A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
110 pág.
a prostituta sagrada

Pré-visualização | Página 1 de 40

Bibliografia.
ISBN 85-349-0240-2
1. Prostituição - Aspectos religiosos 2. Prostituição - História 3. Sexo - Aspectos
religiosos 4. Sexo - Psicologia I. Titulo. 11. Série.
Dados internacionais de Catalogação na Publicação (CIP)
(Câmara Brasileira do Livro. SP. Brasil)
INTRODUÇÃO À COLEÇÃO
AMOR E PSIQUE
Na buscadesuaalmae dosentidodesuavida,o
homemdescobriunovoscaminhosqueo levamà sua
interioridade:oseupróprioespaçointeriortorna-selugar
novodeexperiência.Osviajantesdestescaminhosnos
revelamquesomenteoamorécapazdegeraraalma,mas
tambémo amorprecisadaalma.Assim,emlugarde
buscarcausas,explicaçõespsicopatológicasàs nos-
sas feridase aosnossossofrimentos,precisamos,em
primeirolugar,amara nossaalma,assimcomoelaé.
Destemodoéquepoderemosreconhecerqueestasferi-
daseestessofrimentosnasceramdafaltadeamor.Por
outrolado,revelam-nosquea almaseorientaparaum
centropessoale transpessoal,paraa nossaunidadee
a realizaçãodenossatotalidade.Assima nossapró-
priavidaportaemsi umsentido,oderestauraranos-
saunidadeprimeira.
Finalmente,nãoéoespiritualqueapareceprimeiro,e
simopsíquicoedepoisoespiritual.É apartirdoolhardo
íntimoespiritualinteriorqueaalmatomaseusentido,o
quesignificaquea psicologiapodedenovoestendera
mãoàteologia.
Esta perspectivapsicológicanovaé frutodeesforço
paralibertaraalmadadominaçãodapsicopatologia,do
5
CDD-291.212
-155.3
- 291.5665
-306.7409
41edição, 2002
Tradução
Isa F. Leal Ferreira
Impressão e acabamento
PAULUS
Papel
Chamois Fine Dunas 80g/m2
l"\ """"- RevisãoI\'"",O"T' Ivo 5torniolo
[ndices para catálogo sistemático:
1. Prostituição: Sociologia: História 306.7409
2. Prostituição e religião: Religião comparada 291.5665
3. Sexo: Psicologia 155.3
4. Sexo e espiritual idade : Religião comparada 291.212
(2...Q
.01>'
©PAULUS - 1990
Rua Francisco Cruz, 229' 04117-091 São Paulo (Brasil)
Fax (11) 5579-3627' Tel. (11) 5084-3066
www.paulus.com.br·editorial@paulus.com.br
ISBN 85-349-0240-2
Oualls-Corbett, Nancy.
A prostituta sagrada: a face eterna do feminino I Nancy Oualls-Corbett ;
[tradução Isa F. Leal Ferreira : revisão Ivo StornioloJ. - São Paulo: PAULUS, 1990.
(Col. Amor e Psique)
Coleção AMOR E PSIQUE dirigida por
Dr.Léon Bonaventure,Pe.lvo Stomio[o,Dra.MariaElciSpaccaquerehe
Título original
The sacred prostitute, eternal aspect of the feminine
©Nancy Qualls-Corbett
Inner City Books, Toronto, Canadá, 1988
ISBN 0-919123-31-7
90-0612
• <\)'
espíritoanalíticoe dopsicologismo,para quevoltea si
mesma,à sua própria originalidade.Ela nasceudere-
flexõesduranteapráticapsicoterápba,eestácome9ando
arenovaromodeloeafinalidadedapsicoterapia.E uma
novavisãodohomemnasuaexistênciacotidiana,doseu
tempo,e dentro de seu contextocultural, abrindo di-
mensõesdiferentesdenossaexistênciapara podermos
reencontrara nossaalma. Ela poderáalimentartodos
aquelesquesãosensíveisànecessidadedeinserir mais
almaemtodasas atividadeshumanas.
A finalidadedapresentecoleçãoéprecisamenteresti-
tuir a alma a si mesmae"veraparecerumageraçãode
sacerdotescapazesdeentenderemnovamentea lingua-
gemdaalma",comoC. G. Jung o desejava.
LéonBonaventure
6
PREFÁCIO
NancyQualls-Corbettfez a si mesmaexatamentea
mesmapergunta que muitos de nós nos fazemosao
tomarmosestelivro: "O que emmim tem a ver coma
prostitutasagrada?"
Para nossasmentesmodernas,as própriaspalavras
parecemcontraditórias."Sagrada"sugerededicaçãoa
espíritodivino;"prostituta"sugereprofanaçãodocorpo
humano.Comopodemestasduaspalavrasserelacionar,
sea menteé separadada matéria,a espiritualidadeda
sexualidade?Omistériodesseparadoxoéoassuntodeste
livro. Seu potencial curativo é crucial para muitos
relacionamentosconflituosos.
Atualmente,quandoum homemseapaixonaporsua
mulher idear, projeta sobre ela os atributos da mãe
divina: beleza,bondade,castidade,amor revigorante.
Ela, por sua vez, projetasobreele os atributosdo pai
divino:lealdade,força,virilidade,orochedodeGibraltar
nocentrodesuavida.No começo,amoredesejosãouma
sócoisanojardim doParaíso inconscientedeambos.
Quando a realidade se insinua no Jardim - fre-
qüentementeapósa cerimônia-docasamento- as pro-
jeçõescomeçamacairporterra.Talvezohomemsesinta
sufocadopelasexpectativasda parceira;a própriabon-
7
dadedelasuscitaneleculpaquandosonhaemencontrar
a liberdadecomuma"mulherreal",quepossarecebê-Io
como"homemreal".Aomesmotempoemqueamasua
mãe"perfeita",procuraescaparde seuladonegro,a
bruxavoraza quemjamaisconseguedaro suficiente.
Ela, inseguraemsuaprópriacondiçãodemulher,per-
cebendooafastamentodele,vê-seapegada,comocriança
rejeitada,aopaiqueaestáabandonando.
Presosna armadilhadeseuamor(oudependência
neurótica),umdelesouambospodemencontraroutro
parceiromenosperfeito,comquemconsigammanter
relacionamentomaishumano,massensual,queenvolva
menoscompromisso.Essa rupturapodedurarmuito
tempo.Mas,portrásdaruptura,permanecemrancor,
expressoou reprimido,e a ânsiaprofundaporunião
totaL
Se a consciênciafor introduzidanestasituação,a
causadodistúrbiopodetornar-seclara.Emsonhos,por
exemplo,amulherpodederepentetornar-semãenoleito
nupcial,ouo maridotornar-sepai.Ao trazeremseus
corposà percepçãoconsciente,as mulheresfreqüen-
tementedescobremquenãoconseguementregar-seà
penetraçãosexuaLPercebemquesãomãedomarido-
filho,oufilhadomarido-pai.Emambasassituações,seus
corposdizemnãoaoincesto.Independentedequãointen-
samenteamemomaridoemespírito,seuladomaterial
rejeitaesserelacionamentoinconsciente.Umperíodode
celibato,então,podeconduzirà integraçãosexuale
espirituaL
Agora,àmedidaqueoshomensvãotornando-semais
conscientes,suamatéria,damesmamaneira,rejeitao
incestocommãeoufilha,esuaimpotênciaosimpelea
novonívelderelacioname~to,noqualohomemmaduro/
seuneàmulhermadura.E tempodeangústiaintensa
tantoparaoshomensquantoparaasmulheres,tempo
queexigepaciência,coragem,ehonestidadeassustadora.
8
Em minhapráticaanalítica,deparo-meconstante-
mentecomimagensdesonhosemquecadasexoprojeta
inconscientementenooutro.Séculosderaivareprimida
manifestam-seem sonhosde cortara cabeçade di-
tadores,ouseusbraços,ouseusórgãosgenitais.Séculos
de sofrimentorevelam-seem imagensde sacrifícios
femininosempedrasmonolíticasouemmesasdesalasde
jantar.A guerrainconscientedossexosédura;aguerra
conscienteé muitomaisdolorosaainda,muitomais
amarga.A raivaea doraparecememsonhostantodos
homensquantodasmulheresqueestãose tornando
conscientesdesuafeminilidadedevastada.
Alémdisso,homenssensíveisenfrentamseusofri-
mentopessoalpela traiçãofemininaao patriarcado.
Mulheressensíveisenfrentamomuroerguidodentrode
seuspróprioscorpos- um muroquepermanecein-
transponívelàpenetraçãoeàentregaespiritual.Omedo
deserpenetrado,emambosossexos,nãoénadamenos
doqueomedodepenetrar.
Muitasdoençasfísicasvêmàtonaquandoessemedo
setornaconscientee nãoconsegueser superadonas
situaçõespráticasdavida.Imagensdesonhosdecria-
turasquesãopartehumanaseparteanimais-criaturas
apavorantesquerondamo quartoà noite- deixama
pessoaprofundamenteperturbada.A perspectivada
masculinidadeedafeminilidadeunificadasemharmonia
pareceevaporar-senaescuridão.
A luzdaprostitutasagradapenetraocoraçãoemmeio
à escuridão.ComodescreveudemaneiratãovivaNan-
cy Qualls-Corbett,ela é a sacerdotisaconsagradano
tempo,espiritualmentereceptivaà forçafeminina-que
flui a partirdelavindadadeusa,aomesmotempoque
emanaasatisfaçãoconscientedabelezaedapaixãoem
seucorpohumano.Entregando-seàs energiascósmi-
cas do amor,ela glorificaa deusaem deleitefísico
e êxtaseespiritual.Ela abreo masculinoparapotên-
9
ciadepenetraro divino,e o femininoparadeleitede
entregar-sea ele.O mistériodessauniãoresidealém
doslaçosfinitosdoamorpessoal.
Enquantocontemplama possibilidadede sanara
separaçãoentresexualidadeeespiritualidadeatravésda
associaçãocomaprostitutasagrada,homensemulheres
modernostambémprecisamvisualisaros perigosdaí
decorrentes.Dentrodaevoluçãodaconsciênciahumana,
nãoestamosnomesmopontoemqueestavamasprosti-