Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
S urinario 1

Pré-visualização | Página 1 de 1

S. Urinario.
PARTICULARIDADES DAS SPP.
Caninos – Tem formato de 
feijão e o direito é mais cranial “escondido pelo fígado”.
Suínos – Tbm formato de feijão, porem um pouco esticado e achatado dorsoventralmente.
Bovinos - multilobulado e piramidal, onde um é esticado e o outro torcido (esquerdo).
Equinos – O rim direito tem formato de coração e o esquerdo formato de feto.
Felinos – Formato de feijão + inchado e tem a sua vascularização de forma externa.
ANATOMIA DO RIM
ALTERAÇÕES POST-MORTEM
 Autólise Hipóstase
 Decomposição Sangue acumulado
 do tecido por decúbito.
ALT DE DESENVOLVIMENTO
Agnesia: ausência do órgão, podendo ser bilateral (ñ compatível c/ a vida) ou unilateral (compatível c/ a vida, porem causa hiperplasia e hipertrofia do único órgão existente). 
Ectopia – quando o órgão esta fora da posição anatômica normal.
Cistos renais – Congênito afeta os 2 rins e tem prognostico ruim (provavelmente óbito). Já o adquirido normalmente está associados a uma disfunção do metabolismo; no exame de sangue (hemograma) só irá aparecer se 60 a 70% do rim estiver afetado *insuficiência renal* {é considerado um achado de necropsia e acontece + em suínos}.
ALT CIRCULATORIAS.
Hiperemia ativa – decorrente de um processo inflamatório.
Congestão generalizada ou localizada – podem ocorrer decorrentes de sepsemias, neoplasias, parasitas, traumas (perirenais), infartos, entre outros.
Hemorragias têm como principal causa as tóxico-infecciosas.
Hematuria – presença de sangue na urina s/ ou c/ coágulos. Podendo vir de qlqr lugar do s. urinario e na sua microscopia haverá hemácias inteiras.
Hemoglobinúria – presença do pigmento da hemoglobina decorrente da quebra da hemácia.
ALT INFLAMATÓRIAS
Nefrite – Classificação:
Glomerulite – inflamação do glomerulo (região do córtex)
Glomerulonefefrite – inflamação do glomérulo e o nefron (região de córtex e medula respectivamente)
Acomete todos os animais domésticos, podendo acontecem em diferentes doenças infecciosas, o seja, é imunomediada (ocorre quando componetes de defesa do organismo, q são cel grandes, passam pelo gromerulo causando lesão)
tem como conseq. Proteinúria (liberação de proteína na urina) o q causa hipoproteinemia (uma queda nos níveis séricos de proteína no sangue) o que diminui a pressão oncótica ( nos capilares na saída de componentes do sangue, c/ a queda da pressão esse componentes ñ conseguem mais voltar para o vaso sanguíneos) causando o edema (acumulo de liquido no interstício) 
Nefrite intersticial – Quando há inflamação envolta dos túbulos renais (presença de cel. Inflamatórias). 
Pode ser classificada de 2 formas:
AGUDA – tem lesão tubular. Tem como causa drogas, leptospirose, erliquiose, babesiose, etc. Há presença de linf. e plasmocitos
Cronica – Marcante fibrinose (rim claro e firme), mesmas causas da aguda!
Pielite – Inflamação da pelve renal
Pielonefrite – Quando há inflamação da pelve junto com o nefron (região medular * é + susceptível). A região e – oxigenada. Pode ocorrer devido a infecções ascendentes ( da vulda/vagina ou glande/penis para dentro) ou hematógena (origem sanguinea)
As fêmeas são + susceptíveis devido ao seu canal urinário ser menor.
CONSEQ. DA LESÃO GLOMERULAR
Há uma queda da taxa de filtração do sangue, o que retem metabolitos tóxicos ao organismo (ex: uréia) no sangue, onde há uma diminuição da perfusão tubular (troca de subst) causando a perda do nefron, gerando o quadro de UREMIA.
NEFRITE TUBULAR ISQUEMICA/TÓXICA
Isquemia/hipóxia – ou seja, normalmente ocorre devido a falta de O2, por causa de subst tóxicas.
Subst tóxicas exógenas: antibióticos, metais, plantas tóxicas, micotoxinas, etc
Subst tóxicas endógenas: pigmentos biliares, mioglobina, hemoblobina
*Urina cor de coca-cola* – decorrente de lieração de hemoglobina e/ou miolobina, devido a esforço físico em q o animal ñ esta acostumado o q gera um caso de insuficiência renal. Tem tratamento c/ medicações.
PARASITAS
Dioctophyma renale – de canídeos c/ + de 2 anos, pois seu ciclo é longo e só demonstra sinal depois de 2 anos no hospedeiro. É um nematódeo q adulto chega em 100cm, causa destruição do parênquima renal deixando só a cápsula do ruim. 
Stephanurus dentatus- mede de 1 a 1,5 cm e tem coloração P.B. Habita a gordura envolta do rim de suínos. Tem a sua eliminação de ovos pela urina. Esse parasita causa paralisia de membros pélvicos por que acaba comendo nervos da região medula devido a sua proximidade.
HIDRONEFROSE
Ocorre devido ao acumulo de urina na pelve renal q comprime o parenquima (medula e córtex) por que há uma obstrução de algum “setor” do s. urinaro. (ex: ureter ou hiperplasia prostática)
NEOPLASIAS
Carcinoma renal
Nefroblastoma/nefroma embrionário
Linfomas (gatos)
Metastases.
UROLITIASES – URÓLITO
Tem como definição, cálculos nas vias urinárias.
Seu mecanismo de formação varia de acordo com alteração de PH, infecções no T.U e alteração do metabolismo.
Podem estar na pelve, ureter, bexiga e uretra.
A sua composição química varia de acordo c/ as spp: Herbívoros – cálculos de sílica, fosfato e carbonato.
Carnívoros e onívoros- cálculos de oxalato de Ca, ác. úrico ou urato de amônia e fosfato (Dalmata – urase).
INSUFICIENCIA RENAL
Quando 60-70% dos nefrons estão comprometidos. Pode sem aguda ou crônica e é classificada em Pré-renal, Renal e Pós-renal.
AZOTEMIA: é quando há um aumento dos níveis de creatinina e uréia no sangue, ou seja uma diminuição ddas taxas de filtragem glomérulo.
 Uremia 
• Má absorção de cálcio – Rim não ativa a vitamina D – não absorve Cálcio no intestino – estimula paratormônio – hipercalcemia – calcificação metastática por aumento do Cálcio circulante 
• Hemorragia e CID – Uréia: tóxica para as mucosas e endotélio – ruptura de vasos pode estimular a CID 
• Anemia não regenerativa – Rim produz a eritropoetina – estimula medula óssea a produzir eritrócitos
URETER 
Agenesia (Uni ou bilateral)
Aplasia (segmentar)
Inflamação: ureterites
Neoplasias: Raras
BEXIGA 
Persistência do úraco
 Cistites:
Via ascendente (Uretrite, prostatite, metrite, vaginite)
Via descendente (Nefrite purulenta, urolitíase)
Por contigüidade (Peritonite aguda)
Via hematógena (Êmbolo bacteriano)
NEOPLASIA
Fibroma/Fibrossarcoma
Leiomioma/Leiomiossarcoma
Hemangioma/Hemangiossarcoma
Papiloma/Carcinoma das células de transição
ALTERAÇÕES ADQUIRIDAS 
Urolitíase 
Estenose 
Uretrites