
 
 
 
Figura 8: Junção das hastes, arcos, pvc e vergalhão. 
 
 
 
 
 
11 
 
Figura 9: ponte de macarrão pronta. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
12 
 
Conclusão: 
 O Projeto Ponte de Macarrão foi muito importante para realmente colocar em prática 
os assuntos adquiridos em sala de aula, como também o conhecimento do programa FTOOLL e 
GEOGEBRA e o aprimoramento do EXCEL. O projeto também influenciou muito de como seria 
uma vida profissional com prazos, custos e responsabilidades. 
 Portanto, a ponte Rainbow foi desenvolvida com muito trabalho em equipe e com 
ajuda dos programas GEOGEBRA, FTOOL e EXCEL. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
13 
 
Bibliografia: 
https://teslaconcursos.com.br/videos/tracao-e-compressao-2/