A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
Gestão orçamentária e financeira - questionário 2

Pré-visualização | Página 1 de 2

Iniciado em segunda, 28 Out 2019, 23:48 
Estado Finalizada 
Concluída em terça, 29 Out 2019, 00:39 
Tempo empregado 51 minutos 8 segundos 
Notas 10,00/10,00 
Avaliar 25,00 de um máximo de 25,00(100%) 
Questão 1 
Correto 
Atingiu 1,00 de 1,00 
Marcar questão 
Texto da questão 
As emendas são prerrogativas constitucionais que o Poder Legislativo detém para 
aperfeiçoar as propostas dos instrumentos de planejamento e orçamento elaborados pelo 
Poder Executivo. A emenda é instrumento essencial do Poder Legislativo para influenciar a 
alocação de recursos públicos. Sobre esse assunto, julgue as proposições abaixo: 
O orçamento é formalizado como lei ordinária, logo sua 
aprovação se dá por maioria simples dos parlamentares. 
Resposta 1
Verdadeira 
Para que sejam aprovadas, as emendas devem guardar 
compatibilidade com o Plano Plurianual e Lei de Diretrizes 
Orçamentárias vigentes e indicarem os recursos necessários 
para fazer frente às despesas porventura criadas. 
Resposta 2
Verdadeira 
Reestimativa de receita por parte do Poder Legislativo só será 
admitida se comprovado erro ou omissão de ordem técnica ou 
legal. 
Resposta 3
Verdadeira 
Feedback 
Sua resposta está correta. 
Conforme a CF/88, as emendas ao orçamento devem guardar compatibilidade com o PPA 
e a LDO, sendo que emenda com reestimativa de receita só será admitida se comprovado 
erro ou omissão de ordem técnica ou legal. As leis orçamentárias são leis ordinárias pois a 
CF/88 não exigiu rito especial para sua aprovação. 
Questão 2 
Correto 
Atingiu 1,00 de 1,00 
Marcar questão 
Texto da questão 
A respeito da etapa de controle e avaliação do orçamento, especialmente no que tange ao 
controle externo da execução orçamentária, assinale a opção incorreta: 
Escolha uma: 
a. Os cidadãos são partes legítimas para denunciar irregularidades ou ilegalidades 
perante o Tribunal de Contas da União. 
b. O Congresso Nacional não é responsável por julgar as contas dos administradores de 
recursos públicos. 
c. O TCU pode aplicar sanções pecuniárias a agentes públicos responsáveis por atos 
ilícitos ou irregulares. 
d. O TCU pode apurar e punir infrações que configurem ilícitos criminais no âmbito da 
Administração Pública. 
Feedback 
Sua resposta está correta. 
O TCU é um tribunal administrativo e, nesse sentido, só é competente para apurar e 
sancionar ilícitos administrativos. Fatos que configurem ilícitos penais (criminais) devem 
ser apurados e julgados pelo Poder Judiciário. 
Questão 3 
Correto 
Atingiu 1,00 de 1,00 
Marcar questão 
Texto da questão 
Acerca da etapa de discussão e aprovação do orçamento, assinale a opção incorreta: 
Escolha uma: 
a. Exige-se, para a aprovação de emendas que acrescentem despesas a projeto de lei 
orçamentária anual, a indicação dos recursos necessários para custeá-las, que podem 
provir, por exemplo, da anulação de alguns tipos de despesas. 
b. A votação e aprovação do projeto de lei orçamentária é realizada pelo Poder 
Legislativo. 
c. É imprescindível que a emenda a projeto de lei do orçamento anual que o modifique 
seja compatível com o plano plurianual (PPA) e com a lei de diretrizes orçamentárias 
(LDO). 
d. A peça orçamentária enviada pelo Poder Executivo precisa ser aprovada nos mesmos 
moldes pelo Poder Legislativo, ou deve ser recusada, ou seja, não são admitidas 
emendas. 
Feedback 
Sua resposta está correta. 
A peça orçamentária enviada pelo Poder Executivo pode sofrer alterações (emendas) no 
âmbito do Poder Legislativo, conforme regras constitucionais vistas em nossa aula. 
Reveja-as em caso de dúvida. 
Questão 4 
Correto 
Atingiu 1,00 de 1,00 
Marcar questão 
Texto da questão 
Dada a importância da integração entre planejamento e orçamento para o bom 
funcionamento da administração pública, é previsto na Constituição Federal um ciclo de 
planejamento e execução do plano orçamentário integralmente constituído pelo PPA, LDO 
e LOA. A esse respeito, julgue as proposições abaixo: 
O Poder Legislativo detém a prerrogativa de aprovar e 
controlar a execução orçamentária realizada pelo Poder 
Executivo. 
Resposta 1
Verdadeira 
O Poder Judiciário não participa da elaboração do 
orçamento. 
Resposta 2
Falsa 
O ciclo orçamentário envolve interação entre os Poderes 
Executivo e Legislativo principalmente. 
Resposta 3
Verdadeira 
Feedback 
Sua resposta está correta. 
O ciclo orçamentário envolve interação entre os Poderes Executivo e Legislativo 
principalmente, com auxílio do Poder Judiciário, que elabora sua proposta e encaminha ao 
Executivo para fins de consolidação. O Poder Legislativo aprova e fiscaliza a execução 
orçamentária realizada pelo Executivo (controle externo). 
Questão 5 
Correto 
Atingiu 1,00 de 1,00 
Marcar questão 
Texto da questão 
O ciclo orçamentário é definido como um processo contínuo, dinâmico e flexível, em que 
são avaliados os aspectos físicos e financeiros dos programas do setor público. A esse 
respeito, assinale a opção correta. 
Escolha uma: 
a. O processo orçamentário se inicia antes do ano civil a que se refere o orçamento, mas 
se encerra em 31 de dezembro. 
b. O ciclo orçamentário corresponde à execução orçamentária. 
c. O processo orçamentário tem duração de um ano civil, conforme a lei. 
d. A duração do ciclo orçamentário é superior a um exercício financeiro, ou seja, o ciclo 
orçamentário não coincide com o ano civil. 
Feedback 
Sua resposta está correta. 
O ciclo (ou processo) orçamentário não se confunde com o exercício financeiro. Aquele 
envolve um período muito maior, antes e depois do ano a que se refere, iniciando com o 
processo de elaboração do orçamento, passando por discussão, execução e 
encerramento com o controle. 
Questão 6 
Correto 
Atingiu 1,00 de 1,00 
Marcar questão 
Texto da questão 
Avalie as proposições abaixo no que se refere às competências do Tribunal de Contas da 
União. 
 
O TCU é competente para apreciar a legalidade de 
determinados atos de admissão de pessoal na administração 
pública, bem como de concessão de aposentadorias, reformas 
e pensões. 
Resposta 1
Verdadeira 
O TCU é competente para promover auditorias e inspeções 
sobre gastos públicos de forma geral (convênios, contratos, 
obras públicas, renúncias de receitas, execução financeira e 
orçamentária, políticas e programas públicos, concessões de 
serviços públicos etc.). 
Resposta 2
Verdadeira 
O TCU é competente para apurar prejuízos causados ao erário 
por meio de tomadas de contas especiais. 
Resposta 3
Verdadeira 
Feedback 
Sua resposta está correta. 
Todas as competências acima pertencem ao Tribunal de Contas da União nos termos da 
CF/88, art. 71, conforme vimos em nossa aula. 
Questão 7 
Correto 
Atingiu 1,00 de 1,00 
Marcar questão 
Texto da questão 
O processo orçamentário é o ciclo por meio do qual se processam as atividades típicas de 
orçamento público, desde a concepção ao controle de sua execução. É um processo 
contínuo, dinâmico por meio do qual as instâncias planejam, elaboram, aprovam, 
executam, controlam e avaliam a programação de despesas do setor público. Assinale a 
opção correta: 
Escolha uma: 
a. Cada ciclo orçamentário é estanque e independente, não havendo meios ou tempo 
suficiente para que as conclusões da fase de avaliação e controle alimentem os ciclos 
orçamentários seguintes. 
b. Na União, o órgão responsável pela elaboração do orçamento federal é a Secretaria de 
Orçamento Federal (SOF), do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e 
Gestão. 
c. Em geral, a proposta de orçamento pode ser objeto de emendas (ajustes nas despesas, 
realizados no Legislativo), mas a Constituição Federal não impõe

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.