A aceleração no movimento uniformemente variado
9 pág.

A aceleração no movimento uniformemente variado


DisciplinaFísica51.505 materiais1.903.789 seguidores
Pré-visualização1 página
Física 
 
 
 
 
A ACELERAÇÃO NO MOVIMENTO 
UNIFORMEMENTE VARIADO 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
1 
 
Sumário 
 
Introdução .................................................................................................................................... 2 
 
Objetivo......................................................................................................................................... 2 
 
1. A aceleração .......................................................................................................................... 2 
1.1. Definição da aceleração ............................................................................................... 2 
1.2. Equação da aceleração ................................................................................................ 3 
1.3. Comportamento no MUV ............................................................................................. 3 
1.4. Aceleração positiva ...................................................................................................... 4 
1.5. Aceleração negativa ..................................................................................................... 5 
 
Exercícios ...................................................................................................................................... 6 
 
Gabarito ........................................................................................................................................ 6 
 
Resumo ......................................................................................................................................... 7 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
2 
 
Introdução 
Nesta apostila você conhecerá a aceleração no movimento uniformemente 
variado. Assim, poderá analisar o que está ocorrendo durante o movimento, além 
disso, entender sobre as fórmulas que poderemos usar para que seja calculada a 
aceleração. 
Você também conhecerá os gráficos da aceleração e observará que ela pode 
ser negativa ou positiva. 
Objetivo 
\u2022 Definir da aceleração na física. 
\u2022 Discutir o sinal da aceleração. 
 
1. A aceleração 
1.1. Definição da aceleração 
A física tem o papel de exemplificar fenômenos que são recorrentes no dia-a-
dia. Dessa forma, são usadas algumas fórmulas matemáticas com o objetivo de 
tentar resolver os problemas. Existe um fenômeno, o movimento uniformemente 
variado, que é caracterizado pela presença de uma aceleração constante. 
Ser constante significa ter o mesmo valor durante todo o tempo. Outro ponto 
importante a ser comentado refere-se ao fato de nunca ser igual a zero nesse 
movimento. 
Na imagem a seguir você pode perceber um corpo com aceleração, pois sai 
do repouso para iniciar a corrida. 
 
1 
Corpos em movimento, com a \u2260 0. 
 
3 
 
1.2. Equação da aceleração 
A aceleração é a taxa de variação da velocidade em função do tempo: 
0
v
a
t
v v
a
t
\uf044
=
\uf044
\u2212
=
\uf044
 
 
1.3. Comportamento no MUV 
Como já definimos a aceleração é constante e diferente de zero no 
movimento uniformemente variado. Com isso temos o seguinte comportamento 
gráfico: 
2 
Gráfico aceleração versus tempo no MUV. 
 
Podemos analisar o gráfico anterior observando primeiro a linha azul onde a 
aceleração é constante e positiva. A linha verde nos mostra uma aceleração 
constante também, porém negativa. 
 
 
 
 
 
4 
 
1.4. Aceleração positiva 
A aceleração positiva (a > 0) tem como consequência sempre aumentar a 
velocidade. 
Uma aceleração constante e positiva vai dar acréscimos iguais em intervalos 
de tempo iguais para a velocidade. 
 
O comportamento gráfico é uma reta constante: 
3 
Gráfico a x t, para a > 0. 
 
Denotamos esse movimento como acelerado, onde a velocidade aumenta 
com o passar do tempo (gráfico a seguir). 
 
4 
Gráfico v x t, para a > 0. 
 
 
 
 
 
5 
 
1.5. Aceleração negativa 
A aceleração negativa (a < 0) tem como consequência sempre diminuir a 
velocidade. 
Uma aceleração constante e negativa vai dar decréscimos iguais em 
intervalos de tempo iguais para a velocidade. 
O comportamento gráfico é uma reta constante: 
 
5 
Gráfico a x t, para a < 0. 
 
Denotamos esse movimento como retardado, onde a velocidade diminui 
com o passar do tempo (gráfico a seguir). 
 
6 
Gráfico v x t, para a < 0. 
 
Muitos exemplos estão presentes em nosso dia a dia. 
 
6 
 
Para um movimento acelerado (a > 0) podemos citar um carro ou qualquer 
veículo que está saindo do repouso. E para um movimento retardado (a < 0) 
qualquer veículo que está numa frenagem constante. 
Exercícios 
1) (Autor, 2019) Um carro consegue atingir a velocidade de 120 m/s em 10 
s. Sabendo que o carro está em MUV e que parte do repouso, encontre a aceleração 
feita pelo motorista desse carro para atingir essa velocidade. 
 
2) (Autor, 2019) Um carro está em movimento com a velocidade de 100 
m/s. Em um certo instante o carro precisa frear até parar. Sabendo que o carro está 
em MUV e que sua aceleração está descrita no gráfico abaixo, encontre o tempo que 
este carro demora para chegar ao repouso. 
 
 
Gabarito 
1) 
v
a
t
\uf044
=
\uf044
 
0
0
v v
a
t t
\u2212
=
\u2212
 
120 0
10 0
a
\u2212
=
\u2212
 
212 /a m s=
 
 
 
2) 
v
a
t
\uf044
=
\uf044
 
0
0
v v
a
t t
\u2212
=
\u2212
 
0 100
8
t
\u2212
\u2212 =
\uf044
 
100
8
t
\u2212
\uf044 =
\u2212
 
12,5t\uf044 =
 
 
 
7 
 
 Resumo 
Nesta apostila estudamos a aceleração no movimento uniformemente 
variado. Assim, foi possível analisar o comportamento dela nesse tipo de movimento 
e suas consequências. 
Você também conheceu os gráficos da aceleração, e pôde observar que nesse 
movimento, a aceleração pode ser negativa ou positiva, resultando num movimento 
retardado ou acelerado. 
 
 
 
8 
 
Referências bibliográficas 
Física, volume 1 (Ensino médio). Ricardo Helou Doca, Gualter José Biscuola, Newton Villas Bôas. 1.ed. São Paulo: 
Saraiva, 2010. 
Referências imagéticas 
www.thenounproject.com 
www.pexels.com