d1fef743-a6af-4984-850b-0ac88431e216_0
11 pág.

d1fef743-a6af-4984-850b-0ac88431e216_0


DisciplinaProjetos e Praticas da Ação Pedagogica158 materiais73 seguidores
Pré-visualização2 páginas
TEMA: CIDADANIA, BULLYNG
COM RESPEITO, 
NÃO EXISTE BULLYNG
NATALIA VIEIRA GUIMARAES 1762493
POLO CARAGUATATUBA
TEMA
Cidadania e Bullyng
JUSTIFICATIVA
O termo Bullyng tem sido muito tratado em sala de aula nos últimos anos, embora a
palavra seja nova, as ações e atitudes que definem esse comportamento primitivo e
ignorante, tais quais devemos dar severa importância, afim de zelar por nossos
jovens e crianças. Pensando nisso, a supervisão escolar em conjunto com equipes
gestoras de diversas escolas, elaboraram o projeto \u201cCOM RESPEITO, NÃO EXISTE
BULLING\u201d procura agir em conjunto com professores, educandos, equipe pedagogia,
juntamente com a comunidade, buscando e esforçando-se para a prevenção e
conscientização dos alunos e pais, ensinando respeito, aceitação e gentileza em
relação as diferenças do próximo, levando informação para que as famílias, onde
possam observar sinas de que esteja acontecendo algo do tipo, sendo provocador ou
vitima, podendo ser identificado e tratado.
PUBLICO ALVO
Equipe escolar, professores, educandos e comunidade.
OBJETIVOS GERAL
Proporcionar aos funcionários da educação o suporte de formação e 
conhecimento sobre o assunto Bullying e de acordo com as leis e normas 
federais, estaduais e municipais, capacita-los para diagnosticar, identificar e 
resolver possíveis casos de agressão e desrespeito entre personagens deste 
tema, respaldando-os de seus deveres e assegurando que tenham 
conhecimento para melhor desdobramento das ocorrências.
OBJETIVOS ESPECIFICOS
\u2022 Elaborar juntamente com equipe de coordenação pedagógica a programação
a ser seguida, de acordo com os regulamentos da Secretaria de Educação
(atividades, emprego do projeto e alcance).
\u2022 Orientar equipes gestoras sobre o funcionamento e se preciso de adequação
do projeto para melhor atingir alunos e comunidade.
\u2022 Capacitar professores e educandos com palestras, reuniões, seminários que
serão disponibilizados pela Secretaria de Educação.
\u2022 Incentivar a observação dos alunos e conversas com os mesmos, procurando
haver aproximação harmoniosa, para que os mesmos possam sentir-se
confiáveis a informar possíveis atos de bullying.
\u2022 Acompanhar e assessorar professores e educandos no contexto, procurando
avaliar as praticas executadas e orientar sobre técnicas de conversa e corrigir
se necessário.
\u2022 Obter resultados rápidos, persistentes, definitivos, de conscientização e
respeito, cultivando valores de inclusão e tolerância.
PERCURSO METODOLOGICO
\u2022 Realizar apresentação do projeto para as equipes gestoras, juntamente com a
Secretaria de Educação, seguindo as diretrizes e regras situadas.
\u2022 Apresentar aos demais membros das unidades escolares.
\u2022 Organizar informações, palestras a serem feitas, busca de dados, projetos a serem
realizados nas escolas e comunidade.
\u2022 Organizar reuniões para melhor capacitação das equipes gestoras e professores.
\u2022 Produzir em conjunto da secretaria de educação, palestras abertas para a
comunidade de conscientização sobre o tema.
\u2022 Repassar para os professores, projetos a serem seguidos com o intuito de
promover informação, segurança e confiança aos alunos, para encorajar possíveis
conversas, auxilio, amparo, etc.
\u2022 Expandir o conhecimento dos profissionais envolvidos com reuniões com
psicopedagogos, pesquisadores, Policia Militar, profissionais da Saúde, psicólogos,
etc., procurando juntos, a melhor forma de resolver, encarar, solucionar e prevenir
casos.
\u2022 Incentivar a criação cultural de respeito ao próximo e as diferenças que cada
um apresenta, manifestar o desejo por uma sociedade pacifica e erudita, a
qual compreende as diversidades e heterogeneidade do ser humano, e
aceita que cada individuo é único e deve ser respeitado.
\u2022 Encorajar a procura de uma convivência saudável, nas unidades escolares.
\u2022 Gerar uma comissão socio escolar de harmonia e prevenção ao bullying,
formado por estudantes, professores, orientadores escolar, psicólogos,
equipes gestoras e pais. A comissão terá a missão de reunir-se
mensalmente para avaliar ações de prevenção e informação que serão
realizadas nas escolas. Também terá responsabilidade de criar regras de
harmonia e convivência entre os jovens.
\u2022 Procurar solucionar os conflitos, e se necessário tomar as medidas cabíveis
para os casos de agressões, ou ate mesmo se persistirem os atos.
\u2022 Avaliar a metodologia utilizada e se necessário modifica-la ao decorrer do
projeto.
\u2022 Realizar reuniões bimestrais com os pais, levando informação
de como identificar sinais de atenção nos jovens e crianças.
CRONOGRAMA
SEMANAS ATIVIDADES MATERIAIS TEMPO
S
E
M
A
N
A
 1
\u2022 Apresentação do projeto para secretaria de educação.
\u2022 Preparação de material.
\u2022 Divulgação do projeto e ações que serão impostas nas escolas e 
comunidade.
\u2022 Planejamento sobre recursos que serão utilizados.
\u2022 Planejamento das palestras e reuniões.
\u2022 Portifólios, 
slides, 
vídeos, 
papelaria.
Em torno 
de 4 horas 
por dia 
para cada 
encontro.
S
E
M
A
N
A
 2
\u2022 Estudo das Leis de Diretrizes Básicas Municipais, para melhor 
exercício e desempenho do projeto.
\u2022 Estudo dos regimentos escolares e suas regras.
\u2022 Reuniões sobre atitudes que podem ser tomadas de acordo com 
cada regimento escolar e se podem ser feitas alterações para 
melhor funcionamento do projeto.
\u2022 Discussão sobre adaptação do projeto de acordo com as normas, 
se necessário.
\u2022 Portifólios, 
slides, 
vídeos, 
material 
para 
divulgação.
Em torno 
de 4 a 5 
horas por 
dia para 
cada 
encontro.
S
E
M
A
N
A
 3
\u2022 Reunião com equipes escolares para divulgação.
\u2022 Reunião com os pais e comunidade para apresentação do projeto.
\u2022 Preparação das escolas para inicialização das ações.
\u2022 Palestra direcionada aos professores e educandos com 
psicopedagogo, psicóloga e equipe de supervisores.
\u2022 Reunião com equipes supervisora e gestoras para estabelecer 
regras nas escolas e sala de aula contra o bullying. (Quiroz 2006)
\u2022 Portifólios, 
slides, 
vídeos, 
material 
para 
divulgação
Em torno 
de 4 horas 
para cada 
encontro.
S
E
M
A
N
A
 4
\u2022 Reunião de orientação para professores e educandos sobre \u201cCyber 
bullying\u201d e como identificar.
\u2022 Orientação para professores e educandos sobre como identificar possíveis 
agressores e vitimas.
\u2022 Reunião nas unidades escolares com equipes gestoras, professores, pais, 
alunos e comunidade para criação da comissão de prevenção ao bullying.
\u2022 Reunião da supervisão escolar e orientadores com Policia Militar e 
profissionais da Saúde para esclarecer duvidas de como identificar e 
tratas casos sérios de bullying.
\u2022 Orientação para professores e educandos sobre realização de atividades 
para conscientização em sala de aula.
Portifólios, 
slides, 
vídeos, 
material 
de 
divulgação
.
Em torno 
de 4 
horas por 
dia para 
cada 
encontro.
S
E
M
A
N
A
 5
\u2022 Reunião para estabelecer estratégias eficazes para casos de bullying 
relatados pelos alunos.
\u2022 Palestra direcionada aos pais e comunidade com psicopedagogo, 
psicóloga e equipe de coordenação escolar.
\u2022 Palestra com policia militar de como reagir e interferir em possíveis 
agressões e/ou suspeita.
\u2022 Reunião para criação de canal para denuncias contra o bullying entre os 
estudantes e escolas; procurar a melhor forma para elaborar um meio 
seguro, acessível e eficaz para respaldar a vitima e solucionar possíveis 
casos.
\u2022 Divulgação do canal para denuncias contra o bullying nas escolas e 
comunidade; divulgação em redes sociais.
Portifólios, 
slides, 
vídeos, 
material 
de 
divulgação
, internet.
Em torno 
de 4 
horas por 
dia para 
cada 
encontro.