Prova_Linguagem_Comunicação_Revisão
4 pág.

Prova_Linguagem_Comunicação_Revisão


Disciplina<strong>linguaguem</strong>6 materiais9 seguidores
Pré-visualização2 páginas
Centro Universitário de Patos de Minas 
Disciplina: Linguagem e Comunicação 
Período e Turma: __________________________________________ 
Leia atentamente o texto a seguir para responder às questões de 1 a 4.
BBB e Narciso
Todos nós somos um pouco narcisistas, já dizia Freud. Uma das primeiras coisas que fazemos pela manhã é nos olhar no espelho. Na maioria das vezes, nos assustamos com o que vemos. Começa aí todo o processo de cuidar da aparência. Num grau de narcisismo menor, a pessoa vai apenas lavar o rosto, escovar os dentes e pentear o cabelo. Em graus maiores, não deixa nem o quarto sem aplicar uma maquiagem. Antes de sair de casa, mais uma olhadela no espelho. Na rua, até as vitrines das lojas servem para dar mais uma conferida no visual. Os vidros dos carros estacionados também servem. Vale tudo para cuidar da vaidade.
Muitos sabem o significado de narcisismo, mas poucos conhecem a história que deu origem à expressão. Na mitologia grega, Narciso, filho do deus Cefiso e da ninfa Liríope, teve previsto pelo oráculo que sua vida seria longa, DESDE QUE nunca olhasse para si mesmo. Quando jovem, porém, ao passar por um lago, ele acabou vendo seu reflexo na superfície da água. Na versão de Ovídio, na obra Metamorfoses, Narciso ficou à beira do lago contemplando sua beleza até definhar e acabou se transformando em uma flor, a que se deu o nome de narciso. Em outra versão do mito, encantado com a figura na água, pensando que era outra pessoa, debruçou-se para abraçá-la e acabou morrendo afogado.
Os mitos tinham, entre outras funções, o objetivo de servir de ensinamento sobre fatos da nossa vida. No caso, há um alerta sobre os perigos da vaidade excessiva. O nome Narciso vem da mesma raiz grega da palavra narcótico. Ou seja, o culto exagerado da nossa beleza pode nos deixar entorpecidos e esquecidos de tudo e de todos que estão ao nosso redor. O mais grave é se isso acontece na frente de milhões de pessoas.
O reality show Big Brother é o paraíso dos narcisistas. Nessa casa, com espelhos por todos os lados, os participantes deixam aflorar, no mais alto grau, seu lado eu-me-amo-não-posso-mais-viver-sem-mim, para lembrar uma música do &quot;Ultraje a Rigor&quot;. Eles não passam pelos espelhos sem dar uma olhada e dar um retoque no visual, com o acréscimo de que sabem que estão sendo assistidos. Eis um paradoxo interessante. Todo o narcisismo aplicado aqui é NÃO APENAS para si próprio, MAS TAMBÉM para os outros. Ao mesmo tempo, narcotizados que estão por ser o centro das atenções, esquecem que estão sendo julgados e estão pouco se importando com o que o público, ou melhor, a massa, vai pensar sobre sua conduta na casa.
Há, nos últimos BBB\u2019s, participantes acostumados a se exibir em público, SEJA posando para revistas femininas e masculinas, SEJA tirando a roupa na frente de uma webcam. MESMO sendo acostumados a serem julgados pelos outros, mal sabem os riscos que tal exposição na mídia pode oferecer a sua imagem. Quantas pessoas não perderam empregos devido a fotos de gosto duvidoso postadas em redes sociais na internet? Se conhecessem a história do ser mitológico, saberiam que ser tão popular não é tão positivo, pois, COMO já filosofaram os &quot;Engenheiros do Hawaii&quot;: \u201co pop não poupa ninguém\u201d. 
(PETRY, Cassionei Niches. Texto adaptado). 
1) Com que intenção o texto foi escrito? 
2) Preencha este quadro. Na coluna de coesão referencial, escreva o referente ao qual o termo ou expressão destacada faz alusão. Na coluna da coesão sequencial, diga o valor semântico do conector destacado. 
	Coesão referencial
	Coesão sequencial
	à expressão \u2013 
	DESDE QUE \u2013
	ele \u2013
	NÃO APENAS ... MAS TAMBÉM \u2013
	sua \u2013
	SEJA ... SEJA \u2013
	la \u2013
	MESMO \u2013
	isso \u2013
	COMO \u2013
3) Observe o conector até empregado nas duas situações a seguir: 
I. Na rua, até as vitrines das lojas servem para dar mais uma conferida no visual.
II. [...] Narciso ficou à beira do lago contemplando sua beleza até definhar [...].
Em ambas as situações, eles têm o mesmo valor semântico? Justifique. 
4. Para expor as suas ideias, o autor de \u201cBBB e Narciso\u201d, recorreu ao recurso da intertextualidade. Como se percebe a manifestação desse recurso no texto? 
Em textos jornalísticos, dá-se o nome de lead à informação que vem, geralmente em itálico, após o título do texto. Leia este fragmento de texto e observe o lead para responder às questões 5 e 6.
	
MARINALVA DIZ QUE FACA FEZ ELA NÃO DISCUTIR COM MARCOS
Atleta paralímpica afirmou que sentiu medo do médico durante passagem pelo \u201cMais Você\u201d
Eliminada do &quot;BBB17&quot;, Marinalva esteve no &quot;Mais Você&quot; nesta segunda-feira (10). No programa, a atleta paralímpica reviu cenas de sua briga com Marcos e afirmou que não enfrentou o gaúcho no confinamento por medo. &quot;Tinha uma faca. Ele estava cortando melancia. E eu olhei para aquilo e pensei: 'não vou questionar nada'. Eu me assustei&quot;, afirmou. &quot;Fiquei com medo&quot;, acrescentou.
Marinalva explicou o motivo de ter interferido depois de Marcos encurralar Emilly no confinamento. &quot;Percebi que tinha algo ali muito pesado. Só não percebi a gravidade&quot;, disse. A ex-BBB, aliás, afirmou que interferiu para amenizar a situação. &quot;Me coloquei no lugar dela (Emilly). Embora eu tenha os meus problemas com ela, eu não queria estar naquela situação. [...]. 
(Disponível em: <https://diversao.terra.com.br/tv/uma-faca-explica-marinalva-do-bbb17-sobre-nao-questionar-marcos-em-riga,1d2b40de1f7f74bc121ac6a90dbb0048f74vp44q.html>. 
5. O lead acima é ambíguo. Por quê? 
6. Reescreva o lead acima de modo que fique explícita a intenção do jornalista. 
7. Reordene os períodos a seguir de tal maneira que formem um texto coeso e coerente. 
( ) Pessoas narcisistas costumam usar os outros como instrumento para construir e para manter a sua autoimagem desejada.
( ) Você com certeza conhece muita gente extrovertida, que curte ser o centro das atenções e que parece querer mais cultivar uma base de fãs e seguidores do que fazer amigos de fato.
( ) Apesar de soar como algo negativo, isso funciona para conquistar as pessoas \u2013 e é por isso que é tão comum ver essa gente cercada de admiradores por aí.
( ) As redes sociais são um campo fértil para esse tipo que os psicólogos chamam de narcisista.
( ) Com o tempo, a autoconfiança e o carisma dos narcisistas deixam de promover novas amizades \u2013 ou mesmo de fortalecer aquelas que já haviam sido criadas. 
( ) Mas nem tudo são flores para os narcisistas.
A sequência correta é a seguinte: ______/______/______/______/______/______
8) Leia atentamente o texto a seguir observando as relações semânticas entre as ideias. A seguir, complete as lacunas com os conectores adequados.
Quantos copinhos descartáveis você usa por dia? Perdeu as contas? _______ comece já a reduzir a quantidade. _________ estudo da Universidade Federal de Alfenas, em Minas Gerais, o plástico é o resíduo sólido urbano menos reciclado em todo o mundo. Aqui no Brasil, o índice de reciclagem não passa de 20%. E os outros 80%? O destino são os aterros, onde o plástico demora de 200 a 1000 anos para se decompor. Isso se dá ________ o plástico comum é um material sintético feito a partir de derivados do petróleo. ________ é uma novidade criada pelo homem, nunca fez parte do cardápio de nenhum micro-organismo capaz de digeri-lo.  Deu para perceber a gravidade? Todos os copinhos ou até canudos que você já usou durante toda a vida ainda estão por aí, sabe-se lá onde. ________ um relatório do Programa Ambiental da ONU, os produtos plásticos, ________ garrafas, sacos, embalagens de comida, copos e talheres, formam a maior parte do lixo encontrado no oceano. Em algumas regiões, esse elemento corresponde a 80% do lixo marinho. Uma boa opção são os copos biodegradáveis, que se decompõem 20 vezes mais rápido que o sintético, _________ custam