ECONOMIA 2 djss
23 pág.

ECONOMIA 2 djss

Pré-visualização6 páginas
RESUMO E QUESTÕES SOBRE O LIVRO: 
TEORIA E PRATICA NO BRASIL 
As falhas de mercados 
Nas falhas de mercados, mostra-nos que para melhorar um benéfico é preciso atingir todos os outros e por isso ouvimos que uma economia em que firmas operem livremente funciona melhor do que uma economia com atuação do governo. 
Bens Públicos 
Bens públicos são consumos individuais, ou em grupo social onde todos indivíduos pode usufruir sem prejudicar o consumo de outra pessoa, o que é diferente do bem privado, pois no privado, se um individuo estiver se beneficiando de um bem, outra pessoa não pode usufruir. 
A existência de Monopólios Naturais 
Na existência de monopólios naturais diz que existem varias empresas que produz o mesmo bem, com isso, o custo unitário diminui enquanto o custo de produção fica maior e o governo pode intervir regulamentando os monopólios naturais ou produzindo esses bens e serviços.
 As externalidades 
Caso em que a ação dos indivíduos ou empresas afetam direta ou indiretamente outros agentes do sistema econômico. Elas são divididas em externalidades positivas e negativas, as negativas justificam a intervenção do Estado através de multas, regulamentação de atividades, impostos, fiscalização entre outras. 
Os mercados incompletos 
Um mercado é considerado incompleto quando um bem ou serviço não é ofertado, mesmo com seu preço de produção abaixo do que os consumidores estejam dispostos a pagar, esta falha ocorre porque o setor produtivo não é capaz de produzir ou investir nas atividades, correr riscos. Nestes casos é 5 
necessária a intervenção do Estado para apoiar e coordenar com planejamento e oferta de credito. 
As falhas de informação
Neste caso, a intervenção do Estado é em função do mercado não fornecer informações para que os consumidores tomem suas decisões com coerência. O Estado intervêm com legislação que imponha uma maior transparência do mercado, favorecendo todos os agentes do sistema financeiro. 
O relacionamento entre as falhas de mercado 
Uma situação antipoluição que vise a melhoria do ar atmosférico, que acaba criando uma externalidade positiva, com isso traz benefícios para a sociedade. Outra situação seria que o individuo da sociedade tem acesso de forma homogênea a um ar mais limpo, não a rivalidade no consumo, sendo assim o ar limpo também constitui um bem publico. 
As razoes para a existência do governo 
Em primeiro, a operação do sistema necessita uma proteção e uma estrutura legal implementada pelo governo. Em segundo, a existência de bens público e externalidades, por exemplo , da origem a falhas no sistema de mercado, que levam a necessidade de soluções através do setor publico. Em terceiro, o livre funcionamento do sistema não garante o nível de emprego a estabilidade dos preços e a taxa de crescimento do PIB. Sendo assim, a ação do governo é fundamental para assegurar esses objetivos. 
Os objetivos da politica fiscal e as funções do governo 
A ação do governo abrange três funções básicas. A função alocativa, que diz respeito ao fornecimento de bens públicos. A função distributiva, que esta associada a ajustes na distribuição de renda que é considerada a justa pela sociedade. A função estabilizadora tem como objetivo a estabilidade dos preços e a obtenção de uma taxa apropriada de crescimento econômico. 
Função alocativa 
Quando o Governo identifica uma falta no atendimento ao povo, um hospital necessitando de verba para continuar operando, o Governo estabelece 6 
um valor para suprir as necessidades, redireciona seus recursos de capital, onde mais a falta para com isso consiga sanar as lacunas. 
Função distributiva 
Cabe ao Governo promover uma distribuição justa, capitados do trabalho serviços, terra e capital; Onde o Governo coloca seus recursos em uma área mais específica, onde há maior necessidade, como cestas básicas, moradia, hospital, tudo que o povo mais necessita. 
Função estabilizadora 
Essa função é quando o Estado se preocupa com a economia, busca uma economia mais estável reduzindo o desemprego, as taxas de juros (SELIC), aumento do PIB (Produto interno bruto).
......................................
QUESTÕES 
Tópico: as falhas do mercado 
1. Questão 
É frequente ouvirmos a tese de que o setor privado é o mais eficiente do que o governo. Nas economias capitalistas, essa tese é compartilhada por uma parte expressiva da sociedade; 
Segundo a teoria tradicional do bem-estar social, sob certas condições, os mercados competitivos geram uma alocação se recursos que se caracteriza pelo fato de que é impossível promover uma realocação de recursos de tal forma que aumente aeu grau de satisfação. 
A cima temos uma visão idealizada do sistema de mercado; 
Quais as circunstâncias conhecidas como falhas de mercado? 
I) A existência de bens públicos. 
II) A falha de competição que reflete na existência de monopólios. 
III) As externalidades. 
IV) Os mercados incompletos e falhe de informação. 
V) A ocorrência de desemprego e inflação. 
De acordo com as alternativas a cima selecione a correta: 
a) I e III 
b) IV e V 
c) I, II e III 
d) todas as alternativas. <\u2014 8 
Tópico: A existência de bens públicos 
2. Questão 
Os bens públicos são aqueles cujo consumo é indivisível; 
Em outras palavras, o seu consumo por parte de um individuo ou e um grupo social não prejudica o consumo do mesmo bem pelos demais integrantes da sociedade. 
São exemplos de bens públicos: bens tangíveis e intangíveis. 
A respeito de bens intangíveis, podemos citar: 
I) Justiça 
II) Iluminação pública 
III) Segurança publica 
IV) Segurança armada 
V) Defesa nacional 
Selecione a alternativa correta: 
a) I e II 
b) I, III e V <\u2014 
c) II e V 
d) I, II e III 9 
Tópico: a existência de monopólios naturais 
3. Questão 
Existem setores cujo processo produtivo caracteriza-se pelos retornos crescentes da escala. 
Uma grande quantidade de empresas operando no mesmo setor implicaria em um nível de produção muito baixo; Para ser mais eficiente a existência de apenas uma empresa seria o suficiente. 
Alternativamente, o governo pode responsabilizar-se diretamente pela ______ do bem ou serviço referente ao setor caracterizado pelo monopólio natural. 
a) Intervenção 
b) Produção <\u2014 
c) Legalização 
d) Compra
Questões
 
Qual das funções do Orçamento Público está relacionada a utilização total da economia, incluindo a oferta de bens públicos , podendo criar incentivos para desenvolver mais certos setores em relação a outros?
 
A) Função Alocativa
B) Função Distributiva
C) Função Estabilizadora
D) Todas as funções, já que o texto se refere a base do Orçamento Público.
 
Correta: A \u2013 Alocativa
 
Na função Distributiva existem vários meios para a promoção da melhoria da distribuição de renda, com educação, mobilidade social, estrutura de mercado, legislações e políticas econômicas. Quais das alternativas abaixo não se refere a uma forma de distribuição de renda pública:
a) Programas de transferência de renda;
b) Programas de Subsídios a setores econômicos
c) Tributação de famílias de renda elevada a fim de subsidiar as de renda mais baixa
d) Promover ajustamentos na alocação dos recursos
 
Correta: D
 
 
O Governo decide reduzir aa taxa básica de juros afim de atrair mais investidores ao país. Essa prática se refere a qual Função?
a) Estabilizadora 
b) Distributiva
c) Alocativa
Correta: A
QUESTÕES
QUESTÃO 1 - Externalidades
As externalidades são os efeitos colaterais da produção de bens ou serviços sobre outras pessoas que não estão diretamente envolvidas com a atividade. Em outras palavras, as externalidades referem-se ao impacto de uma decisão sobre aqueles que não participaram dessa decisão. (http://www.licenciamentoambiental.eng.br/conceito-de-externalidades/)
São comuns os casos em que a ação de um indivíduo ou de uma empresa afeta direta ou indiretamente outros agentes do sistema econômico. (livro: teoria das finanças públicas, p. 6)
Com base no texto e no
Aurora
Aurora fez um comentário
Bjsbsjdn
1 aprovações
Daiane
Daiane fez um comentário
....
1 aprovações
Carregar mais