Conceito de Crime
1 pág.

Conceito de Crime


DisciplinaDireito Administrativo I65.083 materiais1.145.118 seguidores
Pré-visualização1 página

Conceito de Crime

A lei relacionado a crime é o
DECRETO-LEI Nº 3.914, DE 9 DE DEZEMBRO DE 1941.

Compreender o conceito de crime é o básico para compreender todos os institutos que fundamentam o direito penal.

Crime é algo que está no nosso dia-a-dia, é uma realidade porém ele não pode ser caracterizado de forma estática e imutável. Seu conceito em si, foi sendo alterado de tempos em tempos, cuja definição exata constava no código penal, que foi retirado com o passar dos tempos. Agora seu conceito, fica em aberto e cabe as inúmeras escolas penais a decidir seu conceito. Com isso, acabou sendo gerado três pontos de vista para definir crime, que são:


  • Crime Material
  • Crime Formal
  • Crime Analítico



HTML image 0
Conceito de crime


Crime Material

O crime material é a conduta praticar por um ou mais indivíduos que tem o objetivo de prejudicar ou danificar um bem jurídico (geralmente é um objeto, valor ou ideal que possui um “valor” e por isso há uma lei que o previne de ser “descartado”. Exemplo: vida, liberdade, segurança).

Um exemplo de crime material é o homicídio (onde o bem jurídico que foi danificado é a vida) . Caso não tenha sido concluído, ele será considerado apenas como tentativa do crime. Mas o que não tira a culpa e por isso, ainda será punido pelo ato.

Com isso, mesmo que sua teoria tenha relação com um bem material, vimos que esse bem não precisa ser necessariamente um objeto e sim algo psicológico, moral, religioso, importante para o ser e etc.


Crime Formal

O crime formal ou de consumação antecipada, é cujo o ato é legalmente proibido ou restrito por lei, cuja infração é passível sob risco de pena(prisão). Ele, por sua vez, não precisa necessariamente que a produção do crime para que ele seja considerado um. Um bom exemplo é a ameaça, onde a gente vê apenas a conduta de quem ameaçou, não importando se no final fez o ato dito ou não.


Crime Analítico

Esse tipo de crime têm algumas classificações como:


  1. Fato Típico - são fatos descritos na lei como crime. O autor do crime deve cometer o mesmo no conhecimento da situação, ou seja, ter agido com intenção e/ou vontade para tal.
  2. Fato Antijurídico - são fatos que contrariam o que está na lei. Um exemplo, reagir em legítima defesa, mesmo que acabe levando a morte, não é considerado crime.
  3. Fato Culpável - somente quem praticou o crime deverá responder por ele. Existe o fator excludente de culpabilidade, ou seja, são pessoas que não são considerados totalmente culpados por outros por não terem total noção do que está fazendo ou não conhecer o mesmo, ou seja, basicamente os menores de idade ou que tenham problemas mentais. No caso, mesmo que sejam considerados não totalmente culpados pelo ato, eles ainda serão punidos devidamente, porém os mesmo não irão para a cadeira ou irão receber punição integral aos outros que forem culpados pelos atos.
  4. Fato Punível - O estado que irá definir a pena pelo responsável do crime.

Várias vertentes foram criados para esse tipo de crime com o intuito de se chegar a alguma explicação. Vamos vê cada uma delas.


  • Teoria Bipartida:
  • Nessa teoria, ele levam em conta os fatos típico e antijurídico. Essa teoria diz que deve seguir exatamente no que está na lei, independente de quem foi o culpado, ou seja, que a culpabilidade é apenas para dosar a pena.
  • Teoria Tripartida:
  • Ela leva em conta o Fato típico, antijurídico e culpável. Onde na falta de qualquer um desses elementos, o ato ou situação não pode ser considerado um crime.
  • Teoria Quadripartida:
  • Essa leva os 4 fatos acimas para o crime. Mas diferente da tripartida, nela o fato punível é o mais importante e que mantém a ordem estrutural do crime. Com isso, caso não haja o fato punível, o conceito de crime não pode ser aplicada na situação.

Independente de qual das três teorias serão adotadas, ao falarmos no critério analítico, sempre será levado em conta o Fato típico, antijurídico para definir o conceito de crime.



HTML image 1
Prisão é uma das punições ao cometer um crime