DIREITO DO TRABALHO II - AVALIANDO
2 pág.

DIREITO DO TRABALHO II - AVALIANDO


DisciplinaDireito do Trabalho II5.327 materiais16.066 seguidores
Pré-visualização1 página
Disc.: DIREITO DO TRABALHO II 
Aluno(a): KARINA CORREA DA SILVA Matríc.: 201408343185
Acertos: 0,1 de 0,5 28/04/2017 (Finaliz.)
1a Questão (Ref.:201409039274) Pontos: 0,0 / 0,1 
Na rescisão do contrato de trabalho quais verbas podem ser consideradas salariais:
 Multa do art. 467
 Salário Família
Aviso Prévio Indenizado
FGTS
Respondido em 28/04/2017 01:34:12
Compare com a sua resposta:
2a Questão (Ref.:201409122362) Pontos: 0,0 / 0,1 
Telmo foi dispensado imotivadamente pela empresa em que trabalhava. Durante o período de aviso prévio, a empresa, ao
invés de reduzir o seu horário de trabalho em duas horas, conforme previsto na CLT, optou por pagar essas horas como
extras. Nesse caso, a substituição:
 Não é válida e a empresa deverá pagar novo aviso prévio.
É válida desde que a empresa remunere as duas horas extras diárias com acréscimo de no mínimo 100%
É válida desde que a empresa remunere as duas horas extras diárias com acréscimo de no mínimo 50%
Não é válida e a empresa deverá pagar novo aviso prévio acrescido de 50% de seu valor.
 Não é válida e a empresa deverá pagar novo aviso prévio, exceto se no contrato houver cláusula expressa
permitindo tal compensação.
Respondido em 28/04/2017 01:41:02
Compare com a sua resposta:
3a Questão (Ref.:201408958068) Pontos: 0,1 / 0,1 
XIII EXAME DE ORDEM UNIFICADO Helena foi admitida em 12 de fevereiro de 2005 pela empresa Marca Refrigeração
Ltda. e dispensada sem justa causa em 07 de julho de 2011. Com o advento da regulamentação do aviso prévio
proporcional ao tempo de serviço (Lei n. 12.506, de 13 de outubro de 2011), ela pretende o pagamento dessa nova
vantagem atribuída à classe trabalhadora. A respeito desse caso, assinale a afirmativa correta.
Helena receberá aviso prévio proporcional na razão de 42 dias.
 Helena receberá aviso prévio proporcional em razão da ultratividade da norma mais benéfica e pelo princípio da
proteção.
Helena receberá aviso prévio proporcional na razão de 45 dias.
 Helena não receberá aviso prévio proporcional.
Respondido em 28/04/2017 01:41:16
Compare com a sua resposta:
4a Questão (Ref.:201409150546) Pontos: 0,0 / 0,1 
(Analista TRT-12 2010 FCC) A respeito do abono de férias, analise: I. Deverá ser requerido até quinze dias antes do
término do período aquisitivo. II. Tratando-se de férias coletivas, a concessão do abono de férias depende de
requerimento individual, independentemente de acordo coletivo entre o empregador e o sindicato representativo da
respectiva categoria profissional. III. As disposições previstas na Consolidação das Leis do Trabalho referentes ao abono
de férias aplicam-se aos empregados sob o regime de tempo parcial. De acordo com a Consolidação das Leis do Trabalho,
está correto o que consta APENAS em:
(B) II.
(D) II e III.
 (E) I.
 (C) I e II.
(A) I e III.
Respondido em 28/04/2017 01:41:41
Compare com a sua resposta:
5a Questão (Ref.:201409122342) Pontos: 0,0 / 0,1 
Provas: FCC - 2013 - TRT - 15ª Região (Campinas) - Técnico Judiciário - Tecnologia da Informação . Manoela, Minerva e
Carolina são empregadas da empresa FGH Ltda. Manoela possui vinte anos de idade, não é estudante e possui três filhos.
Minerva possui vinte e cinco anos de idade, não possui filhos e é estudante de arquitetura. Carolina possui cinquenta e
cinco anos de idade, é mãe e avó, mas não estuda somente frequenta alguns cursos esporádicos. Nestes casos, de acordo
com a Consolidação das Leis do Trabalho, as férias serão sempre concedidas de uma só vez :
Apenas para Minerva e Carolina.
Apenas para Manoela e Carolina.
 Apenas para Carolina.
 Para Manoela, Minerva e Carolina.
Apenas para Minerva.
Respondido em 28/04/2017 01:42:45
Compare com a sua resposta: