A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
AVALIAÇÃO I DE SOCIOLINGUISTICA

Pré-visualização | Página 1 de 2

1.
	Linguística é a área de estudo científico da Linguagem. É considerado linguista o cientista que se dedica aos estudos a respeito da língua, fala e linguagem. Dentro do estudo das línguas, há também o estudo dos pidgins e das línguas crioulas. Com relação aos pidgins e às línguas crioulas, analise as seguintes sentenças:
I- Em situações em que falantes de regiões diferentes precisam interagir mas não há língua em comum entre eles, aparecerão as línguas crioulas, que são sistemas linguísticos auxiliares, reduzidos, com fins específicos, e que não são língua materna de ninguém. 
II- Quando uma língua aproximativa passa a ser a língua da comunidade e torna-se a língua materna dos descendentes dessa comunidade, ampliando, assim, seu uso, teremos um sabir ou pidgin. 
III- Segundo a teoria da nativização, a língua crioula é considerada um pidgin que foi adquirido como língua nativa, ou seja, ele passa a ser língua materna de uma comunidade. 
IV- Segundo a teoria da comunitarização, a língua crioula passa a ser a língua da comunidade, dando conta das necessidades linguísticas desta, apresentando uma expansão em relação à estrutura do pidgin que lhe deu origem. 
Agora, assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	As sentenças I e III estão corretas.
	 b)
	As sentenças II e IV estão corretas.
	 c)
	As sentenças II e III estão corretas.
	 d)
	As sentenças III e IV estão corretas.
	2.
	Variação linguística de uma língua é o modo pelo qual ela é usada, sistemática e coerentemente, de acordo com o contexto histórico, geográfico e sociocultural no qual os falantes dessa língua se manifestam verbalmente. Muitos foram os estudiosos que pesquisaram acerca de variação linguística. Com relação aos estudiosos precursores da Sociolinguística e suas ideias, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) Em suas teorias, Meillet afirma que não há como compreender fatos da língua sem fazer referências à história.
(    ) Bright posiciona-se contra os estudos do Noam Chomsky, organizando um congresso na Universidade da Califórnia, em Los Angeles, no ano de 1964.
(    ) Em um artigo publicado em 1962, Hymes propõe a Etnografia da Fala, que hoje conhecemos como Etnografia da Comunicação.
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	F - V - V.
	 b)
	V - F - V.
	 c)
	V - V - V.
	 d)
	V - V - F.
	3.
	A Análise da Conversação é uma das áreas de estudo da Sociolinguística. Esta parte da constatação de que a língua se forma a partir de atos individuais de interação entre falantes/ouvintes, escritores/leitores que realizam ações individuais e sociais. Com relação a essa área de estudo, é correto afirmar que:
	 a)
	A estrutura conversacional somente pode ser estudada a partir de dois níveis: o macro e o micronível.
	 b)
	A análise de questões do tipo "como nós conversamos?" busca mostrar que a conversação nada pode nos dizer sobre a relação entre sociedade e língua.
	 c)
	Uma das razões que justificam o estudo da conversação é que ela desempenha um papel privilegiado na construção de identidades sociais.
	 d)
	Análise da Conversação, de Luiz Antônio Marcuschi, é a obra mais recente sobre Análise da Conversação.
	4.
	A Sociolinguística tem por objeto de estudo os padrões de comportamento linguístico observáveis dentro de uma comunidade de fala e os formaliza analiticamente através de um sistema heterogêneo, constituído por unidades e regras variáveis. A Sociolinguística Interacional, proposta por Gumperz, em 1970, dá atenção especial à linguagem na comunicação. Com base no exposto, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) Estuda os enunciados que são produzidos em situações reais de interação. 
(    ) A teoria de Gumperz pode ser definida por três palavras-chave: escrita, leitura e interpretação. 
(    ) A Sociolinguística Interacional baseia-se nas áreas da Sociologia, Antropologia e Linguística.
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - F - V.
	 b)
	F - V - F.
	 c)
	F - F - V.
	 d)
	V - V - F.
	5.
	A política e o planejamento linguísticos estão relacionados a questões envolvendo as línguas e a sociedade. Uma das formas de se pensar em uma pedagogia da variação linguística e transitar pelos meandros que caracterizam a pluralidade da língua é a que considera e discute primordialmente políticas
linguísticas. Sobre política e planejamento linguísticos, assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	Para Calvet, a política linguística representa um conjunto de escolhas referentes às relações entre a língua e a gramática normativa.
	 b)
	Para Calvet, qualquer grupo social (ciganos, surdos, falantes de um determinado idioma) pode fazer o planejamento linguístico.
	 c)
	Para Calvet, a política linguística cabe ao Estado, pois este é que possui as condições necessárias para colocá-la em prática.
	 d)
	Para Calvet, o planejamento linguístico é a implementação prática de uma política linguística.
	6.
	Sempre que, em uma sociedade, as pessoas utilizam uma linguagem comum, dizemos que esta é uma comunidade linguística. Com base no exposto, com relação à ideia de comunidade linguística ou de comunidade de fala, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) A comunidade linguística é o grupo de pessoas que utilizam o mesmo conjunto de regras de uma língua. 
(    ) A comunidade linguística não precisa necessariamente falar a mesma língua. 
(    ) Nem todos os indivíduos de uma comunidade linguística falam da mesma maneira, pois as línguas variam em muitos aspectos. 
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - F - V.
	 b)
	V - F - F.
	 c)
	F - V - F.
	 d)
	V - V - V.
	7.
	Em muitas comunidades linguísticas, o uso do dialeto é muito comum. Podemos dizer que dialeto é um conjunto de marcas linguísticas de natureza semântico-lexical, morfossintática e fonético-morfológica, restrito a uma comunidade inserida numa comunidade maior de usuários da mesma língua. Com relação ao dialeto, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) Para a Sociolinguística, as variações regionais são dialetos. 
(    ) Os estudiosos da Linguística consideram o dialeto uma língua de menor prestígio. 
(    ) Para a Sociolinguística, não existe língua ou dialeto mais importante que o outro. 
(    ) Os dialetos são idênticos às línguas do ponto de vista da Linguística, mas não têm tudo que as línguas têm. 
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - V - F - F.
	 b)
	F - V - V - V.
	 c)
	V - F - V - F.
	 d)
	F - F - F - V.
	8.
	O conceito de bilinguismo tem como base a ideia de um indivíduo que fala duas línguas. No entanto, chamar de bilíngue uma pessoa que fala duas línguas pode estar associado a diversas situações de aquisição/aprendizagem dessas duas línguas. Com base no exposto, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) Todas as sociedades são consideradas bilíngues. 
(    ) O multilinguismo também é ligado ao bilinguismo e é utilizado quando a pessoa fala três ou mais línguas. 
(    ) O bilíngue pode ser individual ou social. 
(    ) Para que a pessoa seja considerada bilíngue ela deve ter aprendido as duas línguas na infância. 
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	F - V - V - F.
	 b)
	V - V - F - V.
	 c)
	F - F - V - V.
	 d)
	V - F - F - F.
	9.
	A sociolinguística ou sociologia da linguagem é uma disciplina da linguística que estuda os aspectos resultantes da relação entre a língua e a sociedade, concentrando-se em especial na variabilidade social da língua. Qualquer estudo sociolinguístico deve partir de uma análise cuidadosa do mapa sociológico de uma comunidade, uma vez que quanto mais complexo for o seu tecido social, mais heterogêneo

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.