Introdução ao Direito do Consumidor - Exercícios de Fixação Módulo IV
7 pág.

Introdução ao Direito do Consumidor - Exercícios de Fixação Módulo IV


DisciplinaDireito do Consumidor9.337 materiais36.177 seguidores
Pré-visualização2 páginas
Introdução ao Direito do Consumidor 
(parceria ILB/ANATEL) \u2013 Turma 2
IDCO-2019-2 /  Módulo IV /  Exercícios de Fixação \u2013 Módulo IV
	Iniciado em
	segunda, 14 out 2019, 13:37
	Estado
	Finalizada
	Concluída em
	segunda, 14 out 2019, 13:56
	Tempo empregado
	18 minutos 39 segundos
	Avaliar
	100,00 de um máximo de 100,00
Top of Form
Questão 1 
Texto da questão
Marque a alternativa correta:
Escolha uma:
a. O consumidor cobrado em quantia indevida nunca tem direito à repetição do indébito.
b. O consumidor cobrado em quantia indevida não tem direito à repetição do indébito, quando o fornecedor enquadrar numa situação de engano justificável. 
c. A cobrança extrajudicial possui rito complexo e rigoroso estipulado no CDC.
d. O cobrador somente pode se utilizar da cobrança judicial.
Sua resposta está correta.
Resposta:"b"
a) art 42 Parágrafo único. O consumidor cobrado em quantia indevida tem direito à repetição do indébito, por valor igual ao dobro do que pagou em excesso, acrescido de correção monetária e juros legais, salvo hipótese de engano justificável.
(Módulo 4, Unidade 5, \u201cCobrança de dívidas\u201d)
c) Cobrança extrajudicial: não possui rito ou forma previamente delineado, e é onde por vezes a criatividade de cobradores chega ao inadmissível e à ilegalidade, tantas são as maneiras inventadas para que o devedor seja compelido a efetuar o pagamento.
(Módulo 4, Unidade 5, \u201cCobrança de dívidas\u201d)
d) Repinte-se que existem vários meios de cobranças, a judicial e a extrajudicial.
(Módulo 4, Unidade 5, \u201cCobrança de dívidas\u201d)
A resposta correta é: O consumidor cobrado em quantia indevida não tem direito à repetição do indébito, quando o fornecedor enquadrar numa situação de engano justificável.
Questão 2
Texto da questão
Das afirmativas abaixo, marque as verdadeiras com (V) e as falsas com (F):
	É defeso ao fornecedor executar serviços sem a prévia elaboração de orçamento e autorização expressa do consumidor, ressalvadas as decorrentes de práticas anteriores entre as partes.
	Resposta 1 
	O serviço pode ser realizado sem a expressa autorização do consumidor, quando for realizado por amigos de longa data.
	Resposta 2 
	O fornecedor de serviço será obrigado a entregar ao consumidor orçamento prévio discriminando o valor da mão-de-obra, dos materiais e equipamentos a serem empregados, as condições de pagamento, bem como as datas de início e término dos serviços.
	Resposta 3 
	O valor orçado sempre terá validade pelo prazo de dez dias, contado de seu recebimento pelo consumidor
	Resposta 4 
Sua resposta está correta.
Resposta:"VFVF"
b) CDC
Das Práticas Abusivas
Art. 39. É vedado ao fornecedor de produtos ou serviços, dentre outras práticas abusivas:
(...)
Inciso VI \u2013executar serviços sem a prévia elaboração de orçamento e autorização expressa do consumidor, ressalvadas as decorrentes de práticas anteriores entre as partes.\u201d
(Módulo 4, Unidade 3, \u201cDas Práticas Abusivas\u201d)
d) § 1º Salvo estipulação em contrário, o valor orçado terá validade pelo prazo de dez dias, contado de seu recebimento pelo consumidor.
(Módulo 4, Unidade 3, \u201cDas Práticas Abusivas\u201d)
A resposta correta é: É defeso ao fornecedor executar serviços sem a prévia elaboração de orçamento e autorização expressa do consumidor, ressalvadas as decorrentes de práticas anteriores entre as partes. \u2192 Verdadeiro, O serviço pode ser realizado sem a expressa autorização do consumidor, quando for realizado por amigos de longa data. \u2192 Falso, O fornecedor de serviço será obrigado a entregar ao consumidor orçamento prévio discriminando o valor da mão-de-obra, dos materiais e equipamentos a serem empregados, as condições de pagamento, bem como as datas de início e término dos serviços. \u2192 Verdadeiro, O valor orçado sempre terá validade pelo prazo de dez dias, contado de seu recebimento pelo consumidor \u2192 Falso.
Questão 3
Texto da questão
Das afirmativas abaixo, marque as verdadeiras com (V) e as falsas com (F):
	Prática abusiva é a conformidade com os padrões mercadológicos de boa conduta para com o consumidor.
	Resposta 1 
	As práticas abusivas são somente as identificadas no CDC
	Resposta 2 
	O rol das práticas abusivas é exemplificativo
	Resposta 3 
	A venda casada ocorre quando o consumidor não tem a opção de comprar somente um produto
	Resposta 4 
Sua resposta está correta.
Resposta:"FFVV"
a) As práticas abusivas dizem respeito a toda atitude contrária ao senso comum que afronta quaisquer benefícios ou direitos do consumidor, despreza o costume comercial ou se utiliza do abuso de direito. Não se limita ao que está no CDC.
(Módulo 4, Unidade 1, \u201cAs práticas abusivas e o CDC\u201d)
b) As práticas abusivas dizem respeito a toda atitude contrária ao senso comum que afronta quaisquer benefícios ou direitos do consumidor, despreza o costume comercial ou se utiliza do abuso de direito. Não se limita ao que está no CDC.
(Módulo 4, Unidade 1, \u201cAs práticas abusivas e o CDC\u201d)
A resposta correta é: Prática abusiva é a conformidade com os padrões mercadológicos de boa conduta para com o consumidor. \u2192 Falso, As práticas abusivas são somente as identificadas no CDC \u2192 Falso, O rol das práticas abusivas é exemplificativo \u2192 Verdadeiro, A venda casada ocorre quando o consumidor não tem a opção de comprar somente um produto \u2192 Verdadeiro.
Questão 4
Texto da questão
Marque a alternativa correta:
Escolha uma:
a. A recusa de contratar pelo fornecedor não constitui prática abusiva
b. O taxista pode se recusar a fazer uma corrida por ser uma distância muito pequena
c. Toda informação ou publicidade, suficientemente precisa, veiculada por qualquer forma ou meio de comunicação com relação a produtos e serviços oferecidos ou apresentados, obriga o fornecedor que a fizer veicular ou dela se utilizar e integra o contrato que vier a ser celebrado. 
d. O comerciante pode se recusar a vender determinado produto ao seu maior inimigo diante da desavença entre ambos
Sua resposta está correta.
Resposta:"c"
CDC - Das Práticas Abusivas
Art. 39. É vedado ao fornecedor de produtos ou serviços, dentre outras práticas abusivas:
I - condicionar o fornecimento de produto ou de serviço ao fornecimento de outro produto ou serviço, bem como, sem justa causa, a limites quantitativos;
II - recusar atendimento às demandas dos consumidores, na exata medida de suas disponibilidades de estoque, e, ainda, de conformidade com os usos e costumes;
 
(Módulo 4, Unidade 3, \u201cAs práticas abusivas e o CDC\u201d)
A resposta correta é: Toda informação ou publicidade, suficientemente precisa, veiculada por qualquer forma ou meio de comunicação com relação a produtos e serviços oferecidos ou apresentados, obriga o fornecedor que a fizer veicular ou dela se utilizar e integra o contrato que vier a ser celebrado.
Questão 5
Texto da questão
(Coordenador do Procon da Prefeitura Municipal de Oliveira - Questão 38) Sobre práticas comerciais abusivas, analise as seguintes afirmativas e assinale com V as verdadeiras e com F as falsas.
	O CDC não se opõe à cobrança extrajudicial de dívidas.
	Resposta 1 
	O CDC exclui o direito à repetição do indébito por valor igual ao dobro do que foi pago em excesso, na hipótese de engano justificável.
	Resposta 2 
	Em casos específicos e justificáveis, o CDC autoriza a existência da prática de venda casada.
	Resposta 3 
	É exigível, em todas as hipóteses, sob pena de configuração de ilicitude, a apresentação e aprovação prévia, pelo consumidor, de orçamento apresentado pelo fornecedor de serviços.
	Resposta 4 
Sua resposta está correta.
Resposta:"VVFF"
c) Como vimos, o CDC explica o termo "venda casada" como sendo o condicionamento do fornecimento de um produto ou serviço, ao fornecimento de outro, sendo essa prática considerada abusiva.
(Módulo 4, Unidade4, \u201cO CDC e a execução de serviço sem orçamento prévio\u201d)
d) A regra é a exigência de orçamento prévio, mas é possível exceções, conforme texto do curso:
\u201cSe o consumidor deixa de impugnar os valores cobrados pelos