Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
218 pág.
metodologia cientifica

Pré-visualização | Página 41 de 47

A biblioteca pública, por sua vez, especializa-se no atendimento ao público. 
Seu objetivo é a educação extraescolar.
FONTE: MEDEIROS, João Bosco. Redação científica: a prática de fichamentos, resumos, 
resenhas. 9. ed. São Paulo: Atlas, 2007. p. 54-55.
170
 Neste tópico você viu que: 
• A função que as citações cumprem nos trabalhos acadêmicos.
• Os tipos de citação:
- diretas: transcrição literal das ideias do autor. Exigem a indicação do sobrenome 
do autor, ano e página. No texto, elas assumem dois formatos: 
- curtas: não ultrapassam três linhas e devem estar entre aspas.
- longas: ultrapassam três linhas, devem estar em fonte 10, sem aspas, com recuo 
de 4 cm da margem esquerda.
- indiretas: paráfrase das ideias do autor. Sua apresentação no texto exige apenas 
a indicação do sobrenome do autor e ano da obra.
• Os tipos de sistema para apresentação das citações nos trabalhos acadêmicos: o 
autor-data (adotado para fazer o paper) e o numérico.
RESUMO DO TÓPICO 1
171
1. Identifique e corrija o(s) erro(s) nas citações diretas.
a) “Administrar é uma arte, não é uma ciência. Como tal, é uma expressão de 
estilo individual.” (Brown e Werner apud Carvalho, 1990, p.18).
b) “Gestão de pessoas é um tema da maior importância. Primeiro, porque 
é no interior das empresas que passamos a maior parte de nossas vidas, e, 
segundo, porque as empresas podem ser tudo, mas nada serão se não houver 
pessoas a definir-lhes a visão e o propósito.” (VERGARA, 2003. P.9).
c) “As organizações necessitam adotar posturas mais flexíveis com relação às 
concepções sobre poder e influência, o que implica a adoção de estratégias 
compatíveis com o envolvimento e o engajamento dos trabalhadores 
possibilitando a valorização do potencial humano”, de acordo com KANAANE 
(1994 pág.25).
d) “Fique à vontade; não há razão para ficar nervoso”. De acordo com 
(RECTOR; TRINTA, 1993, p.6).
e) “A moda é um sistema que acompanha o vestuário e o tempo, que integra o 
simples uso das roupas no dia a dia.” Palomino (2003, p14 grifo nosso).
f) “Encontraremos contribuições que, se não justificam o título de inovadoras 
na forma de administrar uma organização, têm o mérito de chamar a atenção 
para aspectos vitais responsáveis pelo sucesso da empresa. Constituem temas 
obrigatórios de seminários e congressos de administração e estão presentes 
quase que diariamente em todos os meios de comunicação que se dedicam a 
empresas, negócios e administração.” (FERREIRA; REIS; PEREIRA; SOUZA, 
2002, p.3).
2. Elabore as citações a seguir. A indicação da autoria pode aparecer tanto no 
início quanto no término da citação, desde que respeitadas as normas para 
uso de citações. 
a) uma citação direta curta; 
b) uma citação direta longa;
c) uma citação de citação (apud);
d) citação direta curta de dois autores;
e) citação direta longa de três ou mais autores;
f) citação direta curta usando grifo meu ou grifo nosso;
g) citação direta longa usando omissão;
h) citação indireta.
AUTOATIVIDADE
Assista ao vídeo de 
resolução desta 
autoatividade
172
173
TÓPICO 2
REFERÊNCIAS
UNIDADE 3
1 INTRODUÇÃO
A Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT fixa as normas 
relativas às referências. A NBR 6023 (2002, p. 1) “fixa a ordem dos elementos das 
referências e estabelece convenções para transcrição e apresentação da informação 
originada do documento e/ou outras fontes de informação.”
A referência deve ser exata, precisa e completa. Trata-se de um conjunto de 
elementos descritivos, retirados de um documento, que permitem sua identificação 
individual. Portanto, como já comentamos, habitue-se a anotar os elementos que 
constam na ficha catalográfica, por exemplo. Esta é uma atitude que economiza 
tempo e evita que você tenha que retirar uma citação do texto por não conseguir 
referenciá-la.
A referência é formada de elementos essenciais [autor(es), título, edição, 
local, editora e data de publicação] indispensáveis à identificação de publicações 
mencionadas em qualquer trabalho, e de elementos complementares (por 
exemplo, a indicação do ISBN), que permitem caracterizar melhor as publicações 
referenciadas no mesmo. “Os elementos essenciais estão estritamente vinculados 
ao suporte documental e variam, portanto, conforme o tipo.” (NBR 6023, 2002, 
p. 2). No paper, você fará as referências apenas com os elementos essenciais, os 
quais podem apresentar algumas variações dependendo da fonte: se for um livro, 
uma revista, um jornal. Para continuar nossa conversa, observe atentamente o 
modelo a seguir, trata-se do modelo para referenciar livros e já nos oferece muitas 
informações importantes.
174
UNIDADE 3 | CITAÇÕES E REFERÊNCIAS
Antes de começarmos as orientações para elaboração dos diferentes 
materiais, é bom repetir que: os documentos citados no trabalho deverão 
obrigatoriamente constar em uma lista de referências inserida, geralmente, ao 
término deste, de forma a localizar facilmente o livro ou documento utilizado. 
Agora, você já sabe, ao acabar sua pesquisa na biblioteca ou em qualquer outro 
espaço, anote todos os dados das fontes consultadas. Passe essa dica para seus colegas 
também quando fizer trabalhos em grupos.
2 FONTES DE INFORMAÇÃO
Os elementos da referência devem ser retirados, sempre que possível, da 
folha de rosto e da ficha catalográfica, quando houver, que, em geral, se encontra 
no verso da folha de rosto.
Se você não sabe o que é uma ficha catalográfica, escolha um livro na 
sua casa ou na biblioteca e procure pela página que traz um quadro, como o que 
apresentamos a seguir:
Elementos essenciais Elementos complementares
SOBRENOME, Prenome. Título: subtítulo (se houver). Edição. Local: Editora, Ano. 
Número de páginas. Número do ISBN.
Marcuschi, Luiz Antônio. Da fala para a escrita: atividades de retextualização. 5. 
ed. São Paulo: Cortez, 2004. 133 p. ISBN 85-249-0771-1.
sobrenome em maiúsculas, prenome em maiúsculas e minúsculas
em negrito
sem negrito
só é indicada se não for a primeira
378
T656m Tomelin, Janes Fidélis
 Material instrucional / Janes Fidélis Tomelin e ...[et al.]. Indaial : 
 Uniasselvi, 2012. 
 125 p. : il
 
 
 ISBN 978-85-7830-564-2
 1. Ensino superior; 2. Educação à distância.
 I. Centro Universitário Leonardo da Vinci
 II. Núcleo de Ensino a Distância III. Título
UNI
TÓPICO 2 | REFERÊNCIAS
175
Veja, todos os dados de que você precisa para fazer a referência estão ali, 
mas se você não passar a observá-la, terá muitos problemas quando acabar o 
trabalho: voltar à biblioteca, torcer para o livro não ter sido emprestado etc. 
Conforme a NBR 6023 (2002, p. 3), as referências devem ser “[...] alinhadas 
somente à margem esquerda do texto e de forma a se identificar individualmente 
cada documento [...].” Além disso, a versão atualizada da NBR 14724 (2011, p. 10) 
orienta que “as referências, ao final do trabalho, devem ser separadas entre si por 
um espaço simples em branco.” Na prática, você terá uma lista de referências com 
as mesmas características a seguir:
Alinhamento à esquerda
Separadas entre si por um espaço simples
Em ordem alfabética
FIORIN, J. L. As astúcias da enunciação: as categorias de pessoa, espaço e tempo. 2. ed. São Paulo: 
Ática, 1999.
MACHADO, A. R. Resumo: leitura e produção de textos técnicos e acadêmicos. São Paulo: Parábola 
Editorial, 2004.
MEY, J. L. As vozes da sociedade: seminários de pragmática. Campinas, SP: Mercado de Letras, 
2001.
MACHADO, Anna Rachel; LOUSADA, Eliane; ABREU-TARDELLI, Lília Santos. Coleção leitura e 
produção de textos técnicos e acadêmicos: resumo.
Página1...373839404142434445...47