A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
Revisao av1 e av2 de sociologia aplicada ao Direito

Pré-visualização | Página 1 de 6

Av1 Sociologia
Sociologia Aplicada ao Direito: Solução de conflitos por meios alternativos.
·	Os Direitos politicos e o exercicio da Democracia.
O Direito tem sua origem nos!!
Fatos Sociais: Acontecimentos da vida em Sociedade (práticas e condutas que refletem os seus costumes, valores, tradições, sentimentos, culturas).
Direito e Sociedade
A Sociologia Juridica e Judiciária:
·	É a ciência que estuda as relações entre o Direito e suas Instituições / sociedade.
·	Relações sociais: fatos sociais que ocorre dentro de um território.
·	O fato em uma sociedade recebe um valor e este se transforma em Forma Juridica.
Teoria Tridimensional do Direito
·	As normas Juridicas, existem para organizar as condutas na sociedade.
·	O Direito do ponto de vista Sociologico tem função de previnir e compor conflitos; manter o controle social e regular condutas na sociedade.
·	A Sociologia Juridica e Judiciaria: Estuda a relação Direito e Sociedade;
·	Analisar a eficácia e ineficácia da lei.
Obs: A sociologia do Direito é um ramo da sociologia que busca descrever e explicar o fenomeno Juridico como parte da vida social; já a Sociologia Juridica é um ramo do Direito que busca q descrever e explicar a eficácia dos Institutos Juridicos. 
Sociologia Juridica: Estuda a relação entre o Direito e Sociedade.
Eficacia e as funções das normas juridicas.
*Direito como Fato Social. 
Conceito de Sociologia Jurídica e Judiciária
Este conceito envolve dois aspectos:
·	Sociologia Jurídica: a ciência que estuda o direito como fenômeno social (ser).
·	Sociologia Judiciária: analisa os atos praticados por magistrados,advogados, promotores, serventuários etc.
Origem da Sociologia Jurídica 
Nasce como disciplina específica no início do século XX
Os sociólogos do direito consideram que o direito possui uma única fonte: a vontade do grupo social. A sociologia jurídica deve pesquisar o fato do direito, cuja manifestação não depende da lei escrita, mas sim da sociedade, que produz esses fatos e cria relações jurídicas. 
A sociologia jurídica constitui ramo do direito ou da sociologia?
Sociologia do direito indica o ramo da sociologia que tem como objeto de estudo o direito, feito preferencialmente por sociólogos. Já os juristas que estudam as dimensões sociológicas das normas jurídicas, fazem uma sociologia jurídica, permanecendo dentro do sistema jurídico e contribuindo para sua melhoria.
Conceito sociológico de Direito
·	O direito tem sua origem nos fatos da vida em sociedade, que são mutáveis.
·	O direito é um fenômeno cultural. Só existe nas sociedades humanas. 
·	A ideia de direito liga-se à ideia de conduta e de organização
·	O Direito é um conjunto de normas de conduta universais, abstratas, obrigatórias e mutáveis, impostas pelo grupo social, para a disciplinar as relações externas do indivíduo, prevenir e compor conflitos.
A presença do direito na sociedade
As atividades de cooperação e de concorrência 
·	Cooperação: caracteriza-se pela convergência de interesses. 
·	Concorrência: constata-se um paralelismo de interesses. 
Tanto nas atividades de cooperação como nas de concorrência podem ocorrer conflitos de interesses.
Funções sociais do direito: 
·	PREVENIR conflitos; 
·	COMPOR conflitos;
·	CONTROLE social;
·	REGULAÇÃO social;
·	LEGITIMAR o poder.
Existe um ramo da Sociologia, denominado de Sociologia Jurídica cuja vocação é perceber a relação existente entre duas ciências de grande importância para a vida da sociedade (Sociologia e Direito), por tratarem das relações, dos conflitos, das normas, do controle, enfim, de todas as ligações que possam surgir entre os indivíduos e que necessite de normas reguladoras.
Para Cavalieri Filho (2010, p.90) ¨... podemos conceituar a Sociologia Jurídica como sendo a ciência que estuda o direito como fenômeno social(ser), a fim de observar a adequação da ordem jurídica aos fatos sociais, o cumprimento pelo povo das leis vigentes, aplicação destas pelas autoridades e os efeitos sociais por elas(leis)produzidos(eficácia)¨.
Quanto à Sociologia Judiciária, esta tem como objeto de análise científica os atos praticados pelos instrumentos humanos de realização do Direito (magistrados, advogados, promotores, serventuários da Justiça, etc), como por exemplo o ato de julgar dos magistrados, buscando superar a visão do senso comum que enxerga na figura do Juiz um mero agente passivo, o "aplicador da lei”. O estudo da Sociologia Judiciária leva a que se perceba que não são autômatos a executar uma programação estritamente demarcada pela lei, tomada ao pé da
letra.
O ser humano e a sociedade: duas realidades inseparáveis.
O homem é um ser social (Aristóteles)
A sociedade não é um mero somatório de indivíduos.
Sociedade: um conjunto complexo de indivíduos permanentemente associados e equipados de padrões comuns, próprios para garantir a continuidade do todo e a realização de seus ideais. É um conjunto de grupos sociais inter-relacionados e em constante transformação.
SOCIEDADES HUMANAS
 - organização sociocultural
 - Raciocínio
 - criação cultural
 - evolução social
SOCIEDADES DE ANIMAIS
- natureza biológica
- instintos
 Direito como manifestação de cultura social
O direito é um fenômeno cultural. Só existe nas sociedades humanas. Somente a vida humana pode necessitar de normas que a antecipem e pretendam regular, buscando a prevenção da conduta antissocial por meio de sanção que a norma pressupõe.
Cultura social – produtos do espírito (arte, religião, ciência e filosofia), conhecimento vulgar; normas do trato social (folkways), normas morais (mores), o próprio direito, os sistemas de governo e as normas técnicas etc. O direito reflete a sociedade e a sociedade reflete o direito.
Considerações iniciais:
·	O direito, se por um lado está ligado à ideia de conduta do indivíduo, de outro também se liga à organização social. O mundo do direito é o mundo das relações entre os indivíduos, pois na junção dessas duas noções - sociedade e indivíduo – é que se encontra a sua razão de ser. Importante lembrar que não somente as relações entre os indivíduos são objeto do direito, mas também aquelas que se realizam entre o indivíduo e o grupo social, o grupo social e o indivíduo e o grupo social em relação a outro grupo social. 
·	O direito do ponto de vista sociológico é um fato social. A Sociologia Jurídica estuda o fato social em sua estrutura e funcionalidade, procurando saber como os grupos humanos se organizam, se relacionam e desenvolvem, em razão dos inúmeros fatores que atuam sobre as formas de convivência.
Função social do Direito:
Que funções o direito cumpre na sociedade?
·	1. Preventiva : Valendo-se do disciplinamento social, estabelecendo regras de conduta social, direitos e deveres, o direito preocupa-se em evitar ou prevenir o conflito. O direito assume então a função social de prevenir conflitos.
·	2. Função compositiva do direito : O conflito por vezes é inevitável, e necessário se faz solucioná-lo. E aí está outra função social do direito: compor conflitos, solucionando-os. Isto quer dizer que o direito identifica, arranja e resolve os conflitos que poderiam perturbar
 o equilíbrio e a ordem social.
·	3. Controle social : O direito é socializador em última instância. Só é necessário quando a conduta humana já se distanciou da tradição cultural aprendida pela educação, pela moral e religião, e alcançou o nível do ilícito, ou do crime.
·	4. Função de Regulação Social : Essa é uma função de tipo organizacional, na medida em que sua finalidade última é, justamente, a organização da vida em sociedade. Nesta função, o caráter organizador do direito conduz o comportamento jurídico, influenciando na formação dos hábitos dos sujeitos sociais, seu agir e suas perspectivas, e com isso evitando que venham a surgir conflitos. Assim, os comportamentos vão se orientando no sentido recomendado pelos modelos normativos do ordenamento jurídico.
 A regulação social é possibilitada por meio do caráter persuasivo das

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.