A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
QUESTIONÁRIO UNIDADE I ESTUDOS DISCIPLINARES II

Pré-visualização | Página 1 de 2

Revisar envio do teste: QUESTIONÁRIO UNIDADE IESTUDOS DISCIPLINARES II 6694-15_SEI_SS_0719_R_20192 CONTEÚDO
Usuário gabriella.siqueira1 @unipinterativa.edu.br
Curso ESTUDOS DISCIPLINARES II
Teste QUESTIONÁRIO UNIDADE I
Iniciado 21/10/19 22:38
Enviado 21/10/19 22:39
Status Completada
Resultado da tentativa 5 em 5 pontos  
Tempo decorrido 1 minuto
Resultados exibidos Todas as respostas, Respostas enviadas, Respostas corretas, Comentários, Perguntas respondidas incorretamente
Pergunta 1
Resposta
Selecionada:
c.
Respostas: a. 
b. 
c.
d. 
e. 
Feedback
da
resposta:
Uma das principais violações contra a população de rua são chacinas e expulsões das regiões centrais.
Os moradores de rua das cidades nesses casos devem:
Fazer um boletim de ocorrência e procurar entidades que encaminhem a denúncia ao Ministério Público.
Permanecer onde estão para não receberem ameaças.
Acionar a polícia local no intuito de denunciar os que estão infringindo a ordem.
Fazer um boletim de ocorrência e procurar entidades que encaminhem a denúncia ao Ministério Público.
As alternativas “a” e “b” estão corretas.
As alternativas “b” e “c” estão corretas.
Alternativa:C
Comentário: quando há violência física ou moral nas ruas ou nos serviços sociais que frequentamos.
Quando há humilhação, espancamento e atentado contra a vida, realizados pela polícia, agentes públicos
ou privados ou qualquer outro setor da sociedade. Quando somos discriminados por sermos pobres, ou
pela nossa cor ou escolha sexual e religiosa, deve-se sempre comunicar à delegacia mais próxima, dar
encaminhamento ao Ministério Público. 
Pergunta 2
Resposta Selecionada: a. 
Respostas: a. 
b. 
c. 
d. 
e. 
Feedback
A condição de morar na rua, especialmente nas grandes e médias cidades, caracteriza hoje um grupo
populacional de�nido:
No âmbito das políticas sociais.
No âmbito das políticas sociais.
No âmbito das políticas econômicas.
No âmbito das políticas educacionais.
No patamar da economia.
Nenhuma das alternativas anteriores está correta.
Alternativa: A 
UNIP EAD BIBLIOTECAS MURAL DO ALUNO TUTORIAISCONTEÚDOS ACADÊMICOS
0,5 em 0,5 pontos
0,5 em 0,5 pontos
gabriella.siqueira1 @unipinterativa.e...
dddddddddddddddddddddddddddddddddddddddddddddd
da
resposta:
Comentário: no âmbito das políticas sociais como população de rua. Tal grupo vive em
condições de extrema pobreza, sofrendo a ausência de tudo, do acesso a bens materiais,
sociais, além dos precários vínculos familiares e do trabalho.
Pergunta 3
Resposta
Selecionada:
d. 
Respostas: a.
b.
c.
d. 
e. 
Feedback
da
resposta:
A população de rua, no cenário mundial, deixou de ser um fato isolado, constituindo-se como fenômeno
que tem relação estreita com a mendicância, indigência ou distúrbios de comportamento. No sentido de
entendermos o fenômeno “morador de rua”, faz-se necessária a compreensão da exclusão social como
categoria de análise. 
Podemos a�rmar que exclusão social:
Todas as alternativas anteriores estão corretas.
É um fenômeno multidimensional que não se restringe à insu�ciência ou à ausência de
renda.
É um fenômeno que expressa a combinação de várias desvantagens que impedem o
excluído de pertencer à sociedade.
Uma combinação de falta de meios econômicos, de isolamento social e de acesso
limitado aos direitos sociais e civis.
Todas as alternativas anteriores estão corretas.
Somente a alternativa “a” está correta.
Alternativa: D 
Comentário: percebe-se que a população adulta de rua vive, literalmente, em condição de
exclusão social, deixando de ser reconhecida como sujeito de direitos. 
Exclusão social é um conceito multidimensional e exprime-se em diferentes níveis (ambiental,
cultural, econômico, político e social), sendo frequentemente cumulativa, ou seja,
compreendendo vários deles ou mesmo todos.
Pergunta 4
Resposta
Selecionada:
a.
Respostas: a.
b. 
c. 
d. 
e.
Feedback
Analise a a�rmativa e responda: 
A questão da população de rua está relacionada ao capitalismo excludente que ocasiona o processo de
exclusão social e pobreza, porque:
A própria evolução do capitalismo possibilitou deslocamentos migratórios em função da
busca de emprego e renda.
A própria evolução do capitalismo possibilitou deslocamentos migratórios em função da
busca de emprego e renda.
As transformações socioeconômicas ocorridas na Europa acarretaram pobreza.
Ocorreu valorização da ética do trabalho.
Os italianos contribuíram para a industrialização gaúcha e paulista.
Migram sem nenhuma perspectiva, uma vez que têm seus laços familiares esgarçados.
Alternativa: A 
0,5 em 0,5 pontos
0,5 em 0,5 pontos
da
resposta:
Comentário: historicamente, o �uxo migratório decorreu de vários fatores ligados à situação
de mudança provocada pelo capitalismo. A evolução capitalista possibilitou diversos
deslocamentos migratórios em função das diversas questões socioeconômicas, como o
desemprego e outras advindas desse sistema excludente.
Pergunta 5
Resposta
Selecionada:
b.
Respostas: a. 
b.
c. 
d. 
e. 
Feedback
da
resposta:
As leis de�nem que o Estado tem a obrigação e o dever de garantir os direitos. Ele viola as leis quando:
Não garante acesso à saúde segurança, trabalho, moradia, educação, previdência,
assistência social, transportes, cultura, lazer, direitos humanos.
Encaminha para albergues os moradores de rua.
Não garante acesso à saúde segurança, trabalho, moradia, educação, previdência,
assistência social, transportes, cultura, lazer, direitos humanos.
Não garante o acesso à renda mínima.
Não registra suas queixas.
Todas as a�rmativas anteriores estão corretas.
Alternativa:B
Comentário: as leis de�nem que o Estado tem a obrigação e o dever de garantir os direitos. Ele
viola as leis quando não garante o acesso à saúde, segurança, trabalho, moradia, educação,
previdência, assistência social, transportes, cultura, lazer, direitos humanos. 
Pergunta 6
Resposta
Selecionada:
b.
Respostas: a.
b.
c. 
d.
e.
Feedback da
resposta:
Com base nos conhecimentos sobre os problemas decorrentes da urbanização e das desigualdades
sociais, é correto a�rmar:
É um problema social, o dos sem-teto, comum às paisagens da maior parte dos países,
remetendo às desigualdades econômicas geradas pelas sociedades capitalistas.
A proliferação de moradores de rua resulta das políticas do Estado do bem-estar social.
É um problema social, o dos sem-teto, comum às paisagens da maior parte dos países,
remetendo às desigualdades econômicas geradas pelas sociedades capitalistas.
O fenômeno dos sem-teto está circunscrito aos países de língua anglo-saxônica.
A criminalização da venda de bebidas alcoólicas deve ocupar o centro do debate no
estabelecimento de políticas públicas.
Nos países de primeiro mundo, o problema dos sem-teto decorre da expulsão familiar.
Alternativa: B 
Comentário: as desigualdades econômicas das sociedades capitalistas provocam a
proliferação de moradores de rua.
0,5 em 0,5 pontos
0,5 em 0,5 pontos
Pergunta 7
Resposta Selecionada: a. 
Respostas: a. 
b. 
c. 
d. 
e. 
Feedback
da
resposta:
Em 26 de abril de 2012 encontramos a seguinte notícia no site Terra: 
“Morador de rua ganha na Justiça o direito de não ser abordado pela PM” 
O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) decidiu proibir a abordagem por policiais militares a um morador
de rua da região da Cracolândia, no centro da capital. 
Analise e responda: 
O morador de rua ganhou o habeas corpus porque:
As ações causavam constrangimento ilegal.
As ações causavam constrangimento ilegal.
Estava sendo banido de seus direitos ao trabalho.
Estava sendo extirpado de seus vínculos familiares.
Estava sendo coagido a ser internado.