Anatomia Vegetal (1)
51 pág.

Anatomia Vegetal (1)


Disciplina<strong>farmacognosia</strong> Aplicada20 materiais53 seguidores
Pré-visualização1 página
Ciências biológicas
Profa: Karoline Jatobá
Anatomia Vegetal
Organologia
Organologia
Plantas superiores (Gimnospermas e ANGIOSPERMAS)
RAIZ, CAULE, FOLHAS, FLORES, SEMENTES e FRUTOS 
Classificação dos órgãos 
ÓRGÃOS VEGETATIVOS -> Raiz, Caule e Folhas
Função: Absorção, sustentação, produção de seiva elaborada...
ÓRGÃOS REPRODUTIVOS -> Flores, Sementes e Frutos
Função: Atrair polinizadores, alimentar o embrião, proteger a semente...
Anatomia da raiz
Raiz
\uf097 Sem clorofila
\uf097 Função principal: Fixação e absorção e transporte de nutrientes
\uf097 Funções secundárias: Dependem do ambiente em que a planta vive \u2013
Local seco, úmido, frio, quente, inclinado...
\uf097 Formam o SISTEMA RADICULAR
Classificação
\uf071 Raiz axial ou pivotante: apresenta um eixo principal que
penetra no solo e emite raízes laterais secundárias. É típica de
dicotiledôneas (feijão) e gimnospermas (pinheiros);
Raízes terrestres
\uf097 Raiz fasciculada: sem eixo principal; todas crescem igualmente. 
Algumas ficam na superfície, aproveitando a água das chuvas passageiras. 
É típica das monocotiledôneas (milho, capim).
Raiz
\uf071 TUBEROSA -> Acumulam material nutritivo de reserva. São muito 
espessas
EX: Cenoura, beterraba 
Raiz
Raiz Aérea 
\uf071 SUPORTE ou ESCORAS -> Contribuem para fixação no solo 
(presente em plantas de solo pouco firme)
EX: Plantas de mangue 
(Rhizophora mangle)
Raiz Aérea 
\uf071ESTRANGULANTE -> Estrangulam a planta que é usada como apoio
EX: Figueira mata-pau 
Raiz Aérea 
\uf071 TABULAR -> Aumentam a sustentação e ajudam na respiração
EX: Figueira
Raiz Aérea 
\uf071GRAMPIFORME-> Fixação de trepadeiras
EX: Hera
Raiz aquática 
\uf071AQUÁTICA -> Fazem a absorção de H2O e nutrientes e flutuação. 
Não tem a função de sustentação! 
EX: Aguapé, Salvinia
Raiz adventícia 
\uf071NÃO são originadas da radícula, e sim de caules ou folhas.
EX: Milho e Cana-de-açúcar
RAÍZES COM IMPORTÂNCIA 
FARMACÊUTICA
\uf071 Alcaçuz (Glycyrrhiza glaba L): expectorante e atiespasmódico
- Hidraste (Hydrastis canadensis L.): hemostático, empregado 
nas hemorragias uterinas e dismenorréias
\uf071 Ipecacuanha (Cephaelis ipecacuanha): emético, expectorante 
e amebicida
\uf071 Jurubeba (Solanum paniculatum): colagogo, colerético e 
diurético
\uf071 Valeriana (Valeriana officinalis): calmante
Caule
IMPORTÂNCIA / FUNÇÃO:
\uf097 Suportar folhas, flores e frutos
\uf097 Estabelecer comunicação entre a 
raiz e as folhas
\uf097 Outras:
\uf097 acúmulo de reservas 
(ex: cana -de açúcar)
Caule
\u2022 Gemas - regiões
meristemáticas
\u2022 Nós \u2013 regiões onde ocorre a
inserção das folhas
\u2022 Entrenós \u2013 região localizada
entre dois nós consecutivos
\u2022 Folhas \u2013 expansões laterais do
caule
Caule
Caules subterrâneos 
\uf071RIZOMA -> Crescem horizontalmente e emitem ramos aéreos
EX: Espada-de-São-Jorge, bananeira, samambaias e gramíneas
Caules subterrâneos 
\uf071TUBÉRCULO-> Armazenam material nutritivo
EX: Batata inglesa, inhame
Caules subterrâneos 
\uf071BULBO -> Caule achatado (prato) que serve de base para bulbilhos ou 
folhas carnosas (mat. reserva)
EX: Cebola, alho
Caules aéreos eretos
\uf071TRONCO -> Estrutura lenhosa e ramificada 
EX: Árvores ( Gimnospermas, mangueira, goiabeira)
Caules aéreos ereto 
\uf071HASTE -> Fino (sem cresc. 2º) e CLOROFILADO
EX: Margarida, girassol, gramíneas
Caules aéreos ereto 
COLMO -> Cilíndrico com nós e entre nós bem marcados
EX: Bambu
Caules aéreos - rastejante 
\uf071RASTEJANTE -> Espalha-se sobre a terra
EX: Salsa-da-praia e Melancia
Caules aéreos - aquático
\uf071AQUÁTICO -> Tenro e clorofilado com aerênquima
EX: Aguapé
Folha 
Caule aquático
Raiz aquática
Modificações
GAVINHAS -> Adaptados a fixação
CLADÓDIO 
Adaptados ao 
armazenamento de água
\u2260
ESPINHOS 
Adaptados a 
proteção
Caules com importância 
farmacêutica
\uf071 Carqueja Amarga (Bacharis trimera): diurético
\uf071 Gengibre (Zingiber officinale): estimulante digestivo
\uf071 Zedoária (Curmuma zedoaria): estimulante digestivo e 
hepatoprotetor.
Folha
\uf071Estrutura laminar, verde com muita clorofila
\uf071Não são permanentes ou seja há renovação (queda e substituição)
\uf071Função principal: Fotossíntese
\uf071Funções secundárias: Troca gasosa (estômatos), controle da 
quantidade de água (transpiração e sudação)
Anatomia da folha
Anatomia da folha
Anatomia da folha
\uf071 São constituídas basicamente
de:
\uf071 Limbo - laminar e verde,
comumente muito delgado;
\uf071 Pecíolo - espécie de pedicelo,
inserido na base do limbo;
\uf071 Bainha - situada na parte
inferior do pecíolo.
Folhas com importância 
farmacêutica
\uf071 Alcachofra (Cynara scolymus): colerético, colagogo, diurético 
e laxativo
\uf071 Boldo (Peumus boldus): estimulante da função digestiva
\uf071 Eucalipto (Eucalyptus globulus): expectorante, antiparasitário
\uf071 Maracujá (Passiflora alata): sedativo
\uf071 Sene (Cassia angustifolia): laxativo
Folhas modificadas
Flores
\uf071Flores verdadeiras =ANGIOSPERMAS
\uf071Órgão reprodutor da planta
\uf071Evolução = Modificação para atrair POLINIZADORES
\uf071Função = reprodução
Anatomia das Flores
Polinização
Fecundação
\uf071Fecundação é a união da célula reprodutora masculina 
(anterozóide) com a células reprodutora feminina (oosfera) 
Flores com importância farmacêutica
\uf071 Arnica (Arnica montana): tratamento de traumatismos
\uf071 Camomila (Matricaria camomilla): ansiolítica
\uf071 Calêndula (Calendula officinalis): tratamento de contusões
\uf071 Cravo-da-índia (Syzigium aromaticum): estimulante estomacal
\uf071 Laranjeira (Citrus aurantium): antiespasmódica, calmante, 
hipnótico brando.
Frutos
\uf071ORIGEM: DESENVOLVIMENTO do OVÁRIO da flor 
após a fecundação;
\uf071 EXCLUSIVO DE ANGIOSPERMA
Fecundação
1º núcleo espermático (pólen) + Oosfera = SEMENTE
estimula produção desenvolvimento do ovário
SEMENTE =======> hormônios =======> FRUTO
Frutos
Frutos
Tipos de Frutos
Pseudofruto
\uf071Falso fruto! Desenvolvimento do receptáculo
Infrutescência
\uf071Provém de uma inflorescência
Frutos com importância 
farmacêutica
- Ameixa (Prunus domestica): laxativo
- Baunilha (Vanilla planifolia): estimulante do apetite
- Coentro (Coriandrum sativum): estimulante digestivo
- Limão (Citrus medica): anti-séptico e estimulante da função 
digestiva
- Salsa (Petroselinum sativum): diurético
Sementes
\uf071ORIGEM: DESENVOLVIMENTO do ÓVULO da após a 
fecundação;
\uf071 EXCLUSIVO DE GIMNOSPERMAS e ANGIOSPERMAS
fecundação
1º núcleo espermático (pólen) + Oosfera = SEMENTE
estimula produção desenvolvimento do ovário
SEMENTE =======> hormônios =======> FRUTO
Sementes
\uf071Origem: Óvulo Fecundado
\uf071 Importante na evolução das plantas pois:
\uf071 Protege o embrião
\uf071Possui substância nutritiva
\uf071Permite dispersão eficiente
Sementes
Sementes com importância 
farmacêutica
\uf071 Cacau (Theobroma cacao): agente de sabor
\uf071 Café (Coffea arabica): cartiotônico, estimulante e diurético
\uf071 Castanha-da-índia (Aesculus hippocastanum): varizes e 
hemorróidas
\uf071 Guaraná (Paullinia cupana): estimulante do sistema nervoso, 
diurético