A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
96 pág.
Tarefas

Pré-visualização | Página 1 de 22

Rede e-Tec Brasil1
Educação, sociedade e 
trabalho: abordagem 
sociológica da educação
Ricardo Gonçalves Pacheco
Erasto Fortes Mendonça
Cuiabá - MT
2012
UFMT
Brasil. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica.
B823 Educação, sociedade e trabalho: abordagem sociológica da educação / Ricardo 
 Gonçalves Pacheco e Erasto Fortes Mendonça, – 4. ed. atualizada e revisada 
 – Cuiabá: Universidade Federal de Mato Grosso / Rede e-Tec Brasil, 2012.
 
 96 p. : il. – (Curso técnico de formação para os funcionários da educação. 
 Profuncionário; 5)
ISBN 85-86290-56-4
 1. Educação. 2. Sociedade. 3. Trabalho. 4. Formação profissional. 
 I. Pacheco, Ricardo Gonçalves. II. Mendonça, Erasto Fortes. III Título. IV. Série.
2012 CDU 377
Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP)
Presidência da República Federativa do Brasil
Ministério da Educação
Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica
Diretoria de Integração das Redes EPT
© Este caderno foi elaborado em parceria entre o Ministério da Educação e a 
Universidade Federal de Mato Grosso para a Rede e-Tec Brasil.
Equipe de Elaboração
Universidade Federal de Mato Grosso – UFMT
Coordenação Institucional
Carlos Rinaldi
Coordenação de Produção de Material Didático Impresso
Pedro Roberto Piloni
Designer Educacional
Gelice Maria Lemos do Prado 
Designer Master
Marta Magnusson Solyszko
Ilustração
Tati Rivoire
Diagramação
Verônica Hirata
Revisão de Língua Portuguesa
Livia de Sousa Lima Pulchério Monteiro
Projeto Gráfico
Rede e-Tec Brasil/UFMT
Rede e-Tec Brasil5
Apresentação Rede e-Tec Brasil
Prezado estudante,
Bem-vindo à Rede e-Tec Brasil!
Você faz parte de uma rede nacional pública de ensino, a Rede e-Tec Brasil, instituí-
da pelo Decreto nº 7.589/2011, com o objetivo de democratizar o acesso ao ensino 
técnico público, na modalidade a distância. O programa é resultado de uma parceria 
entre o Ministério da Educação, por meio da Secretaria de Educação Profissional e 
Tecnológica (Setec), as universidades e escolas técnicas estaduais e federais.
A educação a distância no nosso país, de dimensões continentais e grande diversida-
de regional e cultural, longe de distanciar, aproxima as pessoas ao garantir acesso à 
educação de qualidade, e promover o fortalecimento da formação de jovens morado-
res de regiões distantes, geograficamente ou economicamente, dos grandes centros.
A Rede e-Tec Brasil leva os cursos técnicos a locais distantes das instituições de ensi-
no e para a periferia das grandes cidades, incentivando os jovens a concluir o ensino 
médio. Os cursos são ofertados pelas instituições públicas de ensino e o atendimento 
ao estudante é realizado em escolas-polo integrantes das redes públicas municipais e 
estaduais.
O Ministério da Educação, as instituições públicas de ensino técnico, seus servidores 
técnicos e professores acreditam que uma educação profissional qualificada – inte-
gradora do ensino médio e educação técnica – é capaz de promover o cidadão com 
capacidades para produzir, mas também com autonomia diante das diferentes di-
mensões da realidade: cultural, social, familiar, esportiva, política e ética.
Nós acreditamos em você!
Desejamos sucesso na sua formação profissional!
Ministério da Educação
Março de 2012
Nosso contato
etecbrasil@mec.gov.br
Rede e-Tec Brasil7
Prezado estudante:
Você, funcionário de escola pública, está cursando o 
Profuncionário, um curso profi ssionalizante de ensino 
médio a distância que vai habilitá-lo a exercer, como téc-
nico, umas das profi ssões da educação escolar básica. Esta 
é a quinta de seis disciplinas da Formação Pedagógica. Nes-
ta quinta disciplina, dedicada à compreensão das relações 
entre sociedade, educação e o mundo do trabalho, você 
encontrará o texto-base, as gravuras, os atalhos para a 
internet, as informações complementares e as atividades 
para a refl exão e para o registro em seu memorial. 
Ao fi m de cada unidade, há uma lista de referências que pode 
complementar os seus estudos sobre as conquistas e as lutas dos tra-
balhadores em defesa da educação pública, gratuita, obrigatória e 
democrática. 
Vamos relembrar o que você sabe e já estudou e acrescentar uma 
refl exão sobre as inovações tecnológicas, as mudanças econômicas 
ocorridas nas últimas décadas, as infl uências no trabalho humano, na 
sociedade e o papel da educação em todo esse processo. Este curso 
pretende oferecer subsídios para que você possa participar e qualifi car-se 
melhor para o desempenho de tarefas educativas no local de trabalho e 
discutir o signifi cado do fazer profi ssional dentro da escola, contribuin-
do, assim, para a formação de nossas crianças, adolescentes e adultos. 
Ricardo Gonçalves Pacheco
Erasto Fortes Mendonça
Mensagem dos professores-autores 
Rica
rd
o 
Era
sto
Rede e-Tec Brasil9
Apresentação da Disciplina
O mundo passa por um processo de transformações muito rápidas 
que foram inauguradas há poucas décadas. A revolução tecnológica, 
com a introdução, em escala crescente, da informática, da robótica, 
das experimentações genéticas, das telecomunicações, tem mudado 
bastante a vida das pessoas. 
Essas mudanças também afetam a forma como o homem produz os 
bens necessários à sua sobrevivência. As conquistas científicas, infeliz-
mente, não são apropriadas por toda a humanidade. Essas inovações 
são aplicadas no processo produtivo e estão substituindo boa parte 
da mão de obra que era utilizada na fabricação de produtos indus-
trializados, na agricultura, na prestação de serviços e em uma série de 
atividades cuja presença do trabalho humano antes era imprescindível 
e agora se torna descartável. 
Isso tem causado o aumento das desigualdades sociais. O número 
de desempregados aumenta e soma-se a milhões de seres humanos 
que passam fome, são vitimados por doenças que poderiam ser con-
troladas, não têm habitação, são analfabetos, não têm acesso a uma 
assistência médica de qualidade, sofrem com a devastação ambiental 
e passam por uma série de privações, enquanto alguns poucos afortu-
nados gozam dos benefícios da modernidade.
O Brasil é um bom exemplo dessas contradições. O nosso país, por um 
lado, detém tecnologias de ponta na fabricação de aviões, na produ-
ção do aço, no desenvolvimento de tecnologias agrícolas, e, por ou-
tro, ainda não conseguiu sanar problemas elementares como a fome, 
a miséria, a falta de educação e saúde de qualidade para a maioria. 
O propósito da presente disciplina é justamente este: fazer com que 
você compreenda como se formou a sociedade em que vive e instigá-
-lo a tomar partido, seja pela conservação dessa sociedade, seja pela 
sua transformação. 
Educação, sociedade e trabalho: abordagem sociológica da educaçãoRede e-Tec Brasil 10Rede e-Tec Brasil
Para isso, estruturamos a disciplina em cinco unidades. Na primeira, 
retrocedemos aos séculos XVIII e XIX para compreender as revoluções 
Industrial e Francesa, analisando suas contribuições para transformar 
a sociedade em um grupo mais complexo. Também veremos como 
surgiu a Sociologia, ciência que busca estudar a organização social. 
Na segunda unidade, apresentamos duas formas de analisar essa so-
ciedade construída no rastro das revoluções Francesa e Industrial. A 
primeira delas é o funcionalismo que visa à sua conservação; a segun-
da, o materialismo dialético, que busca a sua transformação. 
Na terceira unidade, demonstramos como a visão conservadora da 
sociedade se expressou em diversas maneiras de interpretar a rela-
ção entre a educação e a sociedade. Assim, você conhecerá a visão 
conservadora de educação em Durkheim, a Escola Nova e a Teoria do 
Capital Humano.
Na quarta unidade, apresentamos as visões transformadoras que bus-
cam superar a sociedade