Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
360 pág.
"Entre a expressão e a técnica. A terminologia do professor de Canto.Um estudo de caso em pedagogia vocal de canto erudito e popular no eixo Rio-São Paulo" Joana Mariz Tese de Doutorado (UNESP) 2013

Pré-visualização | Página 49 de 50

H. Atlas de anatomia humana. Nova Jérsei: East Hanover, 1999. 
NÖE, Hubert. Ciência e arte no canto. [Resumo elaborado por Mara Behlau] Curso 
oferecido pelo Departamento de Cultura Científica da Universidade Federal de São 
Paulo – UNIFESP, 2006. 
OHALA, John J. Phonetics and phonology then, and then, and now. IN: H. Quene & 
V. van Heuven (eds.), On speech and language: Studies for Sieb G. Nooteboom. 
LOT Occasional Series 2. p 133-140, 2004. Acessado do site do autor: 
http://linguistics.berkeley.edu/~ohala em 10/01/2012. 
OHALA, John J., HINTON, Leanne, NICHOLS, Johanna. Sound symbolism. 
Berkeley: Cambridge University Press, 2006. 
 
 
176 
ORTIZ, Karin Z.; CARRILLO, Luciane. Comparação entre as análises auditiva e 
acústica nas disartrias. IN: Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, V. 
13, n. 4, p. 325-331, 2008. 
PACHECO, Alberto J.V. Mudanças na prática vocal da escola italiana de canto: uma 
análise comparativa dos tratados de canto de Píer Tosi, Giambattista Mancini e 
Manuel P. R. Garcia. [dissertação] Campinas: Instituto de Artes da Universidade 
Estadual de Campinas, 2004. 
PERELLÓ, J., CABALLÉ, M., GUITART, E. Canto-dicción: foniatría estética. 2.ed. 
Col. Audiofoniatría y logopedia. Barcelona: Editorial Científico-Médica; 1982. 
PICCOLO, Adriana N. O canto popular brasileiro e a sistematização de seu ensino. 
IN: Anais do XV Congresso da ANPPOM, 2005. 
__________________. O Canto popular brasileiro: uma análise acústica e 
interpretativa. [dissertação] Rio de Janeiro: Escola de Música da Universidade 
Federeal do Rio de Janeiro, 2006. 
PINHO, Sílvia M.R, PONTES, Paulo. Músculos intrínsecos da laringe e dinâmica 
vocal. Série Desvendando os Segredos da Voz. Rio de Janeiro: Revinter, 2008. 
POUPART, Jean. A entrevista de tipo qualitativo: considerações epistemológicas, 
teóricas e metodológicas. IN: POUPART, Jean et al. Pesquisa qualitativa: enfoques 
epistemológicos e metodológicos. Petrópolis, RJ: Vozes, 2008. 
QUEIROZ, Alexei A. Canto popular: pensamentos e procedimentos de ensino na 
Unicamp. [dissertação] Campinas: Instituto de Artes da Universidade Estadual de 
Campinas, 2009. 
RADOMSKI, Teresa. Manuel Garcia (1805-1906): a bicentenary reflection. IN: 
Australian Voice, n. 11, p. 25-41, 2005. 
RAMIRES, Rossana R. et al. Tipologia facial aplicada à Fonoaudiologia: revisão de 
literatura. IN: Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, v. 15. n. 1, p. 140-
5, 2010. 
RATZERSDORF, Maria Elizabeth. O soprano ligeiro na ópera: sua arte e otimização 
de sua técnica. [dissertação] Campinas: Instituto de Artes da Universidade Estadual 
de Campinas, 2002. 
RIGGS, Seth. Singing with the stars: a complete program for training your voice. Van 
Nuys, CA: Alfred Publishing; 1985. 
ROUBEAU, Bernard et al. Laryngeal vibratory mechanisms: the notion of vocal 
register revisited. IN: Journal of Voice, v. 23, n. 4, p. 425-38, 2009. 
 
 
177 
RUBIM, Mirna. A voz do corpo: técnica vocal e técnica de Alexander. s/d. 
SALOMÃO, Gláucia L. Registros vocais no canto: aspectos perceptivos, acústicos, 
aerodinâmicos e fisiológicos da voz modal e da voz de falsete. [tese] São Paulo: 
Pontifícia Universidade Católica, 2008. 
SAMPAIO M, OLIVEIRA G, BEHLAU M. Investigação de efeitos imediatos de dois 
exercícios de trato vocal semi-ocluído. IN: Pró-Fono Revista de Atualização 
Científica. v. 20, n. 4, p. 261-6, 2008. 
SCHERER, Klaus R., BÄNZIGER, Tanja. Emotional expression in prosody: a review 
and an agenda for future research. IN: Speech Prosody International Conference, 
2004. 
SCHWARZ, Roberto. Nacional por subtração. IN: Que horas são? Ensaios. São 
Paulo: Cia. Das Letras, 1987. 
SCOZ, Beatriz. Histórias de aprendizagem: a objetividade e a subjetividade na 
formação de educadores e psicopedagogos. IN: SCOZ, Beatriz. (org.). (Por) uma 
educação com alma: a objetividade e a subjetividade nos processos de 
ensino/aprendizagem. Petrópolis, Rio de Janeiro: Editora Vozes; 2000. 
SEVERIANO, Jairo. Uma história da música popular brasileira: das origens à 
modernidade. São Paulo: Editora 34, 2008. 
SOUSA, Joana. M. O uso de metáforas como recurso didático no ensino do canto: 
diferentes abordagens. IN: Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, v. 15, 
n. 3, p. 317-328, 2008. 
STARK, J. Bel canto: a history of vocal pedagogy. Toronto: University of Toronto 
Press; 2003. 
SULLIVAN, Jan. The phenomena of the belt/pop voice: the technique for safely 
producing the vocal sounds of today. EUA: Publicação independente, 1985. 
SUNDBERG, Johan. The acoustics of the singing voice. IN: Scientific American, p. 
81-91; março de 1977. 
________________. The science of the singing voice. Northern Illinois University 
Press; 1987. 
________________. Phonatory vibrations in singers: a critical review. IN: Music 
Perception. v. 9, n. 3, p. 361-382, 1992. 
________________. Vocal fold vibration patterns and phonatory modes. IN: STL-
QPSR, v. 35, n. 2-3, p. 69-80, 1994. 
 
 
178 
SUNDBERG, Johan; ASKENFELT, Anders. Larynx height and voice source: a 
relationship? IN: Vocal folds physiology. California: College Hill Press, p. 307-316, 
1983. 
SUNDBERG, Johan; GU, Lide et al. Acoustical study of classical Peking opera 
singing. In : Journal of Voice, v. 26, n. 2, p. 137-143, 2012. 
TACUCHIAN, Ricardo. Música pós-moderna no final do século. IN: Pesquisa e 
Música – Revista do Conservatório Brasileiro de Música. v. 1, n. 2, p. 25-40, 1995 
TATIT, Luiz. A canção: eficácia e encanto. São paulo: Atual Editora; 1986. 
_________. O Cancionista: composição de canções no Brasil. São Paulo: Edusp, 
1995. 
__________. O século da canção. São Paulo: Ateliê Editorial; 2004. 
TERNSTRÖM, Sten. Choir Acoustics: An Overview of Scientific Research Published 
to Date. IN: Int J Res Choral Singing, v. 1, n. 1, p. 3-11. Disponível em 
www.choralresearch.org. Acessado em 19/04/2013. 
TETRAZZINI, Luisa, CARUSO, Enrico. Caruso and Tetrazzini on the art of singing 
/by Enrico Caruso and Luisa Tetrazzini. Nova Iorque: Dover, 1975. 
TITZE, Ingo R. Principles of voice production. EUA: Prentice Hall, 1994. 
__________. Voice training and therapy with a semi-occluded vocal tract: rational 
and scientific underpinnings. Journal of Speech Language Hearing Research, n. 49, 
p. 448-59, 2006 
__________. Nonlinear source-filter coupling in phonation: theory. IN: Journal of the 
Acoustic Society of America, v. 123, n. 5, p. 2733-2749, 2008. 
___________. Why do classically trained singers widen their throat?. IN: Journal of 
Singing, v. 69, n. 2, p. 177-178, 2012. 
TOSI, Pier F. Observations on the florid song; or sentiments on the ancient and 
modern songers. Trad. de Galliard. 2ed. Londres: Virgil’s Head, 1743. 
TRIVIÑOS, Augusto N. S. Introdução à pesquisa em ciências sociais: a pesquisa 
qualitativa em educação. 1ed. 18ª. reimpressão. São Paulo: Atlas, 2009. 
VACCARO, Riccardo. Caruso. Itália: Edizioni Scientifiche Italiane, 1995. 
VAN RIPER, Charles. An early history of ASHA. IN: ASHA Magazine, v. 23, n. 11, p. 
855-858. Disponível em: 
 
 
179 
http://www.mnsu.edu/comdis/kuster/vanriper/articles/hx/ashaearlyhx.html. Acessado 
em 10/01/2012. 
VENNARD, William. Singing: the mechanism and the technic. 5ed. Los Angeles: Carl 
Fischer; 1967. 
VIDAL, Mirna R. M. Pedagogia vocal no Brasil: uma abordagem emancipatória para 
o ensino-aprendizagem do canto. [dissertação] Rio de Janeiro: UNIRIO, 2000. 
VILLELA, Eliphas C. Fisiologia da voz – para uso das escolas de canto orfeônico e 
conservatórios no curso de canto. São Paulo: s.n., 1961. 
VURMA, Allan. Voice quality and pitch in singing: some aspects os perception and 
production. [tese] Tallinn: Estonian Academy of Music and Theatre Dissertations; 
2007. 
VURMA, Allan., ROSS, Jaan. Where is a singer voice if it is placed “forward”? IN: 
Journal of Voice, v. 16, n. 3, p. 383-391, 2002. 
WARE, Clifton. Basics of vocal pedagogy: the foundations and process of singing. 
EUA: McGraw-Hill, 2008. 
YANAGISAWA, E. Et al. The
Página1...454647484950